fbpx

Prefeitura do Assú não permite que blogs situacionistas divulguem valores de Royalties que é de R$ 2 milhões mensalmente e em 2021 totalizaram quase R$ 22 milhões

Circula nos bastidores da política em Assú, de que o prefeito Gustavo Soares e a vice Fabielle, estrategicamente, proibiram os blogs situacionistas de divulgarem os valores recebidos de royalties pelo município.

Os blogs situacionistas são alvos da opressão da oligarquia Soares, que se não seguirem a cartilha, ou seja, dançar conforme a música toca, estão fora do jogo. Com isso, os blogs deixam de anunciar à população que mensalmente a prefeitura recebe quase R$ 2 milhões e só em 2021 chegou a quase R$ 22 milhões ao ano.

A proibição pode também ter outro motivo além de não deixar a população consciente de que a prefeitura tem dinheiro, mas também é para não chamar a atenção do MP e PF sobre a aplicação correta ou não dos recursos recebidos, já que como falta transparência e a folha de pagamento dos comissionados e contratados supera a receita do município, Gustavo e Fabielle preferem o anonimato a ficar em evidência.

Os municípios devem destinar as verbas de royalties para investimentos e esses recursos não podem ser utilizados, por exemplo, para despesas com custeio e pagamento de salários de forma nenhuma, por isso, algumas cidades tem sido alvo de investigações porque a lei para utilização desses recursos de royalties é clara, e caso esteja sendo utilizada de forma errada, eles podem estar cometendo grave infração.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: