fbpx

RN está entre os mais atrasados na vacinação contra covid

O número de doses de vacinas administradas contra a covid-19 nos nove Estados do Nordeste supera 17,8 milhões de aplicações, de acordo com os dados da plataforma Localiza SUS, do Ministério da Saúde. O Rio Grande do Norte ocupa a sexta posição entre as unidades federativas da região, com 1.160.782 de doses aplicadas até a noite dessa terça-feira (8).

Conforme balanço do Ministério da Saúde, o Rio Grande do Norte é o quarto Estado do Nordeste que menos aplicou vacinas da covid.

A Bahia lidera o número de aplicações (5.238.501 doses). Em seguida, o Ceará (3.066.573 doses aplicadas), Pernambuco (2.991.717 doses), Maranhão (1.966.312) e Paraíba (1.353.156), todos à frente do Estado potiguar em relação ao número de vacinas contra a covid-19 administradas nos integrantes dos grupos prioritários.

Segundo a plataforma RN + Vacina, do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN), o Rio Grande do Norte recebeu 1.637.060 doses de três diferentes imunizantes até o momento. Desse total, 1.171.406 unidades foram distribuídas aos municípios para aplicação da primeira e segunda dose – no caso dos imunizantes CoronaVac/Butantan e Oxford/AstraZeneca – e da primeira dose, no caso da Pfizer/BioNtech. Ainda de acordo com o RN + Vacina, 343 unidades foram distribuídas para a reposição de perdas técnicas.

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/RN) dispõe de 23.844 doses em estoque (reserva técnica), além de mais 141.810 unidades da Oxford/AstraZeneca, reservadas para a aplicação da segunda dose. Ainda de acordo com a plataforma RN + Vacina, 380.747 pessoas estão com o esquema vacinal completo, ou seja, receberam as duas doses que garantem a eficácia do imunizante contra a covid-19. O número equivale a 35% do público-alvo da fase atual de vacinação, cuja estimativa é imunizar 1.083.590 pessoas no Estado.

A Sesap esclareceu que o Rio Grande do Norte recebe as doses do Ministério da Saúde (MS) referentes à população por grupo prioritário e também pela estimativa de habitantes feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Um critério considerado “defasado” pela pasta. “O MS se baseia em uma estimativa defasada do IBGE, que infelizmente não traz todas as nossas necessidades de doses. Isso acontece em todo o País, com exceção de alguns Estados como o Maranhão, que recebeu mais doses depois de confirmado o primeiro caso de nova variante”, explicou a pasta estadual.

População

O Rio Grande do Norte tem uma população estimada em 3.534.165 habitantes, conforme dados do IBGE. As unidades federativas do Nordeste (Piauí, Sergipe e Alagoas) que aplicaram doses inferiores ao número administrado pelo RN até o momento, possuem estimativa populacional menor do que o Estado potiguar. No que diz respeito à ampliação da faixa etária para a vacinação de pessoas sem comorbidades, nas capitais, no entanto, os dados não apresentam uma ordem por estimativa populacional.

Em São Luís (MA) estão sendo vacinadas pessoas de 41 anos e mais; em João Pessoa (PB) e Recife (PE), pessoas de 50 anos e mais; em Maceió (AL), pessoas de 54 anos e mais; em Salvador (BA), 55 anos e mais; em Teresina (PI), 56 anos e mais; em Aracaju (SE), 57 anos e mais; em Fortaleza (CE), 59 anos e mais.

Comparativo
Doses aplicadas no Nordeste, incluindo primeira e segunda doses:

Bahia
14.930.634 habitantes
5.238.501 doses aplicadas

Ceará
9.187.103 habitantes
3.066.573 doses aplicadas

Pernambuco
9.616.621 habitantes
2.991.717 doses aplicadas

Maranhão
7.114.598 habitantes
1.966.312 doses aplicadas

Paraíba
4.039.277 habitantes
1.353.156 doses aplicadas

Rio Grande do Norte
3.534.165 habitantes
1.160.782 doses aplicadas

Piauí
3.281.480 habitantes
973.923 doses aplicadas

Sergipe
2.318.822 habitantes
708.660 doses aplicadas

Alagoas
3.351.543
400.936 doses aplicadas

Fontes: IBGE / Ministério da Saúde

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: