fbpx

Energia é cortada no Conselho Tutelar de Assú por irresponsabilidade e incompetência do prefeito Gustavo Soares

O prefeito da cidade de Assú, Gustavo Soares, comete mais um ato inédito na administração pública, que talvez, pode até ultrapassar o maior vigarista do município, que é o seu pai, Ronaldo Soares, no que diz respeito a irresponsabilidade.

Mais uma vez, a cidade do Assú sofre na pele, as consequências de ter um gestor ausente, que pela falta de vontade se torna incompetente e irresponsável, ao permitir que a energia do local onde funciona o Conselho Tutelar seja cortada pela falta de pagamento.

A vereadora Lucianny denunciou nas redes sociais, mostrando o total despreparo da gestão que prega cuidado e amor com o povo, ficando claro que tudo na teoria é muito lindo, mas na prática, é um desastre total.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: