NOTA DE PESAR: Assembleia Legislativa do RN em luto

 

 

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte externa profundo pesar pelo falecimento da servidora Francisca das Chagas Peixoto Leandro que faleceu em decorrência da Covid-19.

Muito comunicativa, Francisca era querida entre os servidores do legislativo potiguar. Servidora aposentada, Francisca travou uma intensa batalha contra a infecção por coronavírus até a última sexta-feira (22), quando veio a óbito.

O Poder Legislativo, em nome dos 24 deputados estaduais se solidariza com os familiares e amigos neste momento de dor na certeza de que sua memória e legado no legislativo não serão esquecidos.

Descanse em paz, Francisca.

O Poder Legislativo do Rio Grande do Norte lamenta o falecimento precoce do servidor Julicassio Silva Andrade neste domingo (24), após uma queda acidental no fosso do elevador do prédio em que estava. É com pesar que nos solidarizamos com toda família, amigos e servidores da Assembleia Legislativa.

Julicassio Silva Andrade era lotado no gabinete do deputado estadual Kelps Lima e desempenhava funções na área de comunicação do mandato parlamentar. Jovem, Julicassio se destacava por sua inteligência, proatividade e tinha muitos amigos no legislativo.

Em nome dos servidores, dos 24 deputados estaduais, a Assembleia Legislativa presta solidariedade aos familiares e amigos neste momento de dor.

Descanse em paz, Julicassio

Palácio José Augusto
Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte

Assú está com 98 casos do COVID e população quer saber do prefeito porque a taxa de crescimento do vírus só aumenta

Enquanto a cidade do Assú pipoca com 98 casos confirmados do COVID-19, o prefeito Gustavo Soares e seu irmão, deputado George Soares, levam tudo na brincadeira, e ao invés de informarem para o povo, os motivos de tantos novos casos confirmados, só querem saber de fazer “live” e se auto promover com mentiras.

A população está cansada de ouvir as mentiras da dupla dinâmica que são especialistas na enganação. E enquanto o povo sofre, o prefeito e o deputado estão em suas luxuosas casas, com motoristas a disposição, e de quebra, Gustavo autorizando contrataçōes com dispensa de licitação, menos para implantar a UTI na cidade. Além disso, faz propaganda com pavimentação de ruas, enquanto o COVID se espalha pela cidade, e assustadoramente, cresce a cada dia.

Em todas as cidades que cumprem as medidas de isolamento, a curva de crescimento do novo corona vírus diminui, e na cidade do Assú, quanto mais a gestão desastrosa do prefeito Gustavo Soares se explica, mais a população enxerga a mentira, pois os números não mentem, só aumentam e preocupam, porque Se os casos forem graves, terão que ser transferidos para outra cidade, pois Assú não tem estrutura suficiente.

Rio Grande do Norte tem mais de 1,4 mil pessoas recuperadas do novo coronavírus

*Por De Fato

Natal continua com o maior número de pacientes curados. A capital do estado tem 513 pessoas nesta situação. Mossoró soma 179 curados da doença. Um pouco atrás está Parnamirim, com 167. Apodi já tem 130 pessoas recuperadas da Covid-19

O último boletim epidemiológico divulgado na noite deste sábado, 23, pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) aponta que o Rio Grande do Norte chegou a 1.410 pessoas recuperadas do novo coronavírus.

Natal continua com o maior número de pacientes curados. A capital do estado tem 513 pessoas nesta situação. Logo atrás vem Mossoró. Pelos dados atualizados da pasta estadual ,a Capital do Oeste soma 179 curados da doença. Um pouco atrás está Parnamirim, com 167. Apodi já tem 130 pessoas recuperadas da Covid-19.

Outras três cidades tem acima dos 50 recuperados. Areia Branca contabiliza 75, São Gonçalo do Amarante tem 52 e Açu com 50 pacientes que venceram o vírus e já estão recuperados. Os demais municípios listados têm 20 ou menos pessoas recuperadas.

Os dados mais atualizados do novo coronavírus mostram que o RN tem 184 óbitos confirmados da doença, 4.599 casos confirmados, 14.067 suspeitos, 9.910 descartados, 230 casos ignorados e 47 mortes em investigação.

Leia maisRio Grande do Norte tem mais de 1,4 mil pessoas recuperadas do novo coronavírus

STF acelera busca de provas, e Bolsonaro ensaia plano para evitar retaliações

A divulgação do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril encerra um capítulo do inquérito para apurar suposta tentativa de interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal.

Um novo, porém, foi aberto. Bolsonaro agora avalia procurar o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli, para diminuir mal-estar e evitar retaliações.

O temor é de uma eventual reação da corte a uma crítica feita pelo ministro Abraham Weintraub (Educação). Na reunião, ele disse que colocaria “esses vagabundos todos na cadeia”, começando no STF.

A queda do sigilo do encontro ocorreu exatamente um mês após o encontro. Segundo o ex-ministro Sergio Moro (Justiça), o vídeo mostraria que o presidente o ameaçou para que fizesse trocas na PF.

Procuradores, ministros do Supremo e integrantes do governo consideram que Celso de Mello, relator do inquérito, tem adotado ritmo célere em busca de provas para sustentar a investigação.

Bolsonaro também tem pressa. A fala de Weintraub, criticada em caráter reservado até mesmo pelo presidente, piorou a já conturbada relação entre Executivo e Judiciário.

A preocupação de Bolsonaro foi manifestada nesta sexta-feira (22) e neste sábado (23) a assessores presidenciais e aliados.

O receio do presidente é que o episódio seja usado como justificativa para que o Judiciário imponha novas derrotas ao Executivo, seja no curso da investigação, seja em processos no Supremo.

Para tentar superar o episódio, aliados do presidente o aconselharam a procurar Toffoli. A ideia é que Bolsonaro aproveite a conversa para minimizar a declaração de Weintraub​.

O presidente ainda deverá reafirmar ao ministro do Supremo o compromisso do Executivo com a independência dos três Poderes.​

Leia maisSTF acelera busca de provas, e Bolsonaro ensaia plano para evitar retaliações

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: