fbpx

Cai Líduina da direção do hospital e regime de terror e perseguição na saúde

Liduina, a protegida do Pavão, o terror do hospital cai. Ela conseguiu ser a mais odiada até hoje pelos servidores da saúde nesse curto tempo

Após diversas denúncias de assédio moral, comportamento mesquinho e perseguidor da enfermeira Liduina Melo como diretora geral do Hospital Regional do Assú, a governadora Fátima Bezerra, acabou exonerando a protegida especial do secretário Nuilson Pinto, o Pavão e do deputado estadual George Soares, por não suportar mais as reclamações e queixas dos servidores e outros profissionais que trabalham na unidade estadual de saúde Dr Nelson Inácio.

O Sindicato dos Servidores em Saude do Estado do Rio Grande do Norte – Sindsaude/RN, ficou de vir e apurar na próxima semana, denúncia de assédio moral dela contra os servidores do hospital Dr Nelson Inácio, perseguição a servidores que não votaram no deputado George Soares, corte na alimentação dos plantonistas e distribuição de comida de péssima qualidade aos profissionais que trabalham na unidade estadual de saúde que atende toda a região do Vale do Açu.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: