Na Princesa FM, Lucílio e Jarbas deixam Líduina enlamear a honra de todos no hospital do Assú

Resultado de imagem para jarbas rocha e lucilio filho Assu
Jarbas a serviço do gabinete do deputado George Soares deixa Liduina enlamear a honra de todo no hospital do Assu

O diretor geral da Princesa FM, Lucílio Filho, em conluio com o repórter Jarbas Rocha, que estão a serviço da Prefeitura do Assu, com a emissora faturando R$ 19 mil do governo do prefeito Gustavo Soares e da Câmara de Vereadores do Assu, mais de R$ 13 mil por mês, totalizando mais de R$ 32 mil mensal, deixaram hoje, a ex-diretora do hospital regional do Assu Liduina Melo, a enxovalhar e enlamear a honra de todos os médicos, enfermeiros e outros profissionais no Caderno de Ocorrência, sem apresentar uma prova para comprovar uma máfia existente no hospital que pratica a compra e venda de plantões.

Apesar de não citar nomes dos ex-diretores do hospital e dos médicos, enfermeiros e outros profissionais que integravam essa suposta máfia, o reporter Jarbas Rocha com a permissão do diretor Lucilio Filho, mesmo assim, ouviu a ex-diretora falar de máfia e fazer outras graves acusações, atingindo por tabela todo mundo que trabalha no hospital que pode e devem solicitar o direito de resposta e acionar a Justiça contra Liduina, Jarbas Rocha, Lucílio Filho e a própria Princesa FM, por crime de calúnia, difamação e injuria, além de danos morais.

A imagem pode conter: Lucílio Filho Cici, sorrindo, sentado
Para agradar ao Jacaré, o radialista Lucilio Filho, cometeu um grave erro que permite a qualquer funcionário ou servidor do hospital o direito de resposta ou até uma ação judicial

A sociedade do Assu está estupefata com a conduta irresponsável do radialista Jarbas Rocha e do diretor da Princesa FM Lucílio Filho, que permitiram Liduina Melo falar sem provas nenhuma e também por não citar nomes, envolvendo os que porventura integram essa máfia do plantão. Hoje na cidade não se fala em outra coisa e todo mundo quer saber os nomes de médicos, enfermeiros, técnicos e outros profissionais que compram ou vendem plantões no hospital regional do Assu.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: