Deputado George Soares aproveita vida de ciclista sem máscara e com aglomeração e desdenha as dores de famílias

O deputado boquinha George Soares, é um ser humano que envergonha a classe política do estado, hoje foi ao programa de rádio e debochou das dores das famílias que perderam seus entes pela Covid, alegando com desdém que em todo o mundo tem mortes, então a culpa não é dele e nem do prefeito.

Só que o prefeito da cidade é Gustavo e ele é o deputado que se intitula do Vale, então a responsabilidade do caos que está na região é deles sim, como por exemplo, alta taxa de infectados pelo novo corona virus, a falta de leitos desde quando iniciou a pandemia, ou seja, há mais de 120 dias.

Mas o parlamentar não está preocupado com as famílias carentes que dependem do serviço público, no entanto, ele e a esposa, esbanjam saúde como ciclistas e o pior, com grande números de pessoas em volta, todos sem máscaras, o que se torna uma grande afronta as determinações de que não pode haver aglomeração.

Mas esse é o estilo do deputado George, por isso ele nunca teve maioria em nenhuma disputa na cidade, as pessoas conhecem bem seu perfil desumano. E agora, as pessoas conheceram o lado mentiroso do seu irmão, Gustavo, que enganou a população em 2016, mas que agora, a máscara caiu.

EMPATIA: Dores e sequelas da COVID para as 45 famílias de Assú e mais 50 em todo o Vale

A pandemia do novo corona vírus tem feito as pessoas pensarem e repensarem nos políticos que governam seus municípios e estados. Pois, ficar doente hoje é algo tenebroso, tendo em vista que o vírus atinge o organismo de diversas maneiras, e pela sua rapidez, tem sido complicado para os médicos e instituições preverem como ele vai na reagir nas mais diferentes pessoas. Alguns tem sintomas leves e outros morrem pela agressividade do vírus, em alguns casos que haja internamento, as vezes até sobrevive a UTI.

Para as 45 famílias que perderam seus entes em Assú e as mais 50 que perderam em todo do Vale, foi algo bem doloroso, muitos deles ficaram em corredores de hospitais públicos sem atendimento, e outros sequer conseguiram chegar lá, e o mais lamentável, é que essa dor continua, pois o medo de adquirir esse vírus persegue essas famílias e diante da precariedade de quem precisa de atendimento pelo SUS, aumenta o medo ainda mais.

Os serviços públicos de saúde da região já não estavam estruturados para atender questões corriqueiras da população, imagina uma situação grave como essa pandemia, enquanto o deputado George que é líder do governo, passou 3 anos e meio só jogando “lorota” pra boi dormir junto com a safra “incompetente” de prefeitos eleitos em 2016, e que brincam com a vida das pessoas, porque eles são bons para irem pras rádios, mas na prática, não sabem gerir os recursos com eficiência, e nem sabem eleger as prioridades que realmente importam.

Para as famílias que perderam entes, o Blog do VT se solidariza com todos, espera que Deus console a cada família, e que elas sirvam de exemplo de coragem para outras tantas famílias que ainda sofrem com algum parente internado.

Comitê de retomada das atividades presenciais da ALRN finaliza protocolos

O Comitê de Servidores para Prevenção e Combate à Covid-19 da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte concluiu o documento de orientações para a retomada dos trabalhos presenciais na Casa. Na próxima segunda-feira (10), às 9h30, a equipe irá se reunir, via plataforma Zoom pela Escola da Assembleia, a convite das Diretorias Financeira e Administrativa e a de Políticas Complementares para detalhar as ações. A primeira fase da retomada está prevista para o dia 17 deste mês e as fases subsequentes dependerão dos números da pandemia e resultados obtidos com a retomada.

“Essa reunião é de suma importância, porque todos os coordenadores, chefes de divisão e núcleos serão os vetores para levar as informações até suas equipes. Vamos fazer a apresentação do plano de retomada e mostrar como ocorrerá essa abertura gradual, esclarecendo os questionamentos”, explica o diretor de Políticas Complementares, Ricardo Fonseca.

O diretor informa que a minuta para publicação do ato de retomada, formulada pelo Comitê, está com a Diretoria Geral para os ajustes finais. Serão seguidas três fases de reabertura, sendo que as fases dois e três vão funcionar de acordo com os resultados desta primeira fase, onde a Assembleia Legislativa terá horário reduzido de funcionamento (8h às 13h), não será aberta ao público externo e a presença dos servidores nos setores se dará em sistema de rodízio, mantendo aqueles pertencentes aos grupos de risco ainda em sistema de home Office.

Leia maisComitê de retomada das atividades presenciais da ALRN finaliza protocolos

Prefeita de Triunfo Potiguar comete crime de nepotismo e dá mais de 60 mil de prejuízo aos cofres públicos

A prefeita de Triunfo Potiguar, Maria Lucia Estevam, que já recebeu recomendação do Ministério Público por pratica de nepotismo, faz “ouvido de mercador” e não dá a mínima para as recomendações dos órgãos fiscalizadores.

A prefeita Lucia Estevam tem três filhos na prefeitura que são Railson Estevam de Azevedo, Renilma Estevam de Azevedo, Robson Estevam de Azevedo e o seu irmão Adeilson Araujo de Azevedo (confira a relação e função dos cargos). Todos eles, de janeiro a julho de 2020, já contabilizam um prejuízo em cerca de 61 mil reais para o município de Triunfo Potiguar.

A Prefeita Lucia Estevam não está nem aí, já foi avisada diversas vezes e continua a praticar o nepotismo de forma descarada e sem nenhum respeito as instituiçōes fiscalizadoras do estado.

Deputados comparam cheques para Michelle Bolsonaro com caso Collor e PC Farias

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) participa de culto na Igreja Batista Atitude ao lado da esposa, Michelle Bolsonaro, no Rio de Janeiro

O depósito de 21 cheques na conta bancária da primeira dama Michele Bolsonaro realizado por Fabrício Queiroz, conforme reportagem da revista Crusoé, fez com que deputados associassem o ocorrido com o caso de corrupção envolvendo o ex-presidente Fernando Collor e Paulo César Farias, conhecido como PC Farias.

Reportagem publicada nesta sexta-feira (7) aponta que o ex-policial militar teria depositado na conta da primeira-dama, entre os anos de 2011 e 2018, ao menos 21 cheques que totalizam R$ 72 mil. Parlamentares da oposição relembraram caso similar tratado em uma CPI instalada no Congresso que investigou acusações de depósitos feitos por PC Farias. Na época, foi identificado que um cheque assinado por um sócio de PC Farias teria sido usado para a compra de um carro modelo Fiat Elba destinado à ex-primeira-dama, Rosane Collor. O caso culminou no impeachment do então presidente.

Em sua conta pessoal no Twitter, a deputada Margarida Salomão (PT-MG) afirmou que o depósito dos cheques por Queiroz não ocasionará em um possível impeachment do chefe do executivo, mas que o  “desbaratamento de sua milícia e de suas mentiras” pode.

A deputada Sâmia Bomfim (Psol – SP) fez referência à compra do carro Fiat Alba para a ex primeira-dama. “Quantos Fiat Elba daria pra comprar com os 21 cheques de Queiroz para Michelle Bolsonaro?”, ironizou.

Em referência ao caso que envolve integrantes da família Bolsonaro, o deputado e vice-líder da oposição na Câmara, Afonso Florence (PT-BA), escreveu na rede social que “Queiroz é o PC Farias da família”.

Em entrevista ao site O antagonista, em reportagem assinada por Cedê Silva, o deputado Marcelo Calero (Cidadania-RJ) disse hoje que está “cada vez mais claro que podemos estar diante de um novo PC Farias” e, por isso, uma CPI deve ser instalada com urgência.

Congresso em foco

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: