fbpx

Solidariedade oficializa Fábio Dantas ao governo na sexta-feira

A dez dias do fim do prazo para realizações de convenções partidárias, os 2,55 milhões de eleitores do Rio Grande do Norte passarão a conhecer, oficialmente, novos candidatos a governador do Estado nas eleições de 2022 até o fim desta semana. O partido Democracia Cristã (DC) homologa entre 11 e 14 horas de hoje, em Nova Parnamirim, o nome do empresário da construção civil Rodrigo Vieira, para o governo, enquanto na sexta-feira (29) será a vez do Solidariedade aprovar em convenção do nome do ex-vice-governador Fábio Dantas a governador numa coligação majoritária com o União Brasil, que uma dia antes, oficializa o ex-prefeito do Assu, Ivan Lopes Júnior, como candidato a vice-governador.
Arquivo
Fábio Dantas terá o nome para candidatura ao governo homologado pelo Solidariedade

Fábio Dantas terá o nome para candidatura ao governo homologado pelo Solidariedade

Partidos de oposição aprovaram na primeira semana de convenções, as candidaturas à governadora da ex-vereadora de Grossos, Clorisa Linhares (PMN) e Rosália Fernandes (PSTU), nos dias 20 e 23, respectivamente.

Ainda no sábado (23), a Federação Brasil da Esperança (PT/PC do B/PV) havia oficializado a candidatura de reeleição da governadora Fátima Bezerra (PT), com o MDB aprovando como seu candidato a vice o deputado federal Walter Alves.

O presidente estadual do Solidariedade, Janiel Hercílio, informa que a convenção para homologação da candidatura majoritária de Fábio Dantas ocorrerá a partir das 10 horas desta sexta, na sede do partido, na rua São Tomé (Cidade Alta). “Esta eleição tem dois lados bem definidos: quem vai ficar com Fátima e quem prefere um governo novo. Nós somos oposição”, diz ele.

Fábio Dantas também tem aumentando, nas redes sociais, o tom nas críticas à governadora Fátima Bezerra depois da convenção da Federação Brasil Esperança: “A chapa ‘Tudo pelo Poder’ é um tapa na cara de nosso povo, tem a desgovernadora Fátima, aliada aos ‘golpistas’ do passado, para tentar enganar novamente o povo de bem”, declarou Fábio Dantas.

Senado

Para fechar chapa majoritária com o SD, o Partido Liberal confirmou para a manhã do domingo (31), no Palácio dos Esportes Djalma Maranhão (Petrópolis), a convenção que confirmará o ex-ministro Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) como candidato a senador.

Para o Senado Federal, já foram confirmadas as candidaturas do ex-prefeito de Naal, Carlos Eduardo Alves (PDT) numa aliança com a Federação Brasil da Esperança, MDB e Dário Barbosa (PSTU).

Sem candidato ao governo, o PSB escolheu a Zona Norte de Natal para promover a sua convenção partidária, a partir das 13 horas deste sábado (30), no ginásio do colégio Hipócrates. Apesar de apoiar a governadora do Estado, o partido lançará candidato próprio a senador, o deputado Rafael Motta.

Mesmo sem declarar à disposição de sair candidato ao governo, a movimentação política do senador Styvenson Valentim é de enfrentar a Fátima Bezerra nas urnas, tanto que a convenção do Podemos, que ficou para o último dia (05/08) do prazo de realização de convenções, o partido alterou o local de sua convenção, saindo da Câmara Municipal de Natal (CMN) para a Escola Estadual Ilma Moura, em Bom Pastor, onde Valentim faz um trabalho de reestruturação escolar e de apoio aos alunos.

RN tem 147 pacientes com problemas vasculares à espera de atendimento

Há duas semanas, Luísa Cipriana dos Santos, de 57 anos, vem sofrendo os efeitos mais críticos da diabetes e corre o risco de amputar a segunda perna por causa da doença, enquanto aguarda atendimento em uma fila que não tem perspectiva de acabar. Ao todo, incluindo Luísa, 147 pacientes estão na espera por um procedimento vascular na rede pública do Estado. A unidade referência, o Hospital Central Coronel Pedro Germano (Hospital da PM), está operando com sua capacidade máxima, que gira em torno de 25 a 30 leitos vasculares.

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap), a fila de 147 pessoas corresponde a nove demandas judiciais e outras 138 pessoas da fila regular (71 homens e 67 mulheres). Além da unidade referência com capacidade para cirurgias e internações, o Estado também faz intervenções no Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL). A rede estadual conta ainda com 30 leitos de retaguarda no Hospital Geral Dr. João Machado para os pacientes que passaram por algum procedimento e necessitam de cuidados pós-operatórios.

Uma das pacientes na fila do Hospital da Polícia Militar é Luísa dos Santos, moradora de Santa Cruz, cidade localizada na Borborema potiguar, a 119 quilômetros de Natal. Com boa parte do pé esquerdo em estado de necrose por causa de uma infecção – popularmente conhecida como pé diabético – ela foi encaminhada ao Hospital da PM no último dia 12, mas esbarrou na longa fila de espera e voltou para casa, em Santa Cruz.

O problema deu sinais de gravidade há três meses, com o surgimento de uma pequena ferida no pé, diz José Leonilson, esposo de Luísa. “A gente já sabia porque há quatro anos ela já tinha amputado uma perna. Fomos no hospital regional daqui, ela ficou internada, os médicos olharam e disseram que ela estava no sistema para ser transferida para o hospital da polícia. Só que depois de dez dias, ela teve alta e nós voltamos para casa”, lembra Leonilson.

Já em casa, a situação piorou quando os dedos do pé começaram a escurecer, diz Leonilson. O casal procurou ajuda em um posto de saúde e um médico atendeu Luísa em casa. “Ele veio aqui justamente porque ela tem muita dificuldade de se locomover. Os dedos do pé dela já estão pretos. Ele disse que os tecidos já estavam bem comprometidos e que era caso de amputação e nos transferiu para o Hospital da PM. Tivemos que fretar uma lotação e levar ela para Natal. Chegando lá, o cirurgião disse que era mesmo caso de amputação, mas que não tinha vaga e mandou a gente para casa”, relata.

Luísa retornou para Santa Cruz, onde ficou sob os cuidados de Leonilson, que precisou deixar o trabalho de cozinheiro para se dedicar a esposa. No sábado (23), Luísa voltou a ser internada no Hospital Regional de Santa Cruz, onde permanece até hoje, mas ainda sem resposta de quando fará a cirurgia no Hospital da PM. “A gente continua na espera e vou ver se a gente entra na Justiça. Ela sente dores 24 horas por dia, não dorme direito, não come direito. É um sofrimento grande e o medo é que a gente tenha que amputar a perna toda porque a necrose é muito rápida”, acrescenta Leonilson.

Como medida para tentar amenizar a espera dos pacientes, o titular da Sesap Cipriano Maia diz que o Estado está em processo de estruturação de uma rede de atenção ao paciente vascular em todas as regiões, a começar pela 2º, no Oeste do RN. A estimativa é de que nos próximos 30 dias, uma ala vascular seja aberta no Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), em Mossoró, com “escala de cirurgião vascular para atender as emergências”, segundo Cipriano.

Leia maisRN tem 147 pacientes com problemas vasculares à espera de atendimento

MPRN abre inscrições para seleção de assistente ministerial

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) recebe até o dia 27 de julho (quarta-feira) as inscrições para o processo seletivo que visa contratar profissional para o cargo de Assistente Ministerial, de provimento em comissão. O contratado atuará no Núcleo Permanente de Autocomposição do MPRN (Nupa) cuja remuneração é de R$ 5.185,70 mais benefícios para jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Para se inscrever, o candidato deve possuir diploma de nível superior em qualquer área de formação, desejável formação prática e teórica em mediação e em Justiça Restaurativa, bem como experiência com Processos Circulares de Construção de Paz e, preferencialmente, também em outras metodologias restaurativas.

A seleção será realizada por meio do análise de currículos, entregues até o dia 27 de julho, exclusivamente pelo link https://forms.gle/7FKBMMADme3EH4MR9 .Os currículos aceitos para o processo seletivo serão apenas aqueles enviados dentro do prazo estabelecido. O candidato selecionado será encaminhado para nomeação pela Procuradora-Geral de Justiça, através de Resolução a ser publicada no Diário Oficial do Estado.

Informações sobre o andamento do processo seletivo podem ser obtidas através do e-mail selecao@mprn.mp.br e ou portal do MPRN. Para ler a íntegra do edital do Aviso de abertura das inscrições, clique aqui.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: