Teimosia do prefeito do Assu Gustavo Soares pode levá-lo a cadeia

A imagem pode conter: 1 pessoa, sentado e área interna
Prefeito do Assu garante apoio a reeleição de Prates e não exige licitação do lixo para empresa do cunhado do presidente do diretorio do PT em Assu Vouclene Bezerra

O prefeito do Assu Gustavo Soares vai acabar na cadeia com essa mania de desafiar a lei e o Ministério Público, se recusando a realizar licitação para a contratação de empresa de coleta do lixo urbano.

Atualmente, o monopólio está nas mãos de uma empresa do cunhado do presidente do PT Vouclene Bezerra, que já arrecadou mais de R$ 7 milhões e até o final do ano, vai faturar mais de R$ 11 milhões, com a farra do lixo no governo do irmão do deputado George Soares.

A teimosia do prefeito e doutor Gustavo Soares, do PR, poderá levá-lo a cadeia, se permanecer desafiando a lei para proteger o cunhado do presidente do diretório do PT do Assú Vouclene Bezerra que se acha protegido pela governadora do RN Fátima Bezerra e do senador Jean Paul Prates, ambos do PT. 

A amizade de Vouclene com a deputada federal Natalia Bonavides e o secretário Mineiro que não foi convidado para participar da farra em Boston e ficou em Natal, chupando o dedo, não lhe garante essa prerrogativa de privilegio e muito menos a empresa do seu cunhado.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: