Wálace andou se escondendo da Justiça de Assú para não pagar dívida

O presidente da Câmara de Vereadores do Assu e empresário João Walace, que figura coo réu e está enrolado até o pescoço de dívidas com o Banco do Nordeste; e para se safar das cobranças, andou se escondendo da Justiça, para protelar a pendenga.

Em agosto deste ano, o chefe da secretaria da Comarca do Assú, Pedro Batista de Sales Neto, revela em documento que como não foi possível encontrar Walace, determinou por intermédio de seu advogado, para que, no prazo de 15 (quinze) dias, informe o endereço do demandado tendo em vista que restou infrutífera a tentativa de localização do mesmo.

O Banco do Nordeste está cobrando uma dívida contraída por Walace e a cerâmica Portal do Vale, no valor de mais de R$ 1,3 milhões.

Deixe um comentário

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: