Na ONU, ministro do Trabalho é acusado de ‘golpista’ por sindicatos

Ministro do Trabalho é acusado de 'golpista' por sindicatos

Sindicatos brasileiros e estrangeiros protestam na ONU contra o governo de Michel Temer e, dentro do salão principal da Assembleia, gritaram “Fora Temer” e acusaram o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, de “golpista”.

Os manifestantes usaram o discurso do chefe da pasta do Trabalho para protestar, sendo retirados pelos policiais da ONU. Durante sua presença nas Nações Unidas, Nogueira ainda foi sempre acompanhado por um segurança.

Com a presença de delegações brasileiras também representando os empregadores e o governo, o protesto dos sindicatos acabou se transformando em uma troca de ofensas. Alguns dos representantes dos empresários acusaram os sindicalistas de “salafrários” e outras ofensas, com o dedo apontado.

O ministro, ao terminar seu discurso, não se pronunciou sobre o incidente e sua assessoria indicou que, por conta de uma “agenda muito apertada”, somente poderia falar com a reportagem do Estado na quinta-feira.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: