fbpx

PSL vai governar três estados, e Bolsonaro terá apoio de 12 governadores

Resultado de imagem para O governador eleito de Rondônia, Coronel Marcos Rocha (PSL-RO), durante agenda de campanha eleitoral
Coronel Marcos Rocha (PSL) eleito governador em Rondônia, ao lado de Jair Bolsonaro, do mesmo partido (Coronel Marcos Rocha/Facebook/Divulgação)

O PSL, partido do novo presidente, Jair Bolsonaro, fez três governadores estaduais, que tomam posse nesta terça-feira (1º). O bombeiro militar Comandante Moisés assume o governo de Santa Catarina. Em Rondônia, o novo governador é o policial reformado Coronel Marcos Rocha. Em Roraima, o empresário Antonio Denarium.

Antes das eleições de 2018, o partido, até então nanico, só havia eleito um governador, Flamarion Portela, em 2002, em Rondônia -mas ele saiu do PSL e entrou para o Partido dos Trabalhadores no começo do ano seguinte.

Agora, o PSL terá três governadores, mesma quantidade que o PSDB, MDB e PSB. O PT é o partido que mais governará estados: quatro no total. (Thiago Amâncio – Folha de São Paulo)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: