Consórcio do DPVAT deve ser extinto e devolver dinheiro para o consumidor, diz associado

Proprietário da Gente Seguradora, o empresário Sérgio Suslik Wais defende a dissolução do consórcio que gere o DPVAT, o seguro obrigatório para proprietários de veículos, e a migração para um sistema de competição, no qual o consumidor escolhe de quem comprar o produto.

A Gente é uma das associadas do consórcio, que passa este ano por uma debandada inédita em sua história, em meio a denúncias sobre fraudes e má gestão da Seguradora Líder, responsável por administrar o DPVAT.

É parte do grupo de seguradoras “independentes”, que participam do consórcio mas não do acordo de acionistas da Líder. Tem 1% de participação, mas é a empresa que mais recebe processos do DPVAT entre as associadas, com 21% do total.

Wais vê na debandada uma estratégia dos controladores para se desvincular das acusações, que são investigadas pelo Ministério Público Federal de Minas Gerais e critica a falta de ação das empresas que controlam o grupo.

Para ele, o governo deveria forçar a devolução ao consumidor do excedente de reservas técnicas do DPVAT. São cerca de R$ 4,4 bilhões, que a Procuradoria diz que resultam de fraudes. “Precisa investigar, punir os responsáveis e devolver o dinheiro para o consumidor.”

Leia maisConsórcio do DPVAT deve ser extinto e devolver dinheiro para o consumidor, diz associado

Quem assume se Trump ficar muito doente para governar? Veja linha de sucessão

Casa Branca

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e a mulher, Melania, testaram positivo para o novo coronavírus e estão em quarentena neste momento. Veja o que acontece se ele começar a apresentar sintomas mais graves e ficar muito doente para governar.

A Constituição define as regras de sucessão

Nos EUA, há regras específicas na Constituição e nas leis federais que determinam quem assume se Trump não puder realizar seu trabalho (veja abaixo a linha de sucessão). Mas o primeiro passo é ter certeza que o presidente está incapacitado – no caso de Trump, isso ainda é incerto.

De acordo com a 25ª Emenda, ele mesmo poderia alegar isso e, com uma carta ao Senado, entregar formalmente o poder ao vice-presidente Mike Pence, que ficaria na presidência até Trump informar o retorno ao Senado.

O ex-presidente Ronald Reagan precisou remover pólipos cancerosos do cólon. George W. Bush fez uso desse recurso duas vezes, quando fez colonoscopias. Nos dois casos, enquanto os mandatários estavam sob efeito de anestesia, o poder ficou com outras pessoas por algumas horas.

Leia maisQuem assume se Trump ficar muito doente para governar? Veja linha de sucessão

Caminhão carregado de polietileno tomba na BR-304 em Mossoró

Caminhão tombou na manhã desde sábado, 3, na BR-304 em Mossoró — Foto: Iara Nóbrega / Intertv Costa Branca

Um caminhão carregado de polietileno tombou na manhã deste sábado (3), em um trecho urbano da BR-304, em Mossoró. O motorista que conduzia o veículo foi socorrido pelo Samu para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM).

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu por volta das 7h, no km 35 da rodovia, numa rotatória. A PRF informou que o motorista teria perdido o controle da direção e tombado. O veículo transportava 14 toneladas polietileno linear para fabricação de plástico. A carga vinha de Bonito (PE) para Mossoró.

O acidente não atrapalhou o fluxo na rodovia e um guincho foi acionado para desemborcar o caminhão.

A PRF informou que quando chegou ao local, o motorista já havia sido socorrido por uma equipe do Samu e levado para o HRTM. Ainda não há informações sobre o estado de saúde do condutor.

G1RN

Gustavo Soares poderá fazer substituição na chapa dia 15 e acabar com sofrimento de ir diariamente pra Assú

Tudo indica que no próximo dia 15, o prefeito Gustavo Soares deve anunciar a substituição do cabeça na chapa, indicando seu primo Lula Soares, por se sentir muito cansado, ao ter que pegar estrada quase todos os dias, no trajeto Natal/Assú pela BR 304.

Quem está indo para as caminhadas da chapa Gustavo Soares e Fabiele Bezerra, tem se deparado com algo inusitado, em que 98% das pessoas chegam cedo e ficam nas calçadas esperando o excelentíssimo prefeito chegar, normalmente entre 19h30 e 20 horas, já que o percurso que ele faz é mais de 200 km.

As criticas dentro do próprio grupo é grande, diante dessa atitude desrespeitosa do prefeito, que não aguenta residir na cidade do Assú mais de 2 dias e prefere pegar BR, o que o tem deixado cansado e desmotivado a cada dia.

Quem observar as redes sociais do prefeito, vai ver que ele não posta visitas nos stories do Instagram, pois deveria ser em tempo real, mas aí toda a cidade veria que ele só faz visitas a noite, e tira apenas um dia para visitas pela manhã, em que tira as fotos e fica postando uma por dia, para parecer que é algo que faz diariamente.

É lamentável que o prefeito Gustavo mantenha essa ideia de que Assú não serve pra ele, que falta luxo nas academias e restaurantes da cidade para entreter, e mais triste ainda, dele manter essa farsa apenas para enganar o povo pra garantir o luxo de seus familiares e parentes.

JUSTIÇA FEITA: Thiago Meira será afastado novamente e Marineide Diniz deve assumir a prefeitura de Carnaubais

A boa notícia para o povo de Carnaubais, é que depois de muita luta na justiça, o Supremo Tribunal Federal, manteve a decisão de manter afastado do cargo o prefeito Thiago Meira, levando em conta a denúncia realizada pelo Ministério Público diante da suspeita de organização criminosa.

A operação foi chamada de Desmonte, realizado em 18 de agosto, foram cumpridos 18 mandados de busca e apreensão nas cidades de Carnaubais, Natal, Mossoró e Assú, e ainda teve duas pessoas presas em flagrante por posse de arma de fogo sem devido registro.

Com a decisão mantida do Supremo Tribunal Federal, a vice-prefeita e candidata a prefeita Marineide Diniz, deve tomar posse de novo como prefeita nos próximos dias. Mais uma vez a população de Carnaubais respira aliviado com a decisão do STF, que proporcionou justiça para a cidade, em manter Thiago afastado, e longe da Prefeitura até que tudo seja esclarecido, a fim de evitar que ele cause mais danos ao erário.

Dia do Idoso e Outubro Rosa são lembrados por deputados no horário de líderes

Os deputados estaduais Francisco do PT, Ubaldo Fernandes (PL), José Dias (PSDB), e Eudiane Macedo (Republicanos), se pronunciaram no horário destinado às lideranças partidárias na sessão desta quinta-feira (01) na Assembleia Legislativa. Entre outros temas, foram lembrados o Dia do Nacional do Vereador e o Dia do Idoso, comemorados neste primeiro de outubro. O programa de transferência de renda do Governo Federal também foi falado no horário de líderes.

“O Governo Federal anunciou um programa e a equipe econômica não conseguiu se entender nem em relação ao nome se é Renda Brasil ou Renda Cidadã”, criticou Francisco do PT, ressaltando que não é contra a transferência de renda, mas alertando para a possibilidade do Governo transferir, como chegou a ser cogitado, recursos do Fundeb. “Quero externar que nossa posição não é contra o programa, mas não podemos abrir mão dos recursos da Educação”, disse Francisco, lembrando da luta recente pela aprovação do Fundeb permanente.

O deputado Francisco do PT também comentou, em seu pronunciamento, o anúncio feito pela governadora Fátima Bezerra (PT), de antecipação de 40% do décimo terceiro salário para servidores ativos, inativos e pensionistas do estado. “É a primeira vez em quatro anos que estamos assistindo esse adiantamento”, disse o parlamentar, afirmando que na gestão anterior não houve adiantamento e folhas de décimo terceiro ainda ficaram em aberto.
“Quatro folhas ficaram atrasadas e a governadora já conseguiu quitar duas”, afirmou o deputado, adiantando que o Governo já solicitou à sua equipe econômica um estudo para que as outras folhas deixadas pelo governo anterior, sejam pagas no próximo ano.

O deputado Ubaldo Fernandes, que antes de chegar à Assembleia Legislativa foi vereador em Natal, parabenizou todos os vereadores dos 167 municípios pelo Dia Nacional do Vereador comemorado nesta data. Ubaldo enalteceu o cargo, lembrando que são os políticos mais próximos da população, e pela “função nobre” que os vereadores exercem. Como membro da Frente Parlamentar do Idoso na Assembleia, o deputado ressaltou também o Dia do Idoso, lembrado nesta data.

“O idoso ainda sofre os efeitos de uma sociedade preconceituosa”, criticou o deputado, afirmando que o Estatuto do Idoso ainda carece de alguns ajustes, como a regionalização de delegacias especializadas. “O Rio Grande do Norte se destaca no cenário nacional como um Estado que não obedece os direitos dos idosos”, disse Ubaldo.

Leia maisDia do Idoso e Outubro Rosa são lembrados por deputados no horário de líderes

JUSTIÇA ELEITORAL: Prefeito de Ipanguaçu é condenado a pagar multa de quase 16 mil reais

Há tempos que o prefeito de Ipanguaçu, Valderedo Bertoldo, vem desrespeitando a justiça, cometendo erros gravíssimos em propaganda irregular, mas como diz o ditado, justiça pode até atrasar, mas não falha.

O prefeito Valderedo sempre soube que não podia ter vinculação da sua imagem à divulgação de obras e serviços públicos realizados durante a sua gestão, e se o fizesse, estaria cometendo a clara ofensa ao princípio da impessoalidade. Por isso, a juíza eleitoral Aline Daniele Belém Cordeiro Lucas, condenou o prefeito Valderedo por ostentar um grau de lesividade médio.

O prefeito Valderedo se meteu a besta e manteve as propagandas, a juíza Daniele Belém, não contou conversa e julgou procedente e deferiu a liminar, condenando o prefeito a pagar a multa no valor de R$ 15.961,50 (quinze mil, novecentos e sessenta e um reais e cinquenta centavos) (confira documento aqui).

A cara de pau do prefeito Valderedo Bertoldo é grande, passou quatro anos enganando o povo, só administrando com politica de pão e circo, agora veste uma carapuça, com intuito de enganar mais uma vez o povo, mas a justiça vem, e consegue desmascarar o prefeito, proibindo a má conduta de propaganda irregular.

Guedes alerta que é ‘irresponsável’ furar teto de gastos ‘para fazer política, para ganhar eleição’

Em meio à pressão para tirar do teto os gastos com o Renda Cidadã, novo programa social que o presidente Jair Bolsonaro quer tirar do papel na esteira do aumento de sua popularidade, o ministro da EconomiaPaulo Guedes deu um alerta à ala política do governo. Nesta sexta-feira, 2, ele criticou a ideia de furar o teto de gastos da economia brasileira para “fazer política” e “ganhar eleição”.

Como revelou o Estadão/Broadcast, o relator da PEC que criará o novo programa, senador Marcio Bittar (MDB-AC), tem buscado ampliar sua rede de “conselheiros” e se consultou inclusive com o ministro do Desenvolvimento RegionalRogério Marinho, que defendeu tirar o novo programa do teto. Isso depois de ter tido divergências com a Economia sobre como financiar o Renda.

“Uma coisa é você furar o teto porque você está salvando vidas em ano de pandemia, e isso ninguém pode ter dúvidas. Se a pandemia recrudescer e voltar em uma segunda onda, aí sim nós decisivamente vamos fazer algo a respeito. E aí sim, é o caso de você furar o teto”, declarou.

Leia maisGuedes alerta que é ‘irresponsável’ furar teto de gastos ‘para fazer política, para ganhar eleição’

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: