Prefeito do Assú é alertado para coibir venda de locais nas filas de atendimento nos postos de Saúde

A imagem pode conter: 3 pessoas, incluindo Jota Ribamar Jota, pessoas sorrindo, close-up

O prefeito do Assú Gustavo Soares tem sistematicamente desobedecido e desafiado abertamente o Ministério Público se recusando inclusive a realizar licitação para a contratação de empresa para a coleta do lixo urbano, mas parece que os dias de fora da lei do chefe do executivo municipal, estão com os dias contados, apesar dos  15 vereadores permanecerem calado e com medo de fiscalizar os atos do governante, e perderem boquinhas que usam e abusam em troca do silêncio.

Sem poder contar com o Poder Legislativo Municipal, o 3º Promotor de Justiça da comarca de Assu/RN, Alexandre Gonçalves Frazão, começou a agir e encaminhou oficio ao prefeito Gustavo Soares, e à Secretária Municipal de Saúde de Assu, Viviane Lima da Fonseca, para que, em até 90 dias, implantem o atendimento via classificação de risco nas unidades básicas de saúde e demais serviços de saúde do município.

A medida do MP tem por objetivo acompanhar as medidas tomadas pela Secretaria de Saúde para evitar a venda de locais nas filas de atendimento nos posto da Prefeitura do Assú. VEJA AQUI

Veja abaixo video que registra moradores do Assú dormindo na fila para poder pegar uma ficha de atendimento :

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: