Temer tem contrato de R$ 1,4 milhão para motoristas executivos

A crise não tem afetado algumas mordomias do Poder Executivo. A Presidência da República, por exemplo, fechou no início de outubro deste ano um contrato de R$ 1,4 milhão para prestação de serviço de condução de veículos pertencentes à frota da Pasta. O serviço é realizado por meio de motoristas executivos.

A empresa contratada, por pregão eletrônico, foi a G&E Serviços Terceirizados. De acordo com o edital de licitação, a licitação visa propiciar a Presidência da República as condições de deslocamento de autoridades, o transporte de pessoas em serviço, a entrega de documentos e materiais em pequenas cargas visando garantir meios para que o Órgão possa exercer suas funções institucionais.

Os serviços são prestados no Distrito Federal e nas cidades do Entorno elencadas em Convenção Coletiva de Trabalho em que não há necessidade de reembolso de despesas com as viagens. As informações são do portal Contas Abertas.

“A contratação do serviço para a condução de veículos pertencentes à frota da Presidência da República faz-se necessária, devido à insuficiência de motoristas oficiais no quadro de servidores, necessários na operacionalização dos procedimentos quanto ao apoio das suas atividades administrativas”, diz o edital.

Confira os itens contratos para o serviço:

– 16 motoristas executivos, com jornada de segunda a sexta, sendo que 9h em 4 dias (das 08h às 18h) e 8h em um dia da semana (das 08h às 17h).

– Quatro motoristas executivos, com jornada de segunda a sexta, sendo que 09h em 4 dias (das 14h às 00h) e 8h em um dia da semana (das 15h às 00h).

– Um supervisor para serviços de motoristas executivos, com jornada de segunda a sexta, sendo que 9h em 4 dias (das 08h às 18h) e 8h em um dia da semana (das 08h às 17h).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: