fbpx

Deputado Dr. Bernardo sugere programa de reabilitação pós-covid no RN

Com o objetivo de oferecer um amparo aos recuperados e investigar diagnósticos preventivos, identificando a necessidade de acompanhamento de pessoas infectadas pelo novo coronavírus, o deputado estadual Dr. Bernardo (MDB) apresentou Projeto de Lei que institui o Programa de Reabilitação Pós-Covid-19 no RN.

“As consequências e impactos causados na vida de pacientes recuperados de Covid-19 seguem em investigação clínica e científica. A recuperação do indivíduo para o retorno das atividades em seu cotidiano é necessária nos aspectos de vida profissional e social”, justifica o parlamentar.

O programa consiste em ações que visam a reabilitação dos pacientes convalescentes pós-Covid. De acordo com a proposta apresentada, o poder público, por intermédio da Secretaria Estadual de Saúde Pública do RN (Sesap), deverá garantir o atendimento dos pacientes que necessitem de recuperação pelas sequelas pós-Covid.

“Pacientes que evoluíram com limitações físicas, cognitivas ou psíquicas após a Covid-19 com fraqueza muscular e respiratória, fadiga, alterações de sensibilidade, lentificação do raciocínio, estresse pós traumático, entre outras, são complicações possíveis nestes pacientes independentemente da idade”, destacou na justificativa do PL.

Além de oferecer amparo a essas pessoas, demandando o bem estar funcional dos cidadãos, o programa vislumbra a recuperação do indivíduo para o retorno das atividades de vida profissional e social.

Audiência debate compromisso do psicólogo com profissão e sociedade em tempos de pandemia

O medo, a angústia, a ansiedade e outras consequências graves provocadas pela pandemia são enfrentamentos de todos, mas desafios diários na profissão dos que atuam na psicologia. Além destes, a luta pelo SUS, a defesa da ciência e o acesso democrático para que a assistência também chegue aos menos favorecidos, foram alguns dos temas que permearam a audiência pública promovida pelo mandato da deputada Isolda Dantas (PT) no Dia do Psicólogo, hoje (27).

A parlamentar citou o luto coletivo no país: “Acho que a nossa tarefa também é fazer essa análise não só do ponto de vista sanitário, mas político, porque a política define como se enfrentar uma crise sanitária e no Brasil tivemos o pior momento em que já se viveu, onde a ciência, o único caminho que poderia nos guiar, foi completamente negada, e a consequência disso são 600 mil mortos, que jamais imaginaríamos. É uma situação muito difícil e os psicólogos têm mais do que nunca um papel fundamental”, afirmou.

Profissionais da psicologia representando conselhos de classe, instituições públicas e privadas de ensino e de saúde, além da própria comunidade participaram da live, transmitida pela TV Assembleia. Na audiência quatro profissionais foram homenageadas: Kalyana Cristina Fernandes de Queiroz, Khris Evelyn Teixeira de Lima, Alda Karoline Lima da Silva e Maria Aparecida de França Gomes.

“A psicologia tem compromisso com a vida. As consequências da pandemia são graves, mas o momento também é de celebração, de luta e de resistência. A defesa da vida nos guiará, a defesa da ciência e a defesa de um mundo justo. Fiquei feliz e é muito bom encontrar pessoas que acreditam nas suas profissões como instrumento de transformação na vida das pessoas”, disse a deputada. A audiência pública também faz parte da programação da Jornada de Psicologia 2021, realizada durante toda esta semana pelo Conselho Regional de Psicologia (CRP) e que marca, também, os 59 anos de regulamentação da profissão no País.

Leia maisAudiência debate compromisso do psicólogo com profissão e sociedade em tempos de pandemia

Assembleia entrega título de Cidadão Norte-rio-grandense in memoriam a general do Exército

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte concedeu nesta sexta-feira (27) o título de Cidadão Norte-rio-grandense, in memoriam, ao General de Brigada Carlos Augusto Sydrião. A homenagem foi aprovada por unanimidade pela Casa em 2019, e devido a pandemia a entrega foi adiada. Mas, em setembro de 2020 o militar acabou sendo vítima da Covid-19. A propositura foi do deputado estadual coronel Azevedo (PSC).

A solenidade foi realizada no 16º Batalhão de Infantaria do Exército, em Natal, e o título foi entregue a viúva do homenageado, a major Cristiana Sydrião. O evento contou com a presença do deputado estadual Getúlio Rêgo (DEM), representando o Legislativo potiguar.

“Tenho certeza que de onde estiver, General Sydrião está feliz e certo que teve sua contribuição nesta história tão rica nesta unidade do nosso Exército Brasileiro. Fica a lembrança e a saudade. E aqui, uma homenagem mais que justa a quem tanto contribuiu para o RN em sua passagem por estas terras”, disse Azevedo durante seu pronunciamento.

Nascido no Ceará, o General Carlos Sydrião dedicou muitos anos de sua vida em servir à Pátria, percorrendo várias unidades militares em diversos estados da Federação. No RN, foi comandante da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada, que celebra 80 anos de existência em 2021.

Viúva do homenageado, a Major Cristiana Sydrião agradeceu a Assembleia pelo reconhecimento. “É com muita emoção que recebemos este título. Desde quando foi aprovada a homenagem, ele havia ficado bastante feliz, já estava planejando vir a Natal pessoalmente para receber, mas infelizmente estamos perto de completar um ano de sua partida. Mas de Natal temos somente boas lembranças, de pessoas que nos acolheram muito bem, amigos queridos”, disse a Major.

O evento contou ainda com as presenças do comandante da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada, General de Brigada Carlos José Rocha Lima, o chefe do Estado Maior da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada, Coronel Eduardo Henrique de Sá Oliveira, e o E4 da 7ª Brigada de Infantaria Motorizada, Coronel André Tavares da Silva.

Nelter se mostra indignado e apela para que governadora não reduza refeições de restaurantes populares do RN


Após tomar conhecimento sobre uma possível redução da quantidade diária de refeições servidas pelos Restaurantes Populares no Estado, o deputado Nelter Queiroz (MDB) encaminhou demanda ao Poder Executivo potiguar solicitando a reconsideração da medida, como forma de garantir o acesso à alimentação de qualidade por parte da população mais necessitada do Rio Grande do Norte.

“Fico indignado com essa triste realidade, pois participamos da luta que viabilizou, dentre outros, os restaurantes populares de nossa Jucurutu e de nossa Jardim de Piranhas, e caso essas informações se concretizem, aumentará a fome em meio os mais humildes em nosso Estado”, afirmou Nelter, mostrando que não entende o posicionamento da governadora Fátima Bezerra (PT) contra a os potiguares de origem popular.

De acordo com informações recebidas pelo parlamentar, os Restaurantes Populares já chegaram a servir mais de 40 mil refeições diárias, chegando a ser, por muitas vezes, a única opção de alimentação de famílias carentes do Rio Grande do Norte.

“O Governo do Estado e a governadora Fátima Bezerra estão tratando os restaurantes populares com uma falta de sensibilidade enorme. Estamos ainda vivendo a pandemia de COVID-19 que causou ainda mais o empobrecimento da população não só do Rio Grande do Norte, mas de todo país, e neste momento de dificuldade é um absurdo que a governadora pense em cortar refeições deste importante programa social em nosso Estado”, lamentou Nelter Queiroz, sugestionando que a governadora faça corte nas gorduras dos Poderes constituídos e não em cima do povo mais humilde.

Ainda segundo informações recebidas pelo deputado, no início da gestão Fátima Bezerra houve decréscimo de 25% da oferta de refeições e, atualmente, existe nova previsão de diminuição ainda maior, podendo chegar em 38% o número total de refeições reduzidas, totalizando redução geral de 63% das refeições oferecidas pelo Programa em todo território potiguar.

FINANCIAMENTO

O Programa de Restaurante Popular oferece alimentação balanceada com custo para a população de apenas R$ 1,00. O investimento é feito por meio dos recursos do Fundo de Combate à Pobreza (FECOPE); recursos que só podem ser utilizados em programas de segurança alimentar.

“Causa estranheza uma vez que o Programa vem sofrendo esses cortes drásticos, mesmo sem ter ocorrido redução significativa na arrecadação do FECOPE”, aponta Queiroz, mostrando a falta de sensibilidade da governadora Fátima, ex-origem popular, com os mais necessitados.

O corte nas refeições dos restaurantes populares atingirá todas as unidades do Estado: Santa Cruz, Jardim de Piranhas, Jucurutu, Ceará Mirim, João Câmara, Macau, Natal (Planalto e Pompeia), Canguaretama, São José de Mipibu, Santo Antônio, Areia Branca, Assú, Mossoró (centro), Apodi e São Miguel.

“Estou indignado e não quero acreditar que essa situação se concretizará. Agora vamos imaginar como está se sentindo a população mais humilde, que outrora ganhou estes restaurantes populares, e que agora a governadora Fátima Bezerra quer acabar com esse direito adquirido”, concluiu  Nelter Queiroz seu posicionamento sobre o assunto.

DEM, MDB e PSDB travam embate com bolsonarismo interno para consolidar 3ª via em 2022

Ex-presidente diz que eleitor terá que escolher a democracia ou o facismo | Fotos: Reprodução - Foto: Reprodução

Empenhados em construir uma terceira via competitiva para 2022, líderes de DEM, PSDB e MDB atuam para lidar com o “bolsonarismo interno” em suas bancadas e garantir musculatura à candidatura do grupo já na largada da campanha presidencial.

A votação da PEC (proposta de emenda à Constituição) do voto impresso, rejeitada pela Câmara dos Deputados em 10 de agosto, mostrou que uma parcela significativa dos parlamentares desses partidos – que orientaram voto contra a proposta– está alinhada a pautas do presidente Jair Bolsonaro.

A avaliação dos líderes dos partidos, contudo, é que o apoio à principal pauta do presidente não necessariamente se refletirá em apoios ou alianças eleitorais na corrida presidencial de 2022.

Os motivos são diversos: entre parlamentares do Nordeste, a rejeição de Bolsonaro na região pesa contra uma aliança na eleição. Nos estados do Sul, o entrave é a dinâmica dos palanques locais, que deve opor bolsonaristas orgânicos a candidatos de centro na disputa por governos estaduais.

Nacionalmente, os três partidos trabalham por uma candidatura viável para além de Lula (PT) e Bolsonaro. No PSDB, os governadores João Doria (SP) e Eduardo Leite (RS) polarizam as prévias. O DEM apresentou o nome do ex-ministro Luiz Henrique Mandetta e o MDB aposta na senadora Simone Tebet (MS).

No DEM, a avaliação é que parte da bancada deve seguir alinhada a Bolsonaro pelo menos até o início do próximo ano. No PSDB, por sua vez, há uma pressão maior para que o desembarque aconteça o quanto antes, já que o partido começa a intensificar um discurso de oposição ao presidente.

Em geral, a avaliação é que os bolsonaristas convictos são minoria nesses partidos, sendo que parte deles tende a migrar para partidos da base do presidente na próxima janela eleitoral.

No caso específico da PEC, líderes destacam que parte dos deputados apoiou a pauta para não se desgastar com o governo e para não bater de frente com suas bases eleitorais mais conservadoras.

Presidente nacional do MDB, o deputado federal Baleia Rossi (SP) credita a adesão de parlamentares de centro à pauta do voto impresso a questões locais e à pressão de apoiadores do presidente.

Leia maisDEM, MDB e PSDB travam embate com bolsonarismo interno para consolidar 3ª via em 2022

Bandeira vermelha da conta de luz terá alta de até 58%

A bandeira tarifária, uma sobretaxa que é acionada nas contas de luz quando o custo da geração de energia aumenta, deve  subir de R$ 9,49 para um valor entre R$ 14 e R$ 15 a partir de setembro. A decisão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) será informada no máximo até a próxima terça-feira. Será um aumento, portanto, entre 50% e 58%.

O valor será cobrado na bandeira vermelha 2, o patamar mais alto desse sistema (que tem ainda as cores verde, amarela e vermelha 1. A taxa é cobrada a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

O valor atual está em vigor desde julho, quando houve um aumento de 52%, mas o custo da geração de energia disparou, exigindo o novo aumento.

O aumento da bandeira em julho já  teve forte impacto na inflação. Nos trinta dias terminados em 15 de agosto, a conta de luz subiu em média 5% no Brasil, e foi a principal contribuição individual para a alta de 0,89% no IPCA-15 do mês.

Nos últimos 12 meses, a tarifa média de energia já subiu 20% no Brasil.

O percentual de reajuste na bandeira 2 foi discutido numa reunião com diversos representantes do governo nesta semana. De acordo com participantes dessa reunião, o Ministério de Minas e Energia sugeriu subir o valor da bandeira para R$ 24, o que seria mais do que o dobro de aumento, por um período de três meses.

Fonte: O Globo

Benes afirma que lideranças do MDB não seguirão o partido em caso de aliança com o PT no RN

Na semana do encontro entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a cúpula do MDB potiguar para discutir uma possível aliança política com o PT nas eleições de 2022, o deputado federal Benes Leocádio disse que o partido liderado por Garibaldi e Walter Alves está dividido sobre essa possível união política entre as duas siglas.

Benes, que é pré-candidato ao Governo do RN, espera contar com o apoio do MDB, pela sua identificação com o partido, do qual ele já foi filiado e diante de sua boa relação com Garibaldi e Walter Alves.

“Se o MDB, na pessoa do ex-senador Garibaldi, com quem tenho o maior apreço e respeito, meu colega de bancada, deputado Walter, for ouvir as lideranças da família MDB no Rio Grande do Norte, eu tenho certeza que não estão muito simpáticos com esses encaminhamentos”, disse o deputado Benes Leocádio em entrevista ao Hora Extra da Notícia, da 91.9 FM, nesta sexta-feira (27).

Ainda segundo o deputado, vários prefeitos e lideranças do MDB no interior do Estado já disseram a ele que “caminharão à revelia do partido” caso seja feito algum acordo entre o MDB e o PT da governadora Fátima Bezerra.

Benes lembrou que tem identificação com o MDB, já tendo disputado mandatos pela legenda, além do que há mais de 30 anos vota em lideranças do partido, diferentemente do PT que, segundo ele, nunca apoiou o MDB no estado potiguar.

“Então é natural que, se a gente for para esse projeto político em 2022, possa pelo menos aguardar um momento de conversações e indagá-los da possibilidade de caminharmos juntos”, finalizou o parlamentar.

Assista à entrevista completa no vídeo abaixo:

Fonte: Portal Grande Ponto

Secretaria de Saúde identifica terceiro caso da variante delta no RN

Variante delta — Foto: Getty Images via BBC

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) confirmou nesta sexta-feira (27) que identificou um terceiro caso de contaminação pela variante delta do coronavírus no Rio Grande do Norte.

De acordo com a pasta, o paciente é do sexo masculino e tem relação familiar com um dos dois primeiros casos identificados na terça-feira passada (24).

A contaminação do paciente foi constatada no dia 10 de agosto e a análise do sequenciamento das amostras confirmou a variante nesta sexta.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o paciente tomou a 1ª dose de vacina contra Covid-19 em 22 de julho e está em boas condições clínicas.

A pasta informou ainda que rastreou todos os possíveis contatos do paciente no ambiente de trabalho e nenhum deles registrou de sintomas de contaminação. Todos seguem sendo monitorados.

Estudos recentes vêm apontando que a variante delta do coronavírus é muito mais transmissível e tem maior probabilidade de evadir o sistema imunológico, responsável pelas defesas do nosso organismo.

G1RN

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: