fbpx

Projetos de George Soares reconhecem Assu como Terra da Poesia e protege cultivo da carnaúba

A valorização da cultura de Assu e a preservação do bioma existente e característico do município e regiões vizinhas, foram o escopo de dois projetos de autoria do deputado estadual George Soares (PL). O primeiro reconhece Assu como a Terra da poesia e o segundo, cria mecanismos de proteção ao cultivo da Carnaúba, ambos aprovados por unanimidade pelos deputados da Assembleia Legislativa do RN, nesta quarta-feira (19).

O parlamentar agradeceu aos seus pares pelo reconhecimento à cidade de Assu, que é um celeiro de poetas de renome estadual e nacional.

“Da minha querida Assu saíram e saem poetas para todos os lugares do mundo. Levando as rimas do nosso Vale por tantos lugares. E para tornar isso institucional, um marco cultural, apresentamos na Assembleia do RN esse projeto de lei para reconhecer a Capital do Vale como a Terra da Poesia, a Atenas potiguar. No intuito de valorizarmos a cultura da Terra dos Verdes Carnaubais, a terra dos poetas, a terra da poesia ou a Atenas Norte-Riograndense é que propomos essa iniciativa”, disse o deputado George.

Também foi aprovado à unanimidade, o Projeto de Lei 185/2019, que cria o Programa Estadual de Preservação e Recuperação da palmeira carnaúba e de estímulo às atividades produtivas dela derivadas e que proíbe a derrubada injustificada de palmeiras da espécie (copernícia prunífera), também foi aprovado pelos deputados.

“A carnaúba é uma riqueza natural do nosso estado, um símbolo da nossa região, encontrada em poucas partes do mundo. É dela que se extrai a cera da carnaúba, que é um produto de alta qualidade, utilizado em indústrias de tecnologia e espacial. Esse nosso projeto vem para dar mais preservação aos carnaubais e também para incentivar, de forma legal, as atividades de extração de seus derivados, como a cera da Carnaúba,” afirmou George Soares.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: