Tulio Lemos entrega fardamento novo à Guarda Municipal

Os 67 agentes da Guarda Municipal de Natal desfilarão no próximo domingo, nas comemorações do aniversário de Emancipação de Macau, com uniformes novos. A entrega foi feita na tarde dessa quinta-feira (6), no Gabinete do prefeito Tulio Lemos, que investiu R$ 38 mil para aquisição do fardamento da Guarda.

Há pelo menos três anos essa era uma reivindicação da Guarda Municipal que agora é atendida pelo prefeito. “Eu quero trabalhar próximo da Guarda Municipal, porque acho que ela exerce um importante papel de proteção à população”, disse Tulio Lemos, que adiantou durante a entrega que é perspectiva da Prefeitura de Macau instalar câmeras de monitoramento na cidade, cuja central de observação deverá ser na sede da Guarda Municipal que, por sua vez, deverá passar também por melhorias estruturais.

“Depois de três anos e muitos obstáculos, a categoria recebe agora o fardamento novo e fica bastante motivada”, disse o comandante Geral da Guarda, Magno Nunes. O guarda municipal Lucas Vale, 26, acredita que a auto-estima dos agentes fica elevada e demonstra à população um efetivo organizado e bem vestido.

Há uma perspectiva de que a Prefeitura também adquira, em breve, coletes balísticos (a prova de balas) para o efetivo e reaparelhe a Central de Radiocomunicação para melhorar, principalmente, o atendimento nos distritos.

Celso de Mello nega mais um pedido de Lula para ser candidato

 O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta quinta-feira o pedido liminar da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para ele se candidatar às eleições de outubro. É a segunda derrota que o petista amarga na Corte nas últimas 24 horas. Na madrugada desta quinta-feira, Edson Fachin negou a primeira para Lula concorrer nas urnas. Resta à defesa mais uma esperança: um recurso extraordinário apresentado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O pedido encaminhado a Celso de Mello era para suspender a decisão do TSE que rejeitou o registro de candidatura, até que chegasse ao STF o recurso extraordinário sobre o assunto. Essa liminar está associada ao recurso apresentado na segunda-feira à noite no TSE, que a presidente do tribunal, ministra Rosa Weber, vai decidir se envia ou não para o STF.

Até que Rosa tome essa decisão, a defesa queria uma liminar do STF para suspender a negativa do registro. O argumento é o mesmo apresentado ao TSE: decisão do Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) assegura a Lula o direito de concorrer. O Globo

Leia maisCelso de Mello nega mais um pedido de Lula para ser candidato

‘Tentaram dar uma facada no coração dele, tentaram matar meu pai’, diz filho de Bolsonaro

Filho de Jair Bolsonaro, Flávio Bolsonaro enviou um áudio a militantes do PSL logo após o atentado do qual o pai foi vítima. Ele diz que “tentaram dar uma facada no coração dele”. “Graças a Deus tinha um rapaz ali que percebeu… Que na hora que ele ia enfiar a faca conseguiu dar uma desviada no braço desse cara aí, o cara que tentou matar meu pai”, diz o deputado estadual na gravação obtida por Julia Chaib.

Flávio, visivelmente nervoso no áudio, tenta tranquilizar os aliados. “Mas está tudo bem com ele, está em Juiz de Fora (MG), foi medicado lá. Foi só susto”, ele diz.

O filho de Bolsonaro pede que “intensifiquem as orações por nós”. “Quem ainda não percebeu contra o que a gente está lutando, hoje foi mais uma prova. A gente sempre soube que isso podia acontecer, a gente tem se previnido, tem evitado muita coisa, mas quando acontece é que a ficha cai”, diz ele ao concluir. Painel – Folha de São Paulo

Bolsonaro pediu segurança da PF, prevista em lei para candidatos

Jair Bolsonaro

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ), vítima de um ataque em Juiz de Fora (MG) nesta quinta-feira (6), foi um dos primeiros candidatos à Presidência a pedir à Polícia Federal, ainda no começo da campanha eleitoral, a segurança prevista em lei.

Os candidatos é que solicitam a segurança da PF, de acordo com os eventos de que precisam participar.

Segundo a PF, nem todos os candidatos têm o costume de pedir o apoio dos policiais federais.

A segurança proporcionada pela PF aos candidatos é assegurada em lei e cumprida por uma coordenação de defesa institucional vinculada à diretoria-executiva da direção geral da PF em Brasília. 

Em nota nesta quinta-feira (6), a PF confirmou que Bolsonaro utilizava segurança da PF no momento em que foi atacado por um homem armado com uma faca em Juiz de Fora. Rubens Valente – Folha de São Paulo

Suspeito de esfaquear Bolsonaro foi filiado ao PSOL

Adélio Bispo de Oliveira, de 40 anos, suspeito pelo ataque contra Jair Bolsonaro (PSL)

Suspeito de ter esfaqueado Jair Bolsonaro (PSL), Adelio Bispo de Oliveira, 40, foi filiado ao PSOL de Uberaba (MG) de 2007 a 2014, segundo relação de filiados políticos do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). De acordo com os registros, ele pediu desfiliação há quatro anos e não consta ter aderido a outra sigla.

Suspeito de atentato a Jair Bolsonaro fazia posts com críticas ao candidato

O ataque ao político aconteceu durante um ato de campanha no centro da cidade de Juiz de Fora, na zona da mata de Minas Gerais. Bolsonaro era carregado por apoiadores quando foi atingido por um homem com uma faca. Após o ataque, o presidenciável foi retirado do local e levado à Santa Casa.

Em sua página no Facebook, Adelio tem várias postagens críticas a Bolsonaro. Há também fotos contrárias a Michel Temer. Ranier Bragon –  Folha de São Paulo

Leia maisSuspeito de esfaquear Bolsonaro foi filiado ao PSOL

Baía Formosa recebe Fábio Faria

De surfista adolescente que frequentava o Pontal, a deputado federal com mais de R$ 1 ,3 milhão de emendas para o município, Fábio Faria foi recebido com festa pelos amigos de Baia Formosa.

Ele  tem o apoio da ex-prefeita Ivanusa e do ex-vereador Luciano Jota.

Em seu discurso, Fábio destacou o trabalho e emendas que trouxe para construção de quadra esportiva, aquisição de ambulância, equipamentos odontológicos, praça, pavimentação, Festival de Sagi e equipar postos de saúde.

E lembrou quando era adolescente e já frequentava a praia para surfar. “O mar daqui é uma grande escola. O nosso campeão Italo Ferreira é um exemplo”, destacou Fábio.

O deputado aproveitou também para anunciar uma grande obra do Governo do Estado que vai impulsionar o turismo de Formosa. “Aqui será construído o Six Senses, um dos melhores hotéis do Brasil. Trabalho do Governo, em parceria com a iniciativa privada, para gerar desenvolvimento, emprego e renda”.

Bolsonaro é esfaqueado durante ato de campanha em Minas e passa por cirurgia

Jair Bolsonaro foi esfaqueado durante agenda de campanha em Juiz de Fora (esq.); suspeito é preso (dir.). Foto: Reprodução/Redes Sociais

Suspeita é de que candidato tenha sido ferido no fígado e no intestino

candidato à Presidência da República do PSL nas eleições 2018Jair Bolsonaro, foi esfaqueado durante ato de campanha em Juiz de Fora (MG) na tarde desta quinta-feira, 6. O presidenciável foi levado para o hospital e passa bem, segundo familiares. De acordo com Flavio Bolsonaro, filho do presidenciável, o ferimento foi superficial. O suspeito foi preso, segundo a Polícia Federal.

“Jair Bolsonaro sofreu um atentado agora em Juiz de Fora, uma estocada com faca na região do abdômen. Graças a Deus, foi apenas superficial e ele pesa bem. Peço que intensifiquem as orações por nós!”, escreveu Flávio Bolsonaro no Twitter. 

Líder nas pesquisas de intenção de votos, Bolsonaro era carregado pelas ruas da cidade mineira por seus apoiadores quando fez uma expressão de dor. Vídeos que circulam pela internet mostram uma pessoa se aproximando do candidato e acertando sua barriga. Pelos vídeos, não é possível identificar de forma precisa o que foi utilizado pelo agressor. Um dos seguranças que estavam com Bolsonaro sofreu um corte na mão. Constança Rezende e Fabio Serapião, O Estado de S.Paulo

Leia maisBolsonaro é esfaqueado durante ato de campanha em Minas e passa por cirurgia

Bolsonaro interrompe ato de campanha após ser esfaqueado em Juiz de Fora, diz PM

Bolsonaro interrompe ato de campanha após ser esfaqueado, segundo PM. A imagem está circulando em um grupo de WhastApp pró-candidato do PSL

Após confusão em Juiz de Fora (MG), a agenda de Jair Bolsonaro (PSL) é interrompida depois de o candidato ser esfaqueado. O presidenciável foi levado para o hospital. De acordo com Flavio Bolsonaro, filho do presidenciável, o candidato do PSL à Presidência passa bem. O corte foi superficial. O agresso foi detido. segundo a Polícia Federal.

Antes do ataque, tumultos, tensão e bate-boca marcaram a visita do presidenciável ao hospital filantrópico da Associação Feminina de Prevenção e Combate ao Câncer (ASCOMCER) e também um almoço com o candidato em um hotel em Juiz de Fora, Minas Gerais, nesta quinta-feira, 6.

Pacientes idosos em tratamento contra a doença tiveram dificuldade para entrar na unidade, devido a um cordão de isolamento feito por integrantes de um movimento  conservador da cidade. Vestidos de preto, eles se diziam policiais e afirmavam fazer “segurança voluntária” do candidato.

Mais informações em instantes – O Estado de são Paulo

Prefeito Túlio Lemos visita obras do CEO

O Prefeito Tulio Lemos esteve na manhã desta quinta (06), no CEO – Centro de Especialidades Odontológicas – acompanhado da secretária de saúde do município e de assessores, onde na oportunidade fiscalizou o andamento da obra e cobrou agilidade no término dos serviços.

A Prefeitura informa que toda a parte elétrica do prédio foi revitalizada além de outros pontos críticos na estrutura que fizeram a unidade vir a necessitar da reforma; Além disto, está sendo preparado na unidade um espaço específico para o atendimento infantil, a odontopediatria, e outra com equipamentos e espaço designados para pacientes com necessidades especiais.

Segundo a secretaria de infraestrutura dentro de 20 dias a unidade deve estar novamente pronta para a atender a população.

Os atendimentos do CEO estão sendo realizados provisoriamente na UBS do Bairro dos Navegantes.

Tribunal de Justiça nega pedido de indenização de Lula contra Dallagnol

Os desembargadores da 8.ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo negaram, nesta quarta, 5, o pedido de indenização por danos morais promovido pelo ex-presidente Lula contra o procurador Deltan Martinazzo Dallagnol, coordenador da Operação Lava Jato.

O ex-presidente alegou que teve seus diretos de personalidade ‘afrontados’ durante entrevista coletiva concedida em setembro de 2016 – na ocasião, Deltan usou um PowerPoint para destacar imagens e gráficos.

As informações foram divulgadas no site do TJ – Apelação nº 1031504-08.2016.8.26.0564

Para o relator da apelação, desembargador Salles Rossi, ‘não se vislumbra ocorrência de dano moral indenizável’.

Leia maisTribunal de Justiça nega pedido de indenização de Lula contra Dallagnol

Luta de Nelter viabiliza novo asfalto em todo o perímetro urbano de Jucurutu

As obras de construção da nova estrada que liga Jucurutu a Caicó (RN-118), foram iniciadas nesta quarta-feira (05). Pelo projeto original, que teve a ordem de serviço dada pelo secretário Vagner Araújo no dia 24 de agosto, o trecho asfáltico do perímetro urbano de Jucurutu ficaria de fora.

Porém, o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB), que há tempos cobra do Governo do Estado a construção da nova estrada entre Jucurutu e Caicó, esteve na última semana no Centro Administrativo Estadual acompanhado dos vereadores Fagner Brito, Francinildo Aquino e Jubira Saldanha para participar de audiência com Vagner Araújo com o intuito de reforçar a necessidade de que obras da nova RN-118 também contemplassem a área urbana de Jucurutu.

“Nosso pedido foi atendido pelo Governo do Estado e as máquinas começaram nesta quinta-feira (06) os serviços a partir do bairro Freitas, saindo do parque de vaquejada e irá refazer todo o asfalto de Jucurutu passando pelos bairros Alto da Bela Vista, Centro, Vila de Santa Isabel, Cohab e Novo Horizonte, saindo para Caicó”, informou Nelter.

“Essa luta é antiga e foi viabilizada graças à nossa força política junto ao Governo do Estado. Eu não abri mão de que toda zona urbana de Jucurutu fosse beneficiada com o asfalto novo. Tive audiência no Departamento de Estradas de Rodagens (DER) ano passado onde fui acompanhado de vereadores jucurutuenses. Na época, nós já havíamos solicitado ao general Fraxe para que a obra contemplasse toda cidade”, relembrou o parlamentar.

Fátima diz que Carlos Eduardo Alves “não representa nada de novo”

Os líderes da Pesquisa Fiern/Certus, divulgada domingo passado (2), Carlos Eduardo Alves e Fátima Bezerra, se enfrentaram ontem no debate
sobre segurança pública com os candidatos ao Governo do RN transmitido pela Band.

“Seu partido passou dois anos com o Governo Robinson”, citou o ex-prefeito de Natal.

A senadora do PT respondeu que, “naquele momento, foi necessário para vencer o acordão protagonizado pelos Alves. Você não representa nada de novo”.

Carlos Eduardo Alves ironizou: “A senhora me apoiou por duas vezes e nunca se arrependeu”.

Deputado ex-presidiário faz campanha cumprindo pena do Supremo

O deputado Celso Jacob (MDB-RJ), condenado a 7 anos e 4 meses por falsificação e dispensa de licitação para construir uma creche quando era prefeito de Três Rios (RJ)

O deputado federal Celso Jacob (MDB-RJ) está em plena campanha de reeleição mesmo condenado pelo STF (Supremo Tribunal Federal) e cumprindo em regime aberto a pena de sete anos e dois meses imposta pelos ministros.

Jacob reconhece estar impedido pela Lei da Ficha Limpa para concorrer. Mas decidiu insistir na candidatura e garantir vaga na Câmara na esperança de obter uma liminar do ministro Dias Toffoli, relator de uma revisão criminal de seu caso.

O emedebista foi condenado há dois anos por contratar uma empresa que havia sido desclassificada de licitação para construir uma creche e participar de uma falsificação de trecho de uma lei aprovada na Câmara Municipal para viabilizar o ato. O crime ocorreu em 2002, quando ele era prefeito de Três Rios (RJ).

Leia maisDeputado ex-presidiário faz campanha cumprindo pena do Supremo

Carlos Eduardo Alves acusa Fátima de responsabilidade e omissão na violência no RN

O ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT) chamou a atenção do eleitorado para a responsabilidade e a omissão da senadora Fátima Bezerra (PT) no caos da insegurança que tornou o Rio Grande do Norte o estado mais violento do Brasil.

Foi no debate entre os candidatos ao Governo do Estado sobre segurança pública promovido ontem (05/09) pelas associações de Policiais Militares e transmitido pela Band Natal.

Carlos Eduardo Alves lembrou que Fátima e o atual governador Robinson Faria (PSD) – que faltou ao segundo debate sobre o tema, foram aliados, se elegeram e governaram juntos por dois anos (2015/16), período em que cerca de 3.600 pessoas foram assassinadas no Estado sem que a senadora ou o seu partido, o PT se manifestassem.

Fátima Bezerra tentou tangenciar na resposta abordando política eleitoral, mas, na réplica, Carlos Eduardo Alves reforçou: “Durante dois anos de aliança entre PT e Robinson morreram 3.600 pessoas no estado. O PT não disse nada. Você (Fátima Bezerra) é corresponsável por esse estado de violência que está aí”.

PRF reforça fiscalização nas BRs mais movimentadas do RN

Objetivo é prevenir os acidentes de trânsito em razão da grande circulação de veículos por causa do feriado da Independência (Foto: PRF/Divulgação)

Até o domingo (9), policiais rodoviários federais de todo o país reforçarão a fiscalização e o policiamento ostensivo nas rodovias federais de maior movimento. O objetivo é prevenir os acidentes de trânsito em razão da grande circulação de veículos por causa do feriado da Independência. Neste mesmo período, no ano passado, foram registrados 23 acidentes, com 25 feridos e uma morte nas BRs que cruzam o Rio Grande do Norte.

Segundo a PRF, serão priorizadas ações preventivas de combate ao excesso de velocidade, o uso de bebida alcoólica ao volante e as ultrapassagens proibidas, além de uma atenção especial para os condutores dos veículos de duas rodas, onde observar-se-á a utilização do capacete com a cinta jugular atada e com viseira.

A PRF também estará atenta para o uso do cinto de segurança por todos os ocupantes do veículo, bem como o uso dos dispositivos de retenção para o transporte de crianças menores de sete anos e meio.

Leia maisPRF reforça fiscalização nas BRs mais movimentadas do RN

Justiça Eleitoral manda governo do RN retirar 9 outdoors com propaganda

MPE representou contra candidato Robinson Faria e vice por propaganda vedada no período eleitoral (Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi)

A Justiça Eleitoral determinou a retirada imediata de nove outdoors institucionais do Governo do Rio Grande do Norte instalados no anel viário que dá acesso ao aeroporto de São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana de Natal.

A decisão liminar partiu de uma representação do Ministério Público Eleitoral contra o candidato à reeleição Robinson Mesquista de Faria (PSD), contra o candidato a vice-governador, Tião Couto, e contra o próprio Estado.

De acordo com o Ministério Público Eleitoral, os outdoors desrespeitam o período vedado para propaganda institucional e exaltam o atual governo. Ainda de acordo com a representação protocolada, o outdoor também é um meio proibido pela legislação.

Leia maisJustiça Eleitoral manda governo do RN retirar 9 outdoors com propaganda

Com Meirelles estagnado, MDB nos estados aposta em PT e Jair Bolsonaro

Este é Henrique Meirelles (MDB)

Dirigentes do MDB já não acreditam na viabilidade de Henrique Meirelles na disputa pelo Planalto e decidiram apostar a estrutura do partido nos estados em candidaturas hoje mais competitivas, como a do PT e a de Jair Bolsonaro (PSL).

Integrantes da sigla de Michel Temer estabeleceram um limite para que o ex-ministro da Fazenda mostre que ainda está no jogo: as primeiras pesquisas após o início da propaganda eleitoral de rádio e TV.

Levantamento Ibope divulgado nesta quarta-feira (5) traz o candidato com 2%, numericamente atrás de Alvaro Dias (Podemos) e João Amoêdo (Novo).

Diante da baixa expectativa sobre o presidenciável, devem considerá-lo fora do baralho a partir da próxima semana e trabalhar para eleger governadores e uma bancada grande no Congresso.

O movimento ganhou força na cúpula do MDB, principalmente no Nordeste, região em que o ex-presidente Lula (PT) concentra 59% do eleitorado. Marina Dias – Folha de São Paulo

Leia maisCom Meirelles estagnado, MDB nos estados aposta em PT e Jair Bolsonaro

%d blogueiros gostam disto: