Prefeito do Assu bate martelo de apoio do PR a reeleição de senador do PT

PR comprado pelo PT leva prefeito do Assu Gustavo irmão de George a anunciar apoiar reeleição de Prates

O prefeito do Assú Gustavo Soares deverá com muita antecedência bater o martelo de apoio a reeleição do senador Jean Paul Partes, do PT, nas eleições de 2022, atendendo conselhos do seu irmão e líder do governo na Assembléia, deputado George Soares, que segue orientação política do presidente estadual do PR e deputado federal João Maia, que se for não impedido pela Justiça de disputar as próximas eleições deverá ser o candidato a governador do RN caso a atual governadora Fátima Bezerra, não colocá-lo como futuro candidato a vice-governador na chapa da petista no lugar do atual vice Antenor Roberto (PCdoB).

Resultado de imagem para george e gustavo soares
Oligarquia Soares faz grande negociata política com a governadora

Na outra ponta, o deputado George Soares atende as exigências da irmã de João, a senadora Zenaide Maia, que já se compromete com o PT para apoiar a reeleição do senador Jean Prates e fortalece a aliança incestuosa e espúria entre os dois partidos que trama se manter no poder da política potiguar por pelo menos mais 20 anos, com João e Zenaide se candidatando a governador do RN após o período de permanência de oitos anos da petista e primeira professora a governar o Estado e deixar de fora a oligarquia Alves, com o atual deputado federal do MDB Walter Alves e o ex-prefeito de Natal Carlos Alves, do PDT. 

Resultado de imagem para sandra e gustavo soares
Sandra foi esquecida e abandonada por Gustavo e jogada literalmente na lata do lixo da política do Assu

Em Assu, o prefeito Gustavo Soares que mora em Natal e abandonou a cidade, literalmente jogou o MDB da sua vice-prefeita Sandra Alves e do seu marido, o empresário e presidente do diretório do MDB Helder Cortez Alves, na lata do lixo, em troca do apoio eleitoral do PT, da professora e sindicalista do SINTE/RN, Inês Almeida e do empresário e presidente da CDL, o petroleiro João Nogueira. O marido de Inês foi comprado por um emprego de secretário municipal de Agricultura.

Assu vence após 12 derrotas e luta para não ficar de fora do campeonato Potiguar

Assu empata com Globo FC e segue sem vencer no Campeonato Potiguar

O time do Assú, terra do prefeito Gustavo Soares que mora em Natal e abandonou a cidade, e do seu irmão,  deputado George Soares, líder do governadora Fátima Bezerra (PT), depois de 12 derrotas consecutivas, venceu a primeira partida hoje na luta contra o rebaixamento do campeonato estadual de futebol.

O Assú bateu o Palmeira-RN por 3 a 1 no Edgarzão. Os gols foram marcados por Rafinha, Jânio Daniel e Ítalo, enquanto Leozinho descontou para o time de Goianinha.

Essa foi a primeira vitória do Assu em todo o Campeonato Potiguar e que de quebra tirou o Camaleão da lanterna do returno. O time vai a cinco pontos, contra dois do novo último lugar Palmeira-RN e três do Santa Cruz de Natal.

Na luta contra o rebaixamento, Assu, Força e Luz e Santa Cruz estão empatados com 10 pontos cada na classificação geral – o Assu hoje cairia pelos critérios de desempate.

O Assu volta a campo na próxima quarta-feira para encarar o ABC, no Frasqueirão, em jogo adiado. O duelo acontece às 20h30. O Palmeira-RN volta a campo no próximo fim de semana para pegar o América-RN em jogo adiado, às 16h, no Nazarenão.

Imaculada governadora do RN ‘compra’ senadora do Pros e deputados do PR

Senadora Zenaide e o irmão deputado João Maia se vendem a Fátima do PT por emprego para marido e cunhado deles

A governadora Fátima Bezerra comprou apoio d pelo menos dois integrantes da bancada federal do Rio Grande do Norte, no jogo do toma lá dá cá, com a nomeação do secretário Jaime Calado para a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, marido da senadora do Pros e cunhado do deputado federal do PR, para apoiá-la, mas eles negam e chamam essa tapeação de gratidão e um ato de prestigiar aliados.

A senadora do Pros Zenaide Maia e do seu irmão, o presidente estadual do PR, deputado federal João Maia, um dos poucos que aparece aqui presente na foto acima com a sua irmã senadora e a deputada estadual Isolda, com o deputado Ubaldo lá no fundo na posse da governadora do PT, está dentro do barco da governadora do PT, junto com o deputado do PR George Soares, que também foi comprado com o emprego do sogro para a Ceasa e outras regalias do imaculado governo do PT.

Governador da Paraíba arranja boquinha para mulher do senador do PSB Vital do Rêgo

O governador da Paraíba, João Azevêdo

Enquanto os governadores do PSL e do DEM deram cargos para mulheres, irmãs, cunhadas, primos, sobrinhos e até ex-mulher, a outra parte dos governadores nomeou parentes de aliados políticos para cargos estratégicos. É o caso do governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB).

Ele nomeou a mulher do senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB), Ana Cláudia Vital do Rêgo, para comandar a secretaria de Desenvolvimento e Articulação Municipal.

Para comandar a Fundação Casa José Américo, principal museu sob responsabilidade do governo no estado, foi nomeada Viviane Coutinho, irmã do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), padrinho político de Azevêdo.

“São duas servidoras com vasta experiência profissional e passagem em cargos públicos de importância, capazes de contribuir com os avanços da gestão. E tão importante quanto: acreditam em nossa forma de governar”, justificou o governador a Folha de São Paulo.

Fifa anuncia Mundial de clubes a cada quatro anos com 24 times

Troféu levantado pelo Real Madrid ao vencer o Mundial de Clubes de 2018.

Fifa anunciou hoje a reformulação do Mundial de Clubes a partir de 2021. A competição será realizada a cada quatro anos e deve contar com a participação de 24 times.

A confirmação foi feita durante entrevista do presidente da Fifa, Gianni Infantino, após reunião do conselho a entidade em Miami. A competição estreará em “junho ou julho de 2021” e entra no calendário como substituto da Copa das Confederações, que deixará de ser disputada.

“Vamos ver um torneio real, que vai coroar o campeão mundial de clubes”, disse Infantino.

Leia maisFifa anuncia Mundial de clubes a cada quatro anos com 24 times

Governo pagou R$ 73 milhões a empresa em salão de beleza no agreste de Pernambuco

Investigadores do TCU descobriram que a Linkcon Internacional, empresa com contratos milionários no governo, está registrada no endereço de um salão de beleza na pequena Jupi (PE) Foto: Reprodução

Com cerca de 13 mil habitantes, o pequeno município deJupi, no agreste de Pernambuco, é conhecido por sua economia predominantemente agrícola. Recentemente, porém, um pequeno salão de beleza na cidade entrou na mira do Tribunal de Contas da União (TCU) pela sua aparente capacidade de fornecer programas de computador de última geração aogoverno federal.

Uma força-tarefa do TCU, montada para vasculhar contratos suspeitos na área de Tecnologia da Informação (TI), descobriu que o endereço do pequeno negócio, em Jupí, também era citado em contratos milionários do governo associados à empresa Linkcon Internacional. Registrada no mesmo imóvel do salão, a Linkcon faturou, nos últimos quatro anos, cerca de R$ 73 milhões em contratos com os ministérios do Turismo, da Saúde, da Integração Nacional e da Defesa, além de repartições menores do governo.

Há seis meses, O GLOBO revelou como o setor de tecnologia da informação havia virado um mercado bilionário para golpistas de todas as regiões do país, com uma série de empresas de fachada recebendo milhões do governo sem prestar qualquer serviço. Nesta quinta-feira, o TCU mandou suspender contratos fraudulentos de R$ 30 milhões do Ministério da Educação e da pasta da Integração com outra empresa com negócios irregulares revelados pelo GLOBO.  Patrik Camporez – O Globo

Leia maisGoverno pagou R$ 73 milhões a empresa em salão de beleza no agreste de Pernambuco

Secretaria de Saúde de Mossoró acaba com paralisação de cirurgias ortopédicas

Secretaria Municipal de Saúde se comprometeu a efetuar o pagamento referente ao mês de janeiro deste ano aos hospitais, mediante repasse efetuado nesta quinta (14) pelo Estado

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) firmou um acordo com a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) e a Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró para a retomada imediata de diversas cirurgias que estavam paralisadas na cidade, principalmente as ortopédicas. A paralisação ocorreu em razão dos débitos de 2018 do Estado e do Município para com os prestadores de serviço de três hospitais mossoroenses, somando a quantia de aproximadamente R$ 15 milhões e R$ 11 milhões, respectivamente. A audiência extrajudicial aconteceu nesta quinta-feira (14), na sede das Promotorias de Justiça da comarca de Mossoró.

A Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró se comprometeu a efetuar o pagamento referente ao mês de janeiro deste ano aos hospitais no valor total de R$ 1.397.777,89, mediante repasse efetuado nesta quinta pelo Estado. Outro compromisso é pagar até o dia 30 deste mês a quantia de R$ 910.019,39, também referente ao mês de janeiro, tendo como fonte o Orçamento Geral do Município. Acerca do débito passivo de 2018, o Município se prontificou a encaminhar uma proposta de pagamento até o dia 20 de março para a Promotoria de Justiça e para a Sesap.

Ao mesmo tempo, a Sesap se comprometeu a efetuar o repasse mensal dos valores integrais e de forma isonômica com a capital do RN, firmados no Termo de Cooperação Técnica Financeira de 2019. Em até 30 dias, o Estado deverá apresentar uma proposta de negociação ao passivo de 2018.  os representantes legais dos prestadores de serviços do Hospital Wilson Rosado, APAMIM e LMCECC firmaram o compromisso de retomarem a prestação dos serviços até o dia 25 de março.

A audiência contou com a participação da promotora de Justiça e coordenadora do Centro de Apoio às Promotorias de Justiça de Defesa da Saúde (Caop Saúde), Kalina Filgueira; do 1º promotor de justiça de Defesa da Saúde de Mossoró, Wilkson Vieira Barbosa Silva; da secretária de saúde de Mossoró, Maria da Saudade de Azevedo Moreira Machado; e do secretário adjunto da Sesap, Petrônio Souza Spinelli.

Pastor da Assembléia de Deus do Assu cobiça vaga de vice para o vereador evangélico Stélio

Deputado George Soares anda fazendo promessa a Inês Almeida (ao lado do deputado) da vaga de vice-prefeita, mas por trás e combinado com o pastor Alfredo Melo, oferece o lugar para a Assembléia de Deus

O pastor da Assembléia de Deus em Assu, Alfredo Melo, não quer eleger apenas o filho que é sargento da PM Eliese Melo, como vereador evangélico para representar os assembleianos” no legislativo do município, o líder religioso também deseja e cobiça pela vaga de vice-prefeito do Assú do grupo governista liderados pelos filhos do ex-prefeito Ronaldo Soares, os irmãos Prefeito Gustavo Soares e o deputado George Soares – agora nas eleições do próximo ano e tomar do PT o lugar oferecido a sindicalista do SINTE/RN Inês Almeida, assessora especial da governadora Fátima Bezerra, do PT e esposo do petista e secretário municipal de Agricultura Paulo Morais.

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé
Stélio ja está tirando retrato com o Pavão, futuro candidato da patota de Ronaldo Soares a prefeito do Assu em 2020

O nome preferido do pastor Alfredo Melo, é o vereador Stélio Márcio de Sá Leitão, que abandonou a oposição e aderiu após as eleições de 2016 ao governo prefeito Gustavo Soares, no inicio de 2017, quando o Doutor assumiu e depois foi enxotado dos alpendres do Pataxó, como persona no grata da oligarquia Soares. O vereador Stélio andou falando que ia renunciar o mandato e o ex-vereador Everaldo Marques até engoliu a corda, mas o evangélico traidor dos Soares voltou atrás como é costume da sua conduta e caráter político e moral de gostar do vei e vem da politica.

Prefeito de Ipanguaçu Valderedo Bertoldo, faz calçamento que agora ajuda a inundar casas em Ubarana

A imagem pode conter: 4 pessoas, incluindo Valderedo Bertoldo, pessoas sentadas e área interna

O prefeito de Ipanguaçu Valderedo Bertoldo, do PR, aliado do deputado e líder do Governo Fátima Bezerra, na Assembléia, George Soares, está seguindo a mesma metodologia do prefeito e irmão do deputado Gustavo Soares, de fazer serviço mal feito apenas para prejudicar cada vez mais a situação para os moradores do município.

Em Ipanguaçu, moradores do conjunto Habitacional Presidente Lula, no bairro Maria Romana – Ubarana, eviaram vídeo para o Blog do VT para registrar o descaso do governo municipal que após mandar executar serviços de calçamento numa rua, deixou a população completamente ilhada. Veja abaixo o video enviado pelo leitor Ciro Gonzaga Nobre:

Prefeitura ‘conserta’ bueira da Bernardo Vieira e piora a situação dos moradores

A imagem pode conter: 5 pessoas, incluindo Delkiza Cavalcante e Matheus Do Frutilândia, pessoas sorrindo, pessoas em pé
A turma bajuladora que em troca recebe favores do governo Gustavo Soares, fica calada e não um diz um pio

Os moradores da rua Bernardo Vieira na cidade do Assu estão revoltados com serviço que a Prefeitura do Assú administrada virtualmente pelo prefeito Gustavo Soares,  realizou na Bueira gastando uma fortuna situação que piorou e vindo a prejudicando várias casas agora.

Eles fizeram um vídeo e divulgaram na redes sociais entre amigos da cidade: Veja abaixo:

 

 

Juiz desconfia que queda de criminalidade pode ser acordo de facções criminosas no RN

Na campanha eleitoral do ano passado, a atual governadora Fátima Bezerra, do PT, foi acusada de ter o apoio obtido o apoio de um chefe de facção criminosa do Rio Grande do Norte. Segundo o ex-governador Robinson Faria (PSD) afirmou em entrevista ao RN TV, o chefe do Sindicato do Crime do RN anunciou apoio a Fátima na campanha e a petista repudiou a afirmação de Robinson, dizendo se tratar de Fake News e disse que até ia interpela-lo judicialmente.

Agora, com a divulgação da Secretaria do Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) de uma suposta redução de 32,5% nas Condutas Violentas Letais Intencionais (CVLI), comparando este ano com o mesmo período do ano passado, o juiz de Execuções Penais de Natal, Henrique Baltazar, desconfia do que motivou a queda nos índices de criminalidade neste início de ano, pode ser oriundo de uma trégua entre facções criminosas.

“Espero que a redução dos homicídios no RN decorra do controle do sistema prisional e combate feito pelo Gaeco-MP aos grupos de extermínio em fins de 2018. Mais PMs nas ruas reduz outros crimes, mas tem pouca influência nas CVLIs e não resultado de acordo entre facções criminosas”, disse o juiz nas rede sociais. O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Alarico Azevedo, não quis comentar a declaração do juiz e a governador também adotou o silêncio como resposta.

Vereadores do Assú não reclamam de gastança com suspeita de divulgação de ‘vídeo fantasma’ do governo do prefeito

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e pessoas sentadas
Prefeito do Assu abre torneira da gastança em Assu e vereadores não reclamam

Os 15 vereadores do Assu estão todos dominados e amordaçados pelo prefeito Gustavo Soares, do PR, que tem retribuído com grandes favores especiais ao silêncio dos que foram eleitos para realizar o papel de fiscal do povo na Câmara Municipal do Assú. Eles simplesmentes agem como lagartixas balançando a cabeça em tom afirmativo concordando com tudo que o filho do cacique e dono do curral eleitoral em Assu quer e deseja.

A Prefeitura do Assú contratou sem licitação a empresa TARSILA TAWNEE CALDAS LIMA por R$ 16.600 para executar serviços de divulgação de vídeo durante os festejos de momo e festejos juninos. Os vereadores do Assu e a população não sabe se o famoso video foi realmente divulgado e em que rede social ou televisão, mas todos se calam sobre o assunto. O silêncio absoluto começa a gerar duvidas e suspeitas sobre essa contratação e qual o critério de divulgação se aconteceu realmente, qual a mídia e a estimativa do público alvo.

Prefeito Gustavo Soares controla 15 vereadores do Assú sob o seu cabresto

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé
Prefeito controle o Poder Legislativo do Assu e o tem sob suas rédeas e cabresto

O prefeito do Assú Gustavo Soares, do PR, está com todos os 15 vereadores da cidade, comendo na sua mão e sob suas rédeas e cabresto político no curral eleitoral que tem seu pai, o ex-prefeito Ronaldo Soares, como o cacique da tribo e o seu irmão, o deputado George Soares, como o chefe da centenária oligarquia do Vale do Açu.

O atual presidente da Câmara de Vereadores do Assu Francisco de Assis, vulgo Tê do Solidariedade, está fazendo um gastança do dinheiro do público sem se incomodar com a fiscalização dos promotores de Justiça do Ministério Público – MP do município e contrato hoje, mais outra empresa sem licitação para executar serviços superficiais para o Poder Legislativo.

O Diário Oficial do Município, edição de hoje, revela que o presidente Tê contratou a empresa de JOSÉ MARIA DA COSTA LIMA – ME por R$ 3 mil para AQUISIÇÃO DE MEDALHAS “BARÃO DO ASSÚ LUIZ GONZAGA DE BRITO
GUERRA “, PARA SEREM ENTREGUES NA SESSÃO SOLENE DIA MUNICIPAL DA JUSTIÇA, CONFORME LEI Nº 649 DE 17 DE JANEIRO DE 2019.

Prefeito do Assu é suspeito de ‘comprar’ diretores do sindicato dos servidores municipais

Resultado de imagem para eurian e o prefeito do Assu

O prefeito do Assú Gustavo Soares, começa a ser incluído na lista de suspeito de agir na calada para impedir diretores do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Assú de deflagrar um movimento grevista por descumprimento do PCCRs.

Após mais de dois anos, sem cumprir a legislação vigente que determina ao governo municipal  a correção da inflação no salário de 2017 dos servidores da saúde, os dirigentes sindicais passam a ser suspeito de estarem calados em troca de algum favor especial, emprego para familiares ou pares na Prefeitura do Assu.

Sem explicação para não combater a  negligência e irresponsabilidade do prefeito do Assú, os sindicalistas já foram até ás ruas para protestar também por Gustavo Soares não pagar os planos salarial dos servidores da educação e saúde.

Eles não estão recebendo o crescimento vertical nem horizontal do plano salarial, exercem suas atividades em condições de trabalho precárias e sofrem assédio moral de cargos comissionados contra os servidores concursados, mas sem manifestar a intenção de greve ou outra atitude mais severa para exigir o cumprimento dos direitos da categoria.

 

Professores de Mossoró mantêm greve e acusam a prefeita de ‘manipular informação’

Com o aval quase total dos professores rede de ensino da Prefeitura de Mossoró, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (Sindiserpum), deflagrou uma greve por tempo indeterminado deixando mais de 7 mil alunos sem aulas na cidade administrada pela prefeita Rosalba Ciarlini, do PP, que é acusada pela presidente do sindicato Marleide Cunha, de “manipular as informações divulgadas” e não traz todas as informações explicitadas, divulgadas na imprensa do município e do RN, paga a peso de ouro pelo cofres municipais para fazer propaganda positiva do governo.

A categoria alega que a pauta, aprovada pelos professores em dezembro do ano passado, sequer foi discutida pela administração municipal. De acordo com Marleide Cunha, presidente do Sindiserpum, a administração municipal está “manipulando as informações divulgadas” e não traz todas as informações explicitadas. Segundo ela, o projeto de lei aprovado na Câmara nesta terça-feira traz um reajuste de 3,75%, porcentagem inferior do que a aprovada pelo Ministério da Educação (MEC).

“O reajuste dos professores da rede municipal é dado, todos os anos, levando em consideração o estipulado pelo Ministério de Educação. Justamente neste ano, o nosso reajuste foi inferior ao aprovado pelo MEC, de 4,17%. A porcentagem aprovada pela Câmara foi inferior ao valor nacional, o que é totalmente ilegal”, afirma Marleide.<br><br>Ainda segundo a presidente do Sindiserpum, a pauta da greve também contempla outras questões.

“A mudança de classes, que deveria ser anual, não é repassada pela prefeitura desde 2017. Pedimos também a realização de um concurso público, visto que no ano passado foi criada uma comissão que para discutir a realização do pleito que sequer se reúne. Além disso, pedimos também que os diretores das instituições de ensino do município sejam escolhidos por eleição e não por indicação política da prefeitura”, aponta Marleide.

Senado aprova novo cadastro positivo para sanção de Bolsonaro

O plenário do Senado aprovou, por 66 votos a 5, o projeto de lei que cria o novo cadastro positivo de crédito. Como já passou pela Câmara, o texto segue agora para sanção presidencial. Os senadores mantiveram a versão aprovada pelos deputados, que guardaram a proposta na gaveta por nove meses.

Criado em 2011, o cadastro positivo é um banco de dados gerido por empresas especializadas para reunir informações sobre bons pagadores (pessoas físicas e empresas). Atualmente cerca de 10 milhões de brasileiros estão incluídos no sistema. O projeto torna compulsória a inclusão no cadastro de todas as pessoas físicas e jurídicas. Atualmente o nome só pode ser incluído com a autorização expressa e a assinatura do cadastrado.

Pelas regras aprovadas, o consumidor poderá requisitar a exclusão da lista. Outra alteração na lei é a anotação de informações sobre dívidas de telefone celular pós-pago. A legislação em vigor impede o recolhimento desses dados mesmo com autorização expressa da pessoa. As informações captadas são usadas para a definição de uma nota de crédito do consumidor, que poderá ser consultada por interessados. Congresso Em Foco

Leia maisSenado aprova novo cadastro positivo para sanção de Bolsonaro

Justiça suspende cobrança de taxa no IPVA para Corpo de Bombeiros no governo do PT

O deputado George Soares apoia a cobrança da taxa para o Corpo de Bombeiros que foi incluida pelo governo de Fátima Bezerra

Por maioria de votos, 8 a 6, o Pleno do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) suspendeu, nesta quarta-feira (13), a cobrança da taxa de incêndio do Corpo de Bombeiros, incluída pelo governo do PT da governadora Fátima Bezerra, que incidiria sobre os proprietários de veículos no estado.

Por oito votos a seis, os efeitos da Lei Complementar Estadual nº 612/2017, que institui taxa para o Corpo de Bombeiros, foram suspensos até o julgamento do mérito da ação, o que ainda não tem data marcada.

O julgamento havia sido suspenso em 27 de fevereiro, com o placar parcial de 7 votos a 6 pela suspensão. Hoje, a desembargadora Zeneide Bezerra proferiu seu voto, dando maioria absoluta a posição sobre a concessão da liminar pleiteada pelo MPRN e consequente suspensão dos efeitos da lei.

Nesta etapa da ação, o que foi deferido está relacionado ao pedido cautelar, do Ministério Público Estadual, suspendendo os efeitos da lei que determina a cobrança. Como o mérito ainda não foi apreciado, o contribuinte que já pagou a taxa ainda não pode requerer a devolução do valor pago até que a questão seja resolvida definitivamente.

Caso no julgamento do mérito a cobrança do tributo seja declarada inconstitucional quem já pagou poderá entrar com uma ação de repetição de indébito, solicitando o reembolso do que foi pago.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: