ALVO DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA: Thiago Meira deve devolver mais de 72 mil reais ao município


O Ministério Público Estadual do Rio Grande do Norte, instaurou ação civil pública de improbidade administrativa nº 06.2017.00002034-0, contra o prefeito Thiago Meira, após recebimento de denúncia feita por um grupo de vereadores do Município de Carnaubais/RN, para apurar suposto superfaturamento na licitação referente à contratação de empresa para fornecimento de fardamento escolar.

Segundo o MP, “após a realização de parecer pericial contábil, apurou-se a existência de irregularidades no processo para liberação de verba pública sem a devida observância das normas legais pertinentes e sobrepreço no processo de dispensa de licitação em valor estimado de R$ 72.754,77 (setenta e dois mil, setecentos e cinquenta e quatro reais e setenta e sete centavos)”.

Diante disto, o Ministério Público fundamentado acerca da prática de atos de improbidade administrativa que causou lesão ao erário, formulou pedido cautelar em caráter liminar de indisponibilidade de bens dos demandados no valor de R$ 72.754,77 (setenta e dois mil, setecentos e cinquenta e quatro reais e setenta e sete centavos), acrescido do valor correspondente à eventual multa civil a ser imposta ao final da presente demanda.

O prefeito que reclamava da má administração anterior, está apenas replicando o erro, e agora, deve ficar com a conta bloqueada, e a população aguarda uma explicação para tamanha falta de gestão de um jovem, que só tem mostrado a população seu interesse em poder e dinheiro, e deixando o povo a ver navios, sofrendo porque o dinheiro não é aplicado corretamente.

Confira aqui a decisão na íntegra.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: