Vereadores de São Gonçalo escolhem pré-candidatura de Carlos Eduardo

Um grupo de vereadores de São Gonçalo do Amarante (Grande Natal) sacramentou apoio à pré-candidatura de Carlos Eduardo (PDT), nesta sexta-feira (13/07). Antes, Carlos Eduardo ganhou outros aliados: os ex-prefeitos Klauss Rego (Extremoz) e Nivaldo Félix (Nal), de Monte das Gameleiras.

Declararam que estão com Carlos Eduardo os vereadores de São Gonçalo: Gerson Bezerra (PRB), Jailson Tavares (PR), Nino (MDB), Adelson Martins (PV) e Chanxe Dantas (PRB).

Klauss de Extremoz e Nal de Monte das Gameleiras reforçam pré-candidatura de Carlos Eduardo

O pré-candidato a governador pelo PDT, Carlos Eduardo avança com novos aliados. Nesta sexta-feira, recebeu o ex-prefeito Klauss Rêgo, de Extremoz, que anunciou apoio a Carlos Eduardo.

Prefeito por dois mandatos, Klauss Rêgo, destacou a experiência de Carlos Eduardo como gestor na prefeitura de Natal. “Quem tem bom senso vota Carlos Eduardo. Sua história nos dá segurança de que a situação triste do Rio Grande do Norte vai mudar”.

Além de Klauss, o ex-prefeito de Monte das Gameleiras, Nivaldo Félix (Nal), reforça a pré-candidatura de Carlos Eduardo. Nal administrou o município de 2004 a 2008. “Pronto para a luta. Vamos dar nossa contribuição à vitória de Carlos Eduardo“.

PGR usa argumentos de Gilmar para tentar derrubar decisões do próprio ministro

É com decisões do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que a Procuradoria-Geral da República (PGR) vem buscando argumentos para contestar as decisões em que ele próprio mandou soltar investigados da Lava-Jato do Rio de Janeiro. A PGR faz questão de apontar que em alguns casos Gilmar decide de um jeito e, em outros, fez o oposto, mas não chega a usar a palavra “contradição”.

Desde junho deste ano, foram pelo menos cinco recursos parecidos em casos diferentes envolvendo o ex-presidente da Federação do Comércio do Rio de Janeiro (Fecomércio) Orlando Diniz e os doleiros Antônio Cláudio Albernaz Cordeiro, Athos Roberto Albernaz Cordeiro, Rony Hamoui e Marcelo Rzezinski – todos soltos por decisões de Gilmar. Quatro deles são assinados pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, e um por seu vice, Luciano Mariz Maia.

Em todos os casos, eles foram presos por ordem do juiz federal Marcelo Bretas, responsável pelos desdobramentos da Lava-Jato no Rio. A defesa apresentou recursos que foram negados pelo Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) e, liminarmente, pelo relator no Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Rogério Schietti. O Globo

Leia maisPGR usa argumentos de Gilmar para tentar derrubar decisões do próprio ministro

Nélter defende nome de Fábio Dantas para vice de Carlos Eduardo

Resultado de imagem para carlos eduardo e fabio dantas

O deputado Nélter Queiroz (MDB) defendeu, hoje, o nome de Fábio Dantas(PSB) como candidato a vice-governador na chapa encabeçada por Carlos Eduardo Alves(PDT).

Filho do prefeito de São José do Mipibu, Arlindo Dantas, Fábio chegaria para resolver o problema das chapas proporcionais, – estadual e federal -, pois traria dois partidos de uma só vez: PSB e PPL.

A chapa de Carlos Eduardo ganharia, também, preciosos minutos de rádio e tv. O PSB tem 28 deputados federais, entre eles, o potiguar Rafael Motta.

A coligação também aumentaria seu poderio para a Assembléia Legislativa. Além de nomes como Ricardo Motta, Fafá Rosado, vereador Franklin Capistrano e outros, Fábio também levaria o PPL de sua mulher, deputada estadual Cristiane Dantas, que tem também importante nominata.

O vice-governador Fábio Dantas preencheria, ainda, um espaço que está em aberto na campanha de Carlos Eduardo: a articulação política. As informações são do jornalista Alexandre Cavalcanti, do blog Pinga Fogo/Nominuto.

Fábio Faria recebe apoio do prefeito de Santo Antônio

O prefeito Josimar Ferreira, de Santo Antônio, acaba de confirmar apoio à reeleição do deputado federal Fábio Faria (PSD). “Um apoio muito importante de um prefeito bem avaliado. Santo Antônio é o principal município da região Agreste, onde minha família tem história política firme”, comemora Fábio Faria.

Para governador, o prefeito confirma voto em Robinson Faria e para deputado estadual, em Dison Lisboa, ambos também do PSD.

O prefeito de Santo Antônio que é do Podemos, não acompanhou a orientação de Antônio Jácome, presidente do partido.

Jungmann prorroga permanência da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária no RN

Agentes penitenciários após intervenção nos pavilhões 1, 2 e 3 de Alcaçuz, em janeiro de 2017 (Foto: Divulgação / Força Tarefa Penitenciária)

O Governo Temer autorizou a permanência da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na Grande Natal, por mais 30 dias. A portaria de prorrogação do prazo foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (13), e assinada pelo ministro Extraordinário de Segurança Pública, Raul Jungmann.

A FTIP está no Rio Grande do Norte desde 27 de janeiro de 2017, após a rebelião que aconteceu na Penitenciária de Alcaçuz e deixou 26 presidiários mortos. Desde então os prazos de permanência da Força-Tarefa vêm sendo prorrogados, a pedido do Governo do Estado.

A operação terá o apoio logístico e a supervisão dos órgãos de administração penitenciária e Segurança Pública do Rio Grande do Norte, nos termos do convênio de cooperação firmado com a União, durante a vigência da portaria autorizativa.

Leia maisJungmann prorroga permanência da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária no RN

Flávio Rocha desiste de candidatura à Presidência

Resultado de imagem para Flávio Rocha desiste de candidatura à Presidência

O empresário Flávio Rocha (PRB) anunciou nesta sexta-feira, 13, que desistiu de concorrer ao Palácio do Planalto nas eleições 2018. Em um vídeo divulgado nas redes sociais, ele afirmou que o Brasil “passa por um momento turbulento”  e por isso “não pode flertar com os extremos”.

Na mensagem de pouco mais de 3 minutos, ele agradece aos “intrépidos meninos do MBL” e disse que pretende continuar colaborando com o seu partido. Apesar da aproximação do PRB com o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB), Rocha vinha negando sistematicamente que desistiria da disputa.

O empresário disse ao Estado que  não aceitaria ser vice de outro candidato. “Não saio para apoiar ninguém. Saio para não entrar em uma luta quixotesca. Não aceitaria ser vice. Não é meu projeto”, afirmou. Ele disse ainda que não pretende se engajar na campanha de Alckmim à Presidência.

Pedro Venceslau, O Estado de S.Paulo

Moro foi ‘imparcial durante toda a marcha processual’, diz PGR em pedido de Lula contra juiz

Os momentos de Moro

A Procuradoria-Geral da República (PGR) posicionou-se contra o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para considerar o juiz Sergio Moro suspeito e afastá-lo do processo do sítio de Atibaia (SP) em que o petista é réu na Justiça Federal no Paraná. Para os advogados de Lula, Moro é parcial.

Em parecer apresentado ao ministro Félix Fischer, do STJ (Superior Tribunal de Justiça) —instância em que a petição tramita agora, depois de ter sido negada tanto por Moro quanto pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região)—, o subprocurador-geral da República Nívio de Freitas Silva Filho disse que “Moro se manteve imparcial durante toda a marcha processual”.

O subprocurador apresentou o parecer na última segunda-feira (9), um dia após o embate jurídico dentro do TRF-4 em torno de um pedido para a libertação de Lula, que está preso na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba desde abril cumprindo pena relativa ao processo do tríplex.

Para Silva Filho, há uma “insistência infundada” da defesa do ex-presidente com pedidos para afastar Moro de processos de Lula. “Segundo bem assinalado pelas instâncias ordinárias, já foram julgadas improcedentes inúmeras exceções de suspeição”.

Leia maisMoro foi ‘imparcial durante toda a marcha processual’, diz PGR em pedido de Lula contra juiz

Vice-prefeito macauense na mira do Ministério Público

Maresia: Desdobramentos da operação envolvem e podem complicar o atual vice-prefeito de Macau.

O Ministério Público Estadual está apurando através do inquérito nº 113.2017.002710 a reforma, ampliação e implantação da quadra esportiva da Escola Municipal Edinor Avelino, serviços que foram realizados na gestão 2013/2016 pela empresa MAC Construções, envolvida na Operação Maresia, que afastou e prendeu ex-prefeitos, secretários e mais alguns funcionários da Prefeitura de Macau no final do ano de 2015.

Segundo o Ministério Público a obra na escola contém fortes indícios de superfaturamento em todas as fases da obra, além de que é fato notável a má qualidade dos serviços realizados, deixando assim, dois fortes indícios de que a obra teria sido usada para enriquecimento ilícito.

O atual Vice-Prefeito de Macau, Rodrigo Antônio Medeiros Aladim de Araújo, também é alvo da investigação, uma vez que à época, era o Secretário de Educação do Município, e portanto respondia e autorizava todos os contratos celebrados pela pasta.

A Promotora Isabel Menezes pediu ao atual Prefeito Tulio Lemos cópias dos contratos firmados com a empresa e toda a documentação, além de outras informações, que podem comprovar o envolvimento de tais pessoas nos crimes. O atual Prefeito tem o prazo de 10 (dez), dias para enviar as informações para o MPE.

Se comprovados os crimes, as penas variam de 3 (três) à 6 (seis) anos, e multa.

Por falta de pagamento do 13º de 2017, policiais civis fecham delegacias em Natal

Protesto dos policiais civis se concentra na Central de Flagrantes (Foto: Sinpol-RN)

Policiais civis do Rio Grande do Norte realizam nesta sexta-feira (13) um protesto contra o atraso no pagamento do 13º salário de 2017. O ato foi batizado de Operação Zero. Na capital, apenas a Delegacia de Plantão da Zona Norte está atendendo a população. No interior, os registros de ocorrências e flagrantes podem ser feitos nas delegacias regionais. O protesto começou de 7h e só deve terminar às 17s, segundo o sindicato da categoria.

“A Operação Zero está sendo realizada para cobrar do governo do estado o pagamento do 13º salário (2017) dos policiais civis, pagamento dos pensionistas da Polícia Civil, o pagamento das promoções, incluindo retroativos, a reestruturação das delegacias, bem como o cumprimento do Termo de Acordo assinado pelo governador ainda em janeiro, e a retomada das negociações do projeto de reestruturação dos servidores da Secretaria de Segurança Pública”, afirmou o Sinpol.

“Infelizmente, o governo não tem tratado os policiais civis como tem atendido outras categorias da segurança pública. A prioridade tem sido investir em propaganda de ostensividade para tentar enganar a população e esconder o verdadeiro problema da segurança, que é a falta de investimentos em ferramentas de investigação e inteligência policial”, acrescentou Nilton Arruda, presidente do Sinpol.

Secretária da Segurança Pública e da Defesa Social, Sheila Freitas disse que tem conhecimento das reivindicações e que o governo vem cumprindo os acordos firmados com a categoria, a exemplo do pagamento das promoções e níveis, mas que é preciso aguardar a chegada de recursos para que o 13º possa ser pago. A secretária ressaltou que resta receber, independente do órgão em que são lotados, os servidores que ganham acima de R$ 3 mil.

A Delegacia de Plantão da Zona Norte de Natal fica na Avenida Dr. João Medeiros Filho, 2141, no conjunto Potengi. G1 RN 

Ivan Júnior realizou o sonho da casa própria de milhares de famílias em Assú

O pré-candidato a deputado estadual pelo PSD Ivan Júnior começou a divulgar vídeos nas redes sociais sobre o seu trabalho como prefeito do Assú durante oito anos. Ele foi escolhido pela população em pesquisa realizada pela Teledata como o melhor prefeito da história do município nos últimos 30 anos.

Henrique Alves já foi solto na manhã de hoje, diz advogado

O advogado do ex-ministro Henrique Alves, Marcelo Leal, disse que seu cliente já foi solto na manhã desta sexta (13).

A defesa alegou excesso de prazo na prisão de Alves. Inicialmente, ele a cumpria em regime fechado. Mais recentemente, a Justiça Federal acolheu pedido para transferi-lo para o domiciliar.

“Quanto ao pedido de extensão ao acusado Henrique Eduardo Alves dos efeitos da decisão liminar que determinou a soltura de Cunha por excesso de prazo, considerando que há nos autos manifestação do MPF (Ministério Público Federal) pela concessão do pedido e que os fundamentos adotados pelo ministro Marco Aurélio Mello se aplicam, pelas mesmas razões, ao ora requerente, defiro-o, determinando a expedição de alvará de soltura”, escreveu o magistrado.

“Hoje acontecerá o último ato de instrução do processo com o interrogatório de Eduardo Cunha. Após a oitiva de quase uma centena de testemunhas, com todas as provas favoráveis à defesa, o processo caminha a passos largos para a absolvição de Henrique”, afirmou, em nota, o advogado do ex-ministro. Folha de São Paulo

‘Só não vamos fazer pacto com o diabo’, afirma Bolsonaro

O pré-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), durante debate em Brasília (DF) - 06/06/2018

Apesar de o presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro, manter o discurso contra “políticos tradicionais”, o diretório do partido no Pará costura uma aliança com o ex-ministro da Integração Helder Barbalho, do MDB, que concorre ao governo do Estado. Na disputa federal, o senador Jader Barbalho, pai de Helder e patriarca do grupo, manifesta apoio, pelo menos formalmente, à pré-candidatura do ex-ministro Henrique Meirelles, de seu partido, e espera uma definição do nome que o PT lançará à Presidência.

Em visita a Marabá, no sudeste do Pará, ao ser questionado sobre a aliança, Bolsonaro afirmou que não participa das conversas de aproximação entre o PSL e o MDB no Pará, que na prática representa uma aliança indireta com o clã Barbalho para formar palanques, mas que não pode evitar acordos nas sucessões estaduais. “Se o nosso foco é a cadeira presidencial, paciência”, disse o pré-candidato.

“Só não vamos fazer pacto com o diabo”, completou, numa referência a um discurso em que a presidente cassada Dilma Rousseff (PT) afirmou que podia “fazer o diabo quando é hora da eleição”. Bolsonaro, no entanto, disse que não tem “nada a ver” com a costura no Estado e lembrou que conseguiu barrar um acordo do PSL com o PCdoB no interior de Minas Gerais. Por Estadão Conteúdo

Leia mais‘Só não vamos fazer pacto com o diabo’, afirma Bolsonaro

Se depender de mim, estaremos juntos do DEM, diz Alckmin

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas em pé e terno

Agripino pode reforçar time de Robinson se o DEM fizer aliança com o PSDB

Geraldo Alckmin, 65, pré-candidato do PSDB à Presidência, diz estar “trabalhando” para compor uma aliança com DEM, partido que tem flertado com a candidatura de Ciro Gomes (PDT). “Se depender de mim, estaremos juntos”, disse o ex-governador paulista à TV Folha.

A vaga de vice também pode ficar com um nome indicado pelo Centrão. Coordenador político da campanha tucana, o ex-governador Marconi Perillo citou três opções a empresários recentemente: Aldo Rebelo (Solidariedade), Flávio Rocha (PRB) e Mendonça Filho (DEM). A definição ficará para agosto.

Uma aliança do PSDB com o DEM a nível nacional, com certeza tira o senador e candidato a deputado federal José Agripino, da chapa do candidato a governador pelo PDT Carlos Eduardo Alves para reforçar o time do governador Robinson Faria aqui no RN.

 

PP com um pé no palanque de Carlos Eduardo e outro no de Robinson

Resultado de imagem para rosalba e betinho

O PP da ex-prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini, está com um pé no palanque de Carlos Eduardo Alves (PDT) e outro no do governador Robinson Faria (PSD), com os dois grupos oferecendo a vaga de candidato a vice-governador a noiva da sucessão Estadual que até agora não assumiu nenhum compromisso, mas que deverá tomar uma definição até a próxima quarta-feira.

Segundo o jornalista do blog Pinga Fogo Alexandre Cavalcanti, a prioridade do PP é outra: uma forte coligação proporcional para permitir a reeleição do deputado federal Beto Rosado (filho de Betinho Rosado) e a eleição de Kadu Rosado (filho do casal Carlos Augusto/Rosalba), deputado estadual.

Estella Dantas deixa Secretaria para cuidar da campanha de Fábio Faria

A jornalista Estella Dantas, até então secretária extraordinária de Relações Institucionais do Governo do Estado, foi exonerada do cargo nesta quinta-feira.

Estella, que antes de assumir a função era assessora do deputado federal Fábio Faria (PSD), passa a se dedicar à campanha de reeleição do parlamentar.

A pasta fica vazia.

Como é um cargo apenas e não uma pasta, não tem substituto imediato. As informações são do blog de Thaisa Galvão.

%d blogueiros gostam disto: