fbpx

Politicagem de Gustavo, George e Fabielle, impediram que Assú recebesse 4 respiradores

As ações de politicagem do prefeito Gustavo, da vice Fabielle e do deputado George Soares, estão ultrapassando todos os limites de empatia e humanidade, porque em plena pandemia, com a crise na saúde de Assú, eles fazem a gestão perder emenda do deputado federal Beto Rosado, de R$ 200 mil para aquisição de 4 respiradores.

O não pronunciamento da Prefeitura do Assú, comandada pelo prefeito Gustavo e a vice Fabielle, que se importam mais em bater foto nas redes sociais, do que trabalharem em favor do povo, está sendo considerado não mais como incompetência, e sim, maldade.

Com a maldade de Gustavo, Fabielle e George, o munícipio do Assú perde emenda para respiradores em um momento critico que o munícipio passa, com aumento de casos de infectados e o sistema de saúde quase colapsado.

O deputado George é do tempo que quanto pior melhor, por isso, tudo que não vier dele, ele atrapalha, nem que isso custe vidas de pessoas que garantem a boa vida dele e de seus familiares, que ganham altos salários nos gabinetes em Brasília sem dar expediente.

Circula nos grupos a imagem acima há dias, e a Prefeitura não se pronuncia e nem assume que sua gestão é apenas para interesses individuais de cada um, que se beneficiam com cargos públicos e deixam o povo na miséria.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: