‘Problema do presidente’, diz Goldman sobre fala de Padilha

Resultado de imagem para goldman

O presidente interino do PSDB, Alberto Goldman, reagiu com irritação às declarações do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, de que o PSDB não faz mais parte do governo.

Goldman já tinha dito antes que após o desembarque, se o presidente Michel Temer decidisse manter no governo algum ministro ou ocupantes de outros cargos em sua cota pessoal, o partido não iria ser obstáculo.

— Problema do Padilha e, mais, do presidente Temer — reagiu Goldman ao comentar as declarações de Padilha.

Na mesma linha, o ex-candidato a presidência do partido, senador Tasso Jereissatti (CE) minimizou a fala de Padilha.

O senador cearense disse que essa sempre foi a sua posição e de um grupo de parlamentares que apoiaram sua candidatura: sair do governo e continuar apoiando matérias de interesse do Brasil.

Sobre as declarações do governador Geraldo Alckmin, de que em sua gestão como presidente do PSDB, o partido não estaria no governo, Tasso observou que ele manifestou uma constatação óbvia.

— Esse já era o sentimento do partido há muito tempo. Não era o sentimento de algumas pessoas — disse Tasso alfinetando os ministros e a ala governista do PSDB.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: