PEDIDO DE SOCORRO: Em Assú funcionários e população estão a mercê do COVID-19

Pode ser mais grave do que se imagina, a situação da saúde na cidade do Assú, quando comparada a outras cidades potiguares, a falta de estrutura na atenção básica, agrava a crise do novo corona vírus, já que alguns profissionais relataram ao Blog, que falta suprimentos básicos e essenciais na prevenção, como máscara, álcool a 70% em gel, material de limpeza, dentre outros.

Circula comentários de que os Agentes de saúde municipais estão preocupados, pois um deles afirmou que eles podem estar sendo fonte de contaminação ao invés de prevenção, já que estão tendo contato com pacientes sadios e suspeitos, mas como não tem material adequado, o trabalho fica prejudicado, e consequentemente atinge assim toda a população.

O trabalho dos profissionais da saúde está seriamente comprometido, e alguns médicos já pensam em pedir cancelamento de seus contratos, pois falta segurança e condições mínimas exigidas para trabalhar no combate à pandemia.

O cenário da saúde na gestão de Gustavo e sob a direção de Viviane já era um caos, e agora nesse momento delicado, em que a estrutura básica para conter a pandemia não existe, se torna pior ainda, e os órgãos competentes devem acompanhar isso de perto, pois é inadmissível, que uma gestão coloque em risco a segurança da população de forma irresponsável.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: