Primeira Turma do STF deve rejeitar pedido de prisão de Aécio Neves

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) se prepara para julgar o pedido de prisão do senador Aécio Neves (PSDB-MG) na próxima semana com a tendência de rejeitar novo pedido de prisão, mas manter afastamento do tucano do Senado. A maioria dos ministros está inclinada a manter a decisão tomada em maio pelo relator da Lava-Jato, ministro Edson Fachin, que rejeitou o primeiro pedido de prisão feito pela Procuradoria Geral da República (PGR).

Na ocasião, Fachin determinou o cumprimento de medidas cautelares: o afastamento do mandato, o impedimento de conversar com outros investigados e a proibição do senador de deixar o país. Essas medidas também devem ser mantidas pelo colegiado.

No julgamento do recurso da irmã do senador, Andrea Neves, ocorrido na última terça-feira, a Primeira Turma deixou claro que é mais dura que a Segunda Turma, que conduz a Lava-Jato. Mesmo sem ter sido condenada em nenhum processo, Andrea foi mantida na prisão, sedimentando a tendência do colegiado de ser mais dura com questões penais. A Segunda Turma, no mês passado, libertou o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, que já foi condenado no mensalão e na Lava-Jato. As informações são de O Globo.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: