Conselho de Medicina quer que Governo do Estado contrate novos médicos

Depois da possibilidade de cancelamento do concurso público para saúde ser cogitado pela Secretaria Estadual de Saúde – Sesap por falta de recursos, uma luz surgiu no fim do túnel após reunião realizada na tarde dessa quinta-feira (16), na Secretaria Estadual de Planejamento – Sepaln, com a participação de representantes do Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Norte – CREMERN, Marcos Lima de Freitas – presidente, Jeancarlo Cavalcante.

O corte da dotação orçamentária para realização do concurso público da Secretaria Estadual de Saúde Pública – Sesap, para contratação de 553 profissionais de saúde, entre eles médicos, será recomposto pela Secretaria Estadual de Planejamento – Seplan, após mensagem ser enviada para Assembleia Legislativa e aprovada pelos deputados.

Para o presidente do CREMERN, Marcos Lima de Freitas, a preocupação do Conselho se baseia nas constantes reclamações de escalas incompletas e no fechamento de leitos e serviços por falta de recursos humanos, médicos e não médicos.

Participaram ainda da reunião, o vice-presidente e Klevelando Santos – Assessor Jurídico, além da promotora do MPRN, Iara Maria Pinheiro de Albuquerque, o promotor Carlos Henrique Rodrigues, os secretários da Seplam e Sesap, Gustavo Nogueira e George Antunes, respectivamente, além de técnicos das duas secretarias.

De acordo com o secretário da Seplan, Gustavo Nogueira, a mensagem deve ser encaminhada para AL ainda esta semana.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: