fbpx

Vereadora Lucianny cobra mais humanização da gestão de Gustavo e Fabielle na saúde com as pessoas necessitadas e criação de Centro de Síndromes Gripais


A vereadora Lucianny Guerra participou de entrevista no Microfone Aberto na Nova 89 FM em Assú hoje, e fez um discurso cheio de cobranças mas principalmente de apelo, para que a gestão na saúde da Prefeitura do Assú comandada pelo prefeito Gustavo e a vice Fabielle, seja mais humanizada e tenha mais empatia pelo povo da cidade.

A vereadora municipal deu um relato demorado sobre os problemas que assombram a população de Assú, que já sofre com o desemprego e estão em situação de vulnerabilidade social, e agora ainda sofre com a falta de sensibilidade da gestão de Gustavo e Fabielle, porque insiste em colocar todas as pessoas com síndromes gripais dentro da UPA, o que tem gerado uma confusão gigantesca, porque quem vai na UPA com AVC está sujeito a contrair COVID, porque é tudo misturado.

E pra completar, a gestão fecha o centro de COVID no pior momento, e diante de tanta incompetência da Secretaria Municipal de Saúde, a vereadora LUcianny sugeriu criar um Centro de Enfrentamento as Síndromes gripais, que nesse período sempre tem um crescimento muito grande, além da dengue que também nesse período vem mais forte.

Todo gestor sabe que nesse período tem um crescimento das síndromes gripais, e como Gustavo e Fabielle colocam esse setor dentro da unidade da UPA? só pode ficar superlotado.

Lucianny ainda relatou também que existem Profissionais que dormem no chão, algumas camas são sustentadas por tijolos, os profissionais estão cansados e insatisfeitos e ainda tiveram seu salário reduzido em 20% estando na linha de frente. E pra completar só existe um médico atendendo na UPA.

O município precisa acordar e dar suporte necessário para população ir nas unidades básicas, com estruturas físicas, profissionais e medicamentos. E a gestão precisa repensar suas ações que não estão atendendo as necessidades da população.

“Respeite nossos profissionais da saúde que estão cansados. Peço encarecidamente que o prefeito Gustavo e a vice Fabielle revejam esse planejamento e abram um centro de enfrentamento as síndromes gripais no Ginásio Arnóbio Abreu, das 09 as 21h, através de um levantamento de horário de horário de pico nas unidades básicas e na UPA, e desafoguem essas unidades e façam um planejamento estratégico que funcione”, afirmou a vereadora Lucianny.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: