fbpx

Vereadora Lucianny Guerra fiscaliza pavimentação na comunidade de Santa Clara em Assú

A vereadora Lucianny Guerra foi fiscalizar a pavimentação a paralelepípedo no entorno da Capela de Santa Clara, comunidade rural que também leva esse nome em Assú, obra fruto de uma Propositura n°185/2022 de seu mandato.

A vereadora postou em suas redes sociais, esse momento para fiscalizar a obra, além de servir para conversar com moradores que repassaram algumas demandas que surgiram após o inicio calçamento.

A vereadora está atuante em suas proposições, e além disso, ela tem tentado manter uma agenda de fiscalização para que as obras sejam executadas da forma correta, e que as cobranças sejam ouvidas.

Evento de arte marcial Taekwondo em Assú é marcado por exame de faixas

O Taekwondo é um dos esportes que mais tem ganhado destaque em Assú, a exemplo de todo o mundo.

Os eventos que acontecem na cidade, sempre destacam alguns campeões e mostra o árduo caminho dos atletas até a faixa preta. Quem conhece, sabe o quanto é requerido atributos de uma pessoa, como disciplina, integridade, responsabilidade e habilidade para chegar a tão sonhada faixa preta.

Dessa vez, o assuense premiado a faixa preta foi o jovem Leon Sales, que recebeu ontem das mãos de seus mestres Fábio Lourenço e Alvimar Matias.

O evento foi sediado na Escola Estadual José Correia e contou com a presença de familiares e amigos para cada um celebrar com o seu parente e amigo esse momento tão importante, que o recebimento da faixa.

Unale: Procuradores debatem nova lei de licitações e elegem diretoria da Anpal

Os procuradores das Assembleias Legislativas do País estão em Recife (PE) debatendo temas como a atuação na Nova Lei de Licitações. O Rio Grande do Norte participou do evento da Unale com o Procurador-Geral da Assembleia Legislativa, Sérgio Freire e os servidores Alberto Talma Antônio Carneiro, Ângilo Coelho, Cesar Rocha Cláudia Brito, Cleo Vieira, Cynthia Gabrielle, Flávio Henrique, Jussara Câmara, Klebet Carvalho, Larissa Fagundes e Renato Guerra e o diretor-geral da Assembleia do RN, Augusto Carlos Viveiros. A reunião se deu durante encontro na Associação Nacional dos Procuradores e Advogados do Poder Legislativo – Anpal.

Na ocasião, a Procuradoria-Geral da Assembleia Legislativa do RN apresentou e distribuiu o Manual das Eleições. Esta é a terceira edição do informativo, que já havia sido publicado em 2018 e 2020. “É um manual atualizado com toda a parte de jurisprudência e feito na expectativa de esclarecimento, não só aos políticos, mas à sociedade. O intuito é que a sociedade tenha conhecimento sobre o que pode e o que não pode, para que possa inclusive denunciar as incorreções. Por exemplo, a propaganda eleitoral antecipada”, contou o procurador-geral da Assembleia Legislativa, Sérgio Freire.

Entre tópicos costumeiros e novidades, o guia foca na Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que entrou em vigor em 2020. “Essa lei veio para todos. Há uma fiscalização a nível nacional sobre o tratamento de dados, com o Tribunal Superior Eleitoral. Os dados são informações como nome, endereço, CPF, enfim. Qualquer uso específico precisa ser autorizado”, pontuou Sérgio.

No geral, o conteúdo é voltado para o funcionamento do processo eleitoral brasileiro. “Mas também chamamos a atenção para pontos específicos, como o uso da mala direta, que às vezes é encaminhada para eleitores”, continuou o procurador-geral.

Durante o encontro da Anpal ocorreu a eleição para nova diretoria da Associação e o procurador Sérgio Freire assumiu o cargo de Diretor Regional Nordeste da Associação Nacional dos Procuradores e Advogados do Poder Legislativo.

“Esse é um reconhecimento do nosso trabalho. Agora vamos fazer com que o Legislativo brasileiro se fortaleça”, disse Sérgio Freire, agradecendo a confiança pelo trabalho desenvolvido.

Lula Chorão Soares quer ao seu lado vereador da quadrilha dos gafanhotos e o desastroso ex prefeito Zebrinha como exemplos na vida pública

O nome do grupo do deputado George e do prefeito cassado Gustavo Soares para disputar pelo grupo a próxima campanha, o dentista Lula Chorão Soares, já quer iniciar sua vida política com péssimos exemplos ao seu lado.

Começando pelo seu mentor, Ronaldo Soares, um dos maiores vigaristas da cidade do Assú, envolvido em diversos escândalos, e como se não bastasse, Lula faz questão de ter ao seu lado o vereador João Paulo, conhecido pelo envolvimento na quadrilha dos gafanhotos que surrupiou milhões da Prefeitura do Assú no passado.

Segundo a acusação do Ministério Público, foi no governo do vigarista que o vereador João Paulo, passou a integrar a famosa quadrilha de gafanhotos que surrupiou mais de R$ 1 milhão no governo do então prefeito Ronaldo Soares. Portando, a afinidade com a oligarquia Soares é de gerações.

Lula Chorão então fecha com chave de ouro, e indica para a Secretaria municipal de Finanças, a nora do ex prefeito Zé Maria, e assim sela a aliança dele com um dos piores prefeitos que a terra dos poetas já teve, que deixou a prefeitura endividada e os servidores com aversão ao nome de Zebrinha.

Iniciar uma vida pública com péssimos exemplos, e com uma mala de bagagem com currículos tão pesados, pode pôr fim a vida pública de Lula que sequer começou.

Seguindo Ipanguaçu, Assú também deverá ter Gustavo e Fabielle cassados por goleada e afastados do comando da Prefeitura pelo TRE

O TRE manteve a cassação que tinha sido feita pela juíza Aline Daniele Belém Cordeiro Lucas e por 7 a 0 cassaram o prefeito e a vice de Ipanguaçu, então a lógica é simples e pode seguir esse mesmo trâmite em Assú.

Diante de tantas provas nos processos em Assú, o TRE deverá manter a cassação do prefeito Gustavo e da vice Fabielle, e afastá-los também do cargo, e quem assume será o vereador ou vereadora que estiver na presidência da Câmara Municipal.

A ansiedade deve estar tomando de conta do prefeito e da vice que foram cassados, Gustavo e Fabielle, pois dentro de poucos dias, o processo deve entrar em pauta no pleno do TRE, e a terra dos poetas poderá respirar em paz, vendo que a justiça pode tardar mas não falha, e o mais importante, que não vale tudo para ganhar uma eleição.

Contribuição das emissoras legislativas para democratização da informação é discutida

As democracias se constroem com a liberdade de imprensa. A liberdade de imprensa está diretamente ligada à propriedade dos meios de comunicação. Esta relação pode ser observada no cotidiano das notícias veiculadas na mídia. Pensando nisso, a 25ª Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (CNLE) aborda o tema, “Contribuição das emissoras legislativas de TV e rádio para a democratização da informação”, em reunião da Associação Brasileira das Televisões e Rádios Legislativas (Astral).

Na ocasião, o gerente de Rádio e TV da ALRN, Gerson De Castro, chamou a atenção para o fato de a TV Assembleia do Rio Grande do Norte ser usada como canal de divulgação do trabalho de órgãos e instituições como os tribunais de Justiça, de Contas e Eleitoral. “Dessa forma contribuímos com a veiculação da informação de forma democrática”.

O encontro contou com as palestras de Karine Pagliarini, secretária-geral e diretora da TV Câmara de Pouso Alegre e também de Michelle Gramacho, diretora-geral da TV Alba e terceira vice-presidente da Astral. Ela falou sobre a reformulação da programação da TV Alba.

Organizada anualmente pela Unale, a CNLE é um ambiente democrático de discussões, onde o principal objetivo é a melhoria e o crescimento do país e também servirá de palco para o debate internacional, com a presença de conferencistas do mundo todo que promoverão debates sobre as principais questões do cenário nacional e internacional envolvendo política, economia, empreendedorismo, sustentabilidade, segurança, turismo, saúde, educação e muito mais.

Também será realizada a entrega da 3ª edição do Prêmio Assembleia Cidadã. Prêmio com objetivo de incentivar as políticas públicas que promovem o bem-estar da sociedade, o fortalecimento dos estados, a humanização e a modernização dos serviços legislativos prestados à sociedade. Casas Legislativas de todo o Brasil concorrem em três categorias: Gestão, Atendimento ao Cidadão e Projetos Especiais. A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte concorre na categoria Gestão, com o Legis Plenário. Este ano o evento acontece em Recife, na Arena Pernambuco, até o dia 11 de novembro.

Unale: Regov lança site desenvolvido pela TI da Assembleia Legislativa do RN

 Rede Legislativa de Governança e Gestão (Regov) lançou o site da associação nesta quarta-feira (9), durante o jubileu de Prata da Conferência da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), que acontece de hoje até sexta-feira (11), em Recife. O portal foi desenvolvido pela Diretoria de Gestão Tecnológica da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte com o objetivo de compartilhar conhecimentos, sugestões e experiências dos modelos de Governança e Gestão das Casas Legislativas.

Para o diretor-geral da Assembleia do RN, Augusto Carlos Viveiros, “a participação da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte nas ações da Unale mostra o quanto os servidores da Casa estão empenhados em tornar o Parlamento Potiguar o mais popular possível e sempre buscando ideias para aprimorar o regime democrático, além de ser uma excelente oportunidade de aprender com as experiências compartilhadas”.

O diretor de Gestão Tecnológica da ALRN destacou a importância de desenvolvimento do site da Regov. “Essa foi uma maneira de unificar a comunicação. Antes não existia uma maneira formal de divulgar as ações da Rede Legislativa de Governança e Gestão e conseguimos fazer isso com custo zero”, disse Mário Sérgio Gurgel.

Participaram ainda do lançamento do site os servidores legislativos Simone Leal, chefe de gabinete da Diretoria-Geral da Casa; o Diretor Administrativo Financeiro, Pedro Cascudo; Américo Maia, integrante da equipe da assessoria de planejamento, Ricardo Fonseca, Joana Dar’c Rodrigues, Ilany Maciel, Jair da Silva, Berg Freire, Saulo Cantalice, Eduardo Almeida, Geiely Fonseca, Sidney Alves, Leonardo Araújo, João Alves e Obadias Veríssimo.

Regov

A Rede Legislativa de Governança e Gestão é uma associação sem fins lucrativos, integrada por Casas Legislativas dos níveis federal, estadual e municipal, no território brasileiro, com sede e foro em Brasília/DF.

Unale: Plano de Riscos da ALRN é apresentado em painel

A Assessoria de Planejamento da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte se fez representada, nesta quarta-feira (9), na 25ª Conferência Nacional da União dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), que acontece de hoje a sexta-feira (11), na Arena Pernambuco, em Recife/PE. Discorrendo sobre o tema “Gestão de Risco”, o servidor da ALRN, Américo Maia, abordou os pontos principais do plano desenvolvido pelo Legislativo potiguar.

“Recentemente aprovamos a resolução que institui a Política de Gestão de Riscos da Assembleia e o ato da Mesa Diretora que aprovou o Plano de Gestão de Riscos. É um processo que iniciamos ano passado, após capacitação nesse tema, e a partir da qual elaboramos um documento que aponta os fatores de risco estabelecidos pelos diversos setores da Casa, com a probabilidade e impactos que esses riscos, caso ocorram, podem trazer para a Assembleia Legislativa do RN”, explicou Américo.

De acordo com ele, o plano de risco da Assembleia Legislativa está alinhado ao Planejamento Estratégico da Casa (‘Horizonte 2023’) e, no próximo ano, será estabelecido um novo ciclo, tanto para o Planejamento Estratégico quanto para o Plano de Riscos da Casa. “Não sabemos ainda se o próximo ciclo será um plano de curto ou longo prazo. É algo que ainda será discutido”, disse ele, enaltecendo ainda o apoio direcionado pela atual gestão da Assembleia Legislativa para a consecução dos trabalhos.

Também participaram da reunião da os servidores da Diretoria Legislativa, Samya Bastos, Cláudia Flores e Luciano Faria.

A palestra fez parte da programação da Rede Legislativa de Governança e Gestão (Regov) inserida na Conferência da Unale. A Regov é uma associação sem fins lucrativos, integrada por Casas Legislativas dos níveis federal, estadual e municipal, no território brasileiro, com sede e foro em Brasília/DF.

Leia maisUnale: Plano de Riscos da ALRN é apresentado em painel

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: