Bolsonaro, com 58% dos votos válidos, tem 16 pontos de vantagem sobre Haddad, diz Datafolha

Fotos de Jair Bolsonaro e Fernando Haddad, rivais na disputa do segundo turno para a Presidência

Na primeira pesquisa do Datafolha sobre o segundo turno das eleições presidenciais, Jair Bolsonaro (PSL) tem ampla vantagem sobre Fernando Haddad (PT). O deputado tem 58% dos votos válidos, enquanto o ex-prefeito paulistano conta com o apoio de 42% dos ouvidos.

A contagem, que exclui os brancos, nulos e indecisos como a Justiça Eleitoral faz no dia da eleição, confirma a onda conservadora que quase deu a vitória em primeiro turno ao presidenciável do PSL. No primeiro turno, Bolsonaro teve 46% dos votos válidos e Haddad, 29%.

O Datafolha ouviu 3.235 pessoas em 227 municípios nesta quarta (10). A margem de erro do levantamento, contratado pela Folha e pela TV Globo, é de dois pontos para mais ou para menos. Igor Gielow – Folha de São Paulo

Leia maisBolsonaro, com 58% dos votos válidos, tem 16 pontos de vantagem sobre Haddad, diz Datafolha

Em Lajes, Benes tem votação 13 vezes maior do que Ivan Júnior

Ivan Júnior embarcou numa canoa furada na dobradinha com Benes

Em Lajes, terra natal por adoção, o deputado federal mais votado em Assú e no RN, Benes Leócadio, do PTC, que foi prefeito quatro vezes da cidade e exerce grande liderança política sobre o atual prefeito José Marques Fernandes – o candidato a deputado estadual pelo PSD Ivan Júnior, tirou apenas 387 votos.

Benes, para deputado federal obteve em Lajes, um total de 5.042 votos, o que representa uma votação 13 vezes maior do que Ivan Júnior. Para completar, a deputada estadual do PTC e que também fez dobradinha com Benes, Eudiane Macedo, ficou em primeiro lugar com 1.438 votos.

A candidata a deputada estadual do PR Terezinha Maia, foi a segunda colocada em Lajes com 685 votos, deixando Ivan Júnior em terceiro lugar, apesar de Benes ter sido o campeão de votos em Assú com 6.091 votos.

MP intensifica a fiscalização da atividade de academias e profissionais da área em todo o Estado

Imagem relacionada

O Ministério Público do Rio Grande do Norte firmou um convênio com o Conselho Regional de Educação Física (CREF) para promover cooperação na fiscalização de pessoas físicas e jurídicas quanto aos padrões de higiene, segurança das instalações e equipamentos. Também serão fiscalizados o direito à informação clara e adequada sobre os diferentes produtos e serviços, e a existência de registro das empresas e profissionais devidamente habilitados. 

No convênio firmado, o CREF se compromete a enviar à Coordenação do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Cidadania (Caop Cidadania) o relatório de fiscalização efetuada em academias de ginástica situadas no interior do Estado, no prazo de 30 dias. No mesmo prazo, enviar relatório pertinente às academias situadas em Natal à Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor da capital. 

Outra medida prevista é manter atualizado o banco de dados de todas as academias de ginástica sediadas no RN, que ficará à disposição dos órgãos do MPRN. 

O MPRN se comprometeu ainda a articular a atuação conjunta das Promotorias de Justiça do Estado com o CREF, subsidiando-as no fornecimento de peças jurídicas, como termos de ajustamento de conduta e títulos judiciais relativos ao objeto do termo de cooperação.

Datafolha divulga nesta noite a primeira pesquisa presidencial do 2º turno

Bolsonaro e Haddad disputam segundo turno das eleições presidenciais de 2018

O Datafolha divulga às 19h desta quarta (10) a primeira pesquisa do segundo turno das eleições presidenciais. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral.

A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi contratada pela Folha.

O segundo turno das eleições presidenciais será disputado por Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). No primeiro turno, Bolsonaro teve 46.03% dos votos válidos, e Haddad recebeu 29,28%.

Marconi Perillo, ex-governador tucano de Goiás, é preso ao chegar para depor

O ex-governador de Goiás Marconi Perillo (PSDB) foi preso nesta quarta-feira, 10. O tucano, que concorreu ao Senado nas eleições 2018, é investigado na Operação Cash Delivery.

Em 28 de setembro, Perillo foi alvo de busca e apreensão. Jayme Rincón, ex-tesoureiro de Perillo e coordenador da campanha ao governo do Estado de José Eliton (PSDB) – aliado do tucano e que busca a reeleição -, foi preso pela PF na ocasião.

A investigação teve como base os relatos dos delatores Fernando Reis e Alexandre Barradas, da Odebrecht. Em suas delações, eles citaram repasses de R$ 10 milhões a Perillo – R$ 2 milhões na eleição de 2010 e R$ 8 milhões em 2014.

O caso tramitava no Superior Tribunal de Justiça, mas foi enviado à Justiça Federal de Goiás em abril, após Perillo deixar o governo para se candidatar ao Senado.  Fabio Serapião/O Estado de São Paulo

Leia maisMarconi Perillo, ex-governador tucano de Goiás, é preso ao chegar para depor

Motoristas de ambulância de Porto do Mangue passam por fiscalização do Detran

As ambulâncias e os condutores desses veículos estão sendo fiscalizados pelo Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran). A medida cumpre uma solicitação da 3ª Promotoria de Justiça da Comarca de Assú, que pediu a inspeção dos veículos e dos motoristas que atuam no transporte público de pacientes da cidade de Porto do Mangue, situada no Vale do Açu.

Na ocasião, a equipe técnica da Subcoordenadoria de Fiscalização do Detran averiguou a situação de 13 motoristas de ambulância registrados junto a prefeitura local. A principal observação foi a falta do Curso de Condutores de Veículos de Emergência (CCVE), que é exigido daqueles condutores que têm a responsabilidade de guiar viaturas policiais, ambulâncias e outros automóveis utilizados na prestação de socorro.

Já no tocante as ambulâncias fiscalizadas, foi detectado algumas pendências relacionadas a documentação dos veículos. Nessa situação, a Prefeitura de Porto do Mangue ficou responsável pela regularização dos automóveis. “Quanto ao curso de condução de veículo de emergência, orientamos que a administração procure a Escola Pública de Trânsito do Detran (Eptran), que pode realizar essa qualificação dos motoristas de ambulância”, informou o subcoordenador de Fiscalização do Detran, César Pedrosa.

De acordo com informações repassadas pela Subcoordenadoria de Fiscalização do Detran, outros municípios serão alvos da inspeção demandada pelo Ministério Público Estadual. “É importante que os gestores procurem adequar os condutores como especifica a lei, pois essa é uma medida de segurança”, concluiu o subcoordenador.

Prefeitura de Nova Cruz vai proibir ocupações irregulares de calçadas e canteiros

Resultado de imagem para Targino Pereira da Costa Neto

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) recomendou que a Prefeitura de Nova Cruz adote as providências necessárias para fazer cessar as ocupações irregulares existentes em calçadas e canteiros da cidade.

A primeira medida do prefeito Targino Pereira da Costa Neto deve ser a notificação das pessoas físicas ou jurídicas responsáveis pelas obstruções para que as removam em 30 dias. A Prefeitura tem prazo de 60 dias para comprovar o cumprimento da recomendação.

As calçadas que devem ser desocupadas ficam localizadas na rua 1º de Maio. Os canteiros centrais ficam na rua Carlos Alexandre, e também na rua 1º de Maio. 

A 1ª Promotoria de Justiça de Nova Cruz recomendou ao comandante do Batalhão da Polícia Militar da cidade que auxilie na adoção das providências necessárias ao cumprimento da legislação municipal a fim de remover os obstáculos.
 

Leia maisPrefeitura de Nova Cruz vai proibir ocupações irregulares de calçadas e canteiros

Prefeito de Salvador ACM Neto declara apoio pessoal a Bolsonaro

André Dusek/Estadão

O presidente nacional do DEM e prefeito de Salvador, ACM Neto, afirmou nesta quarta-feira, 10, que apoiará e votará no candidato do PSL à Presidência da República nas eleições 2018Jair Bolsonaro, no segundo turno. Pela manhã, o Democratas divulgou carta na qual libera os diretórios, líderes e militantes para “apresentarem sua manifestação de voto neste segundo turno seguindo suas convicções.”

O texto institucional assinado pelo líder do DEM e coordenador da campanha do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin já indicava, pelo tom duro das críticas contra o PT, que ele apoiaria o capitão da reserva. A confirmação da sua posição individual foi anunciada na tarde desta quarta-feira, 10, em coletiva de imprensa na capital baiana, e já havia sido antecipada nos bastidores por assessores próximos.

O anúncio de apoio também foi a primeira aparição pública de Neto ao lado do candidato do DEM ao governo da Bahia, José Ronaldo, após os dois brigarem. Ainda no primeiro turno, à revelia de Neto, Ronaldo declarou voto em Jair Bolsonaro, mesmo tendo compromisso de fazer campanha para Alckmin no Estado. Yuri Silva, O Estado de S.Paulo

Leia maisPrefeito de Salvador ACM Neto declara apoio pessoal a Bolsonaro

Haddad tira Lula e reduz vermelho de material de campanha

Novo material de campanha do candidato Fernando Haddad tira a cor vermelha

O comitê eleitoral de Fernando Haddad reduziu a aparição do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o vermelho, marca petista, do novo material de campanha para segundo turno.

Nas novas peças de campanha, até a bandeira mudou de cor.

Agora há dois modelos de bandeira: azul e branca.

Também nas fotos oficias e adesivos, o vermelho foi substituído por azul, branco e as cores da bandeira do Brasil.

O vermelho limita-se a um detalhe em que o número 13 aparece em cor amarela.

Na foto oficial, Haddad e sua vice, Manuela D’Ávila (PC do B), usam blazer. Ele, azul. Ela, bordô.

Em azul, está a inscrição “Todos pelo Brasil”. Figura central no primeiro turno, Lula não aparece mais.

COMO ERA NO PRIMEIRO TURNO

Material de campanha de Fernando Haddad (PT) no primeiro turno trazia o ex-presidente Lula e cor vermelha em destaque
Material de campanha de Fernando Haddad (PT) no primeiro turno trazia o ex-presidente Lula e cor vermelha em destaque – Divulgação

NOVA VERSÃO PARA O SEGUNDO TURNO

A foto oficial do material campanha do segundo turno do petista Fernando Haddad e Manuela D'Ávila
A foto oficial do material campanha do segundo turno do petista Fernando Haddad e Manuela D’Ávila – Divulgação

Catia Seabra e Marina Dias – Folha de São Paulo

Fátima do PT se for eleita garante a presidência da Assembléia ao deputado George Soares

O deputado estadual reeleito George Soares (PR), após se queixar do PT do Assú e ameaçar abandonar o apoio a candidata ao Governo do Estado, Fátima Bezerra, acabou recuando e manteve a parceria política com o PT, em troca da presidência da Assembléia Legislativa a partir de 2019 para tomar o lugar do atual presidente e deputado Ezequiel Ferreira, do PSDB.

Com ajuda da senadora eleita Zenaide Maia, a candidata do PT Fátima Bezerra para evitar perder o apoio da oligarquia Soares no Vale do Açu, garantiu ao deputado estadual George Soares e ao seu irmão, o prefeito Gustavo Soares, durante reunião ontem em Natal que fará o que for possível como governadora se for eleita para eleger o deputado do PR, presidente da Assembléia do RN. 

George Soares explicando o seu recuo de apoiar o candidato a governador pelo PDT, Carlos Eduardo Alves, confidenciou a amigos de Assú, após o encontro com a senadora do PT e candidata a governadora Fátima Bezerra, que a petista assumiu o compromisso de elegê-lo presidente do Poder Legislativo do RN, se for eleita. 

Empresa de transporte aéreo é condenada a pagar indenização por entrega indevida de mercadoria

Imagem relacionada

A empresa VRG Linhas Aéreas S.A (conhecida como Gollog Transporte de Carga) foi condenada a pagar indenização no valor de R$ 12.575,03 à empresa Maré Mansa Comércio de Móveis e Eletrodomésticos LTDA, referente à falha na entrega de mercadoria. A sentença é da juíza Érika Tinôco, da 6° Vara Cível da comarca de Natal.

Segundo os autos, em julho de 2017, a Maré Mansa havia realizado uma venda de produtos eletrônicos à Modec Serviços de Petróleo do Brasil (sediada em Macaé/RJ), no valor de R$ 12.575,03, tendo pago o valor R$ 496,37 à Gollog para realizar o transporte dos produtos.

Após pedido de rastreamento do produto, feito pela Maré Mansa, foi repassada a informação de que este havia sido entregue a suposto funcionário da Modec Serviços de Petróleo no aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, cujo documento de autorização apresentado não possuía autenticidade.

A Maré Mansa alega que “a mercadoria transportada foi entregue à pessoa não autorizada, sem identificação ou registro, que não trabalha na empresa destinatária”.

Leia maisEmpresa de transporte aéreo é condenada a pagar indenização por entrega indevida de mercadoria

TRE cassa vereador de Passa e Fica Josinaldo Mandu

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN) seguiu parecer do Ministério Público Eleitoral e decidiu, na sessão desta terça-feira (9), pelo afastamento imediato do vereador de Passa e Fica, Josinaldo Pereira da Silva, conhecido como Josinaldo Mandu.

Ele foi condenado por abuso de poder econômico juntamente com Everaldo Bezerra Guedes e Danilo “Mandu” Pessoa Pereira da Silva (filho de Josinaldo), que foram candidatos a prefeito e vice da cidade, respectivamente, nas eleições de 2016.

Os três foram indevidamente beneficiados pela doação de 46 casas populares (entre o final de 2015 e início de 2016) e ainda por uma grande festa aberta ao público, de aniversário de Danilo Mandu, ocorrida em abril do ano das eleições e que contou com participação de uma de banda de renome nacional. Em decorrência da decisão do tribunal, que confirmou a sentença de primeira instância e da qual ainda cabe recurso, eles continuam inelegíveis. 

Leia maisTRE cassa vereador de Passa e Fica Josinaldo Mandu

Justiça liberta prefeito e vereador de Caicó, presos por suspeita de corrupção

Resultado de imagem para batata e lobao

O Tribunal de Justiça do RN concedeu, nesta quarta-feira (10), liberdade ao prefeito de Caicó Robson Araújo, mais conhecido como Batata, e também ao vereador Raimundo Inácio Filho, o Lobão. Ambos foram presos no dia 14 de agosto deste ano durante a Operação Tubérculo.

Segundo a assessoria de comunicação do TJ, as prisões preventivas dos dois foram substituídas por mediadas cautelares. Entre as medidas, está a determinação de ambos permanecerem afastados de suas funções por 180 dias.

O prefeito, o vereador e mais o lobista Edvaldo Pessoa de Farias foram denunciados pelo Ministério Público por participação em um esquema de desvio de recursos públicos envolvendo fraudes na iluminação pública de Caicó.

Batata foi denunciado duas vezes pelos crimes de corrupção passiva, dispensa indevida de licitação, corrupção ativa (também duas vezes) e associação criminosa. O vereador responde por corrupção ativa (duas vezes). Já o lobista, por corrupção passiva, tráfico de influência e associação criminosa. Todos alegam inocência.

Leia maisJustiça liberta prefeito e vereador de Caicó, presos por suspeita de corrupção

Ex-prefeitos Leonardo e Geraldo Paulino garantem 1.362 votos para Ivan Júnior em Ipanguaçu

Resultado de imagem para leonardo e geral com ivan Ipanguaçu
Os dois ex-prefeitos de Ipanguaçu foram corretos com o candidato Ivan Júnior

Enquanto o deputado federal eleito e campeão de votos em Assú e no RN, Benes Leocádio, do PTC, conseguiu apenas 517 votos para o candidato a deputado estadual Ivan Júnior, nos municípios de Lajes e Santana do Matos, onde exercem forte liderança política – os ex-prefeitos de Ipanguaçu Leornardo Oliveira e Geraldo Paulino, com a ajuda de outras lideranças, conquistou 1.362 votos, mais do dobro de votos dado por Benes ao ex-prefeito do Assú.

O ex-prefeito Leonardo Oliveira, também demonstraram grande correção política com Benes Leócadio, que conseguiu com ajuda de Ivan Júnior, um total de 993 votos só em Ipanguaçu. Com os votos do Assú, o deputado federal Benes, conseguiu mais de 7 (sete) mil votos nas duas cidades do Vale do Açu.

Já a votação de Ivan Júnior nos dois principais municípios da região Central, foi um grande fracasso. A expectativa era a de que Benes pelo menos tivesse empatado em Laje e Santana do Matos, com a votação de duas cidades do Vale do Açu, mas o que se viu, foi uma desigualdade sem precedente e muita estranha.

Médicos vetam participação de Bolsonaro em debates e atos públicos até o dia 18

Jair Bolsonaro

De acordo com a equipe médica que acompanha o presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro, ele não participará de nenhum dos debates do 2º turno que estavam programados para a próxima semana, como os do Estadão/GazetaSBT/Folha e RedeTV/IstoÉ.

O médico cirurgião Antonio Luiz de Macedo, examinou o candidato nesta quarta e informou à imprensa que o candidato do PSL ao Planalto terá alta para atividades públicas de campanha a partir da quinta-feira da próxima semana, dia 18. “Com certeza ele terá condições na semana que vem”, afirmou.

Antes de a equipe médica do presidenciável Jair Bolsonaro desautorizá-lo de participar do debate na Rede Bandeirantes nesta semana, a direção de jornalismo da emissora trabalhava com a possibilidade de que o encontro pudesse ocorrer no Rio de Janeiro. No início da semana, a equipe de Bolsonaro acenou com a possibilidade de o debate ocorrer no Rio de Janeiro, caso os médicos do candidato do PSL o proibissem de tomar um avião.

Uma equipe da Bandeirantes de São Paulo foi deslocada para o Rio de Janeiro para montar o estúdio e a logística para que o debate pudesse ocorrer. A expectativa ainda na manhã desta quarta era de que Bolsonaro confirmaria sua participação nesta sexta-feira, 12. A informação de que o presidenciável não participará do debate nem mesmo no Rio pegou os profissionais da emissora de surpresa.

Com 130 votos em Santana do Matos, Ivan Júnior foi o lanterna na terra natal de Benes

Ivan na terra natal de Benes e do seu cunhado prefeito de Santana do Matos, ficou na lanterna

Enquanto o deputado federal eleito Benes Leócadio, do PTC, obteve mais de 6 mil votos em Assu, tomando lugar de campeão de votos do deputado federal Fábio Faria (PSD) que destinou mais de R$ 13 milhões para o desenvolvimento do município, o candidato a deputado estadual Ivan Júnior, do PSD, conseguiu apenas 130 votos em Santana do Matos, terra natal natural do federal do PTC, que tem o cunhado dele, José Edvaldo Guimarães Junior, casado com a irmã de Benes, como prefeito da cidade.

Para deputado federal em Santana do Matos, Benes Léocadio, foi o mais votado com 4.613 votos. Nos dois municípios que Benes Leócadio tem forte influência política e eleitoral, o candidato a deputado Ivan Júnior, não obteve resultado satisfatório na dobradinha com o ex-prefeito de Lajes e cunhado do prefeito de Santana do Matos.

Vitória da reeleição de George Soares teve o sabor amargo da derrota para Ivan Júnior em Assú

Com mais de R$ 100 milhões de receita nas mão do irmão, George Soares, perde de novo para Ivan Júnior, liso

Depois de sofrer uma vergonha derrota para o então prefeito do Assu Ivan Júnior nas eleições municipais de 2012 por mais de 10 mil votos, o deputado estadual reeleito George Soares, voltou a sentir o sabor amargo da derrota novamente na terra administrada pelo seu irmão e prefeito Gustavo Soares, para o candidato a deputado estadual pelo PSD Ivan Júnior que ficou na quinta suplência.

Apesar de sido reeleito, o deputado George Soares e o seu irmão, o prefeito Gustavo Soares, comemoraram a vitória com gosto azedo de outra derrota para Ivan Júnior. Com 10 vereadores e centenas de cargos comissionados na Prefeitura do Assú e na Assembléia Legislativa do RN, George Soares obteve apenas 11.887 votos, ficando em segundo lugar na sua principal base eleitoral.

Apesar da caneta azeitada nas mãos do seu irmão e prefeito do Assú, do PR, que recebe mensalmente de todos os tributos federais, estaduais e municipais, uma receita financeira de algo em torno de R$ 9 milhões, totalizando mais de R$ 100 milhões – o candidato a deputado Ivan Júnior, ficou em primeiro lugar com 12.454 votos. 

Além de dispor da máquina bem lubrificada financeiramente nas mão do seu irmão e prefeito Gustavo Soares que fez de tudo para conquistar votos, chegando a distribuir ate vale alimentação para pessoas carentes do município, o deputado George Soares, recebeu do seu candidato a deputado federal eleito João Maia, um total de R$ 330 mil para gastar na campanha.

%d blogueiros gostam disto: