Polícias Civil e Militar prendem acusado de homicídio no bairro de Neópolis em Natal

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil com o apoio da Força Tática do 9º Batalhão da Polícia Militar prenderam, nesta segunda-feira (05), Erick Rafael da Silva, vulgo “Rafinha”, de 18 anos. Ele foi preso em flagrante e também mediante um mandado de prisão temporária por participação no homicídio de Weider Batista Caetano, crime que ocorreu no dia 11 de julho, no bairro de Neópolis.

Com Erick, a polícia apreendeu armas, drogas e uma plantação de maconha. Além dele, outras duas pessoas têm envolvimento direto no homicídio: Ranieri Pablo, vulgo “Pequeno” e Luiz Renan da Silva Oliveira, vulgo “Chocolate”, 19 anos, que se encontra foragido.

Apenas uma semana após o assassinato de Weider, o Ranieri Pablo também foi assassinado em uma espécie de vingança, desencadeando a Operação Clowns, comandada também pela DHPP. Na ocasião, câmeras de segurança flagraram a ação dos criminosos, que forçaram Ranieri a entrar em um carro, sendo executado em seguida. Quatro pessoas já foram presas e um menor foi apreendido por envolvimento neste homicídio.

Além de Luiz Renan “Chocolate”, a polícia pede o apoio da população para localizar os demais foragidos da Operação Clowns: Felipe Souza do Nascimento; Jefferson Cleiton Fernandes, vulgo “Bomba” ou “Raposo”; Antônio Marcos Soares Alves, vulgo “Ernesto”; Elimarcos da Silva Cortez Dantas vulgo “Juninho Lobão”, Pepeu da “Portelinha” e um homem conhecido como “Joalisson”. Quaisquer informações podem ser passadas anonimamente para o Disque denúncia da DHPP 98108-5970 (What’s App), ou pelo número 181.

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: