fbpx

“Manifestação esdrúxula”, dizem advogados, sobre fala de Mariz em jantar para Lula

Mais de mil advogados divulgaram uma nota na qual repudiam declarações de Antônio Cláudio Mariz de Oliveira (foto), que, em jantar em homenagem a Lula no fim de 2021, teve a desfaçatez de perguntar: “O crime já aconteceu, o que adianta punir?”.

Como O Antagonista mostrou na época, em discurso no encontro organizado pelo Grupo Prerrogativas, Mariz também disse: “Que se puna, mas que não se ache que a punição irá combater a corrupção”. No mesmo evento, o advogado Alberto Toron afirmou que “Lula é o símbolo mais elevado da Justiça”.

Nesta semanaSergio Moro chamou Mariz de “líder do clube dos advogados pela impunidade”.

Na nota divulgada há pouco, o grupo de 1.143 advogados afirma que a “advocacia brasileira não glamouriza o crime, o criminoso, a injustiça, a impunidade e a corrupção”.

“A maioria dos bons advogados primam pela correção de atitudes, pela ética, pela
moralidade, respeito às leis e a Justiça. A fala de um advogado ao dizer que Lula é o símbolo mais elevado da Justiça configura-se uma afronta ao bom senso e tem como condão criar uma fantasia absurda. Tal afirmativa não se sustenta perante seus pares de profissão e nem ao crivo da crítica da sociedade que não se deixa enganar com falsa verdade”, diz trecho do texto.

Leia mais“Manifestação esdrúxula”, dizem advogados, sobre fala de Mariz em jantar para Lula

Vereador acusado no esquema fura fila do SUS na Grande Natal perde mandato

A juíza convocada Maria Neíze de Andrade Fernandes, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), determinou ao presidente da Câmara Municipal de Parnamirim, Wolney França (PSC), que declare extinto o mandato do vereador Diogo Rodrigues (PSD), denunciado pelo Ministério Público acusado de chefiar um esquema de fura fila do SUS.

A decisão liminar estabelece que a extinção do mandato deve ocorrer na volta dos trabalhos legislativos da Câmara, que está previsto para fevereiro. O vereador ainda pode recorrer da decisão.

A juíza argumentou que o mandato deve ser extinto porque Diogo Rodrigues faltou sem justificativa a 80 sessões da Câmara Municipal em 2021, o equivalente a 70% das sessões do ano passado, o que não é permitido pela legislação.

Caso Diogo Rodrigues perca o mandato, quem assume é o 1º suplente, o médico César Maia (PSD), que ficou interinamente no cargo no ano passado, enquanto Diogo estava preso e afastado da Câmara por determinação da Justiça.

O advogado Cristiano Barros, que atua na defesa de Diogo Rodrigues para assuntos eleitorais, afirmou que as faltas do vereador estão justificadas e que a juíza foi induzida ao erro. Ele disse que ainda não foi notificado da decisão e que, assim que for informado oficialmente, decidirá que medidas irá adotar.

Leia maisVereador acusado no esquema fura fila do SUS na Grande Natal perde mandato

Nelter Queiroz afirma: “Fátima mentiu para população e há indícios de roubalheiras no RN

“Fátima traiu suas origens. A governadora mentiu para a população do RN em seu discurso em defesa dos mais pobres. Além do mais, existem fortes indícios de roubalheiras em todas as licitações do governo do Estado”. Essas foram as acusações feitas pelo deputado estadual Nelter Queiroz (MDB), em relação à gestão da governadora Fátima Bezerra (PT), na condução do Rio Grande do Norte. Para o parlamentar, a gestão tem deixado a desejar em áreas prioritárias como a saúde, educação e segurança pública.

“Fátima não tem a visão de gerar emprego e renda para o povo mais simples. E as consequências disso é que o Rio Grande do Norte não avançou durante esses quatro anos de sua gestão”, afirmou. Sem dar detalhes, Nelter Queiroz acusou o governo de fraudar licitações no Estado, no que classificou como “fortes indícios de roubalheiras”.

Segundo o deputado, em entrevista exclusiva ao AGORA RN nesta quarta-feira (19), não existe a menor possibilidade dele apoiar a reeleição da governadora, mesmo com a chance cada vez mais factível da formação de aliança política partidária entre o PT e MDB no Estado, com foco nas eleições.

Questionado se baixaria o tom em relação às críticas à governadora, caso a aliança política entre o MDB e o PT se concretize no RN, como vem se encaminhando as conversas e entendimento entre os líderes de ambos os partidos, Nelter afirmou que não há, “a menor chance de ficar calado. Se for o caso de ter que deixar o partido por conta da minha posição, deixarei”. E completou: “Sugiro que as bases sejam ouvidas, aliás podemos até fazer uma prévia com votação dos filiados e diretórios para sermos mais democráticos”.

E continuou: “O PT de Fátima não fez sequer o dever de casa e nem realizou as promessas de campanha que havia prometido. Dentro do PT da governadora, uma parte dos membros é contra. Eu ainda não fui ouvido, mas muitos emedebistas e prefeitos que nós consultamos no Seridó são contra também”, destacou.

Nelter sempre foi contra a formação da aliança com o PT, pois, como afirmou em recente entrevista ao AGORA RN, considera a governadora Fátima Bezerra “fraca”, “desgastada” e “rejeitada” politicamente. “Vive correndo atrás de Garibaldi para se reeleger. Se Fátima estivesse bem, não queria nem conversar com o MDB. Ela não passa de 30% nas pesquisas de intenção de votos. O povo está revoltado com ela e quer derrotá-la”, enfatizou.

Apesar de contrariado, Nelter Queiroz disse que pretende continuar filiado ao MDB e que a preocupação neste momento é, “discutirmos a nominata e o caminho que o partido quer tomar nas eleições deste ano”, finalizou.

Fonte: AGORARN

Sem acordo com o Governo, policiais civis e servidores da Segurança pública decidem paralisar as atividades no RN

Em assembleia geral realizada na manhã desta quinta-feira, 20, os policiais civis e servidores da Segurança do RN decidiram realizar uma paralisação a partir das 8h da próxima terça-feira, dia 25.

Os policiais civis estão lutando pela não retirada do Adicional por Tempo de Serviço (ADTS) da categoria, haja vista que existe uma ação para acabar com esse direito. Caso isso aconteça, haverá redução real de salário de até 35%.

O SINPOL-RN vem negociando com o Governo do Estado para impedir essa redução de salário, no entanto, até o momento não houve avanço.

“Existem prazos e a categoria está aflita com a possibilidade real de ter seu salário reduzido repentinamente. Por isso, realizamos a assembleia geral e foi aprovado por unanimidade a paralisação. Esperamos que o Governo se sensibilize e volte a negociar conosco para encontrarmos uma saída para este problema”, afirma Edilza Faustino, presidente do SINPOL-RN.

Sobre os servidores da Segurança, a categoria espera há anos a implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração. “É um grupo pequeno de pouco mais de 50 servidores e até hoje nenhum Governo quis olhar para eles com o devido respeito. Então, é mais do que justo que essa pauta seja negociada e avance”, completa Edilza.

Fonte: Portal Grande Ponto

Bode foge enquanto era leiloado e causa correria em festa no interior do RN

Bode fugiu durante leilão no interior do RN (crédito: Johnatan Halliyson)
Um bode fugiu enquanto era leiloado durante uma festa religiosa na cidade de Governador Dix-Sept Rosado, município com cerca de 13 mil habitantes, na Região Oeste do Rio Grande do Norte. A situação inusitada provocou correria e o bode só foi capturado a quase 1 km de distância.

Um morador da cidade que filmava o leilão com uma câmera de celular conseguiu registrar o momento da fuga do animal, que aproveitou a oportunidade enquanto a população dava os lances para arrematá-lo (veja o vídeo).

O fato curioso aconteceu no sábado passado (15) e viralizou nos últimos dias nas redes sociais. O padroeiro da cidade, São Sebastião, é festejado todos os anos durante um evento que dura nove dias.

O ponto alto da festa é o leilão, onde são arrematados objetos, comida e até animais doados à igreja pelos fiéis. O leilão aconteceu no meio da rua, por trás da igreja da cidade.

A fuga

O professor Johnatan Halliyson estava acompanhando o evento e filmando com o celular. Ele registrou o momento em que o bode fugiu das mãos de um homem que auxiliava no leilão.

Leia maisBode foge enquanto era leiloado e causa correria em festa no interior do RN

Prefeitura do Assú não permite que blogs situacionistas divulguem valores de Royalties que é de R$ 2 milhões mensalmente e em 2021 totalizaram quase R$ 22 milhões

Circula nos bastidores da política em Assú, de que o prefeito Gustavo Soares e a vice Fabielle, estrategicamente, proibiram os blogs situacionistas de divulgarem os valores recebidos de royalties pelo município.

Os blogs situacionistas são alvos da opressão da oligarquia Soares, que se não seguirem a cartilha, ou seja, dançar conforme a música toca, estão fora do jogo. Com isso, os blogs deixam de anunciar à população que mensalmente a prefeitura recebe quase R$ 2 milhões e só em 2021 chegou a quase R$ 22 milhões ao ano.

A proibição pode também ter outro motivo além de não deixar a população consciente de que a prefeitura tem dinheiro, mas também é para não chamar a atenção do MP e PF sobre a aplicação correta ou não dos recursos recebidos, já que como falta transparência e a folha de pagamento dos comissionados e contratados supera a receita do município, Gustavo e Fabielle preferem o anonimato a ficar em evidência.

Os municípios devem destinar as verbas de royalties para investimentos e esses recursos não podem ser utilizados, por exemplo, para despesas com custeio e pagamento de salários de forma nenhuma, por isso, algumas cidades tem sido alvo de investigações porque a lei para utilização desses recursos de royalties é clara, e caso esteja sendo utilizada de forma errada, eles podem estar cometendo grave infração.

Vereadora Lucianny cobra mais humanização da gestão de Gustavo e Fabielle na saúde com as pessoas necessitadas e criação de Centro de Síndromes Gripais


A vereadora Lucianny Guerra participou de entrevista no Microfone Aberto na Nova 89 FM em Assú hoje, e fez um discurso cheio de cobranças mas principalmente de apelo, para que a gestão na saúde da Prefeitura do Assú comandada pelo prefeito Gustavo e a vice Fabielle, seja mais humanizada e tenha mais empatia pelo povo da cidade.

A vereadora municipal deu um relato demorado sobre os problemas que assombram a população de Assú, que já sofre com o desemprego e estão em situação de vulnerabilidade social, e agora ainda sofre com a falta de sensibilidade da gestão de Gustavo e Fabielle, porque insiste em colocar todas as pessoas com síndromes gripais dentro da UPA, o que tem gerado uma confusão gigantesca, porque quem vai na UPA com AVC está sujeito a contrair COVID, porque é tudo misturado.

E pra completar, a gestão fecha o centro de COVID no pior momento, e diante de tanta incompetência da Secretaria Municipal de Saúde, a vereadora LUcianny sugeriu criar um Centro de Enfrentamento as Síndromes gripais, que nesse período sempre tem um crescimento muito grande, além da dengue que também nesse período vem mais forte.

Todo gestor sabe que nesse período tem um crescimento das síndromes gripais, e como Gustavo e Fabielle colocam esse setor dentro da unidade da UPA? só pode ficar superlotado.

Lucianny ainda relatou também que existem Profissionais que dormem no chão, algumas camas são sustentadas por tijolos, os profissionais estão cansados e insatisfeitos e ainda tiveram seu salário reduzido em 20% estando na linha de frente. E pra completar só existe um médico atendendo na UPA.

O município precisa acordar e dar suporte necessário para população ir nas unidades básicas, com estruturas físicas, profissionais e medicamentos. E a gestão precisa repensar suas ações que não estão atendendo as necessidades da população.

“Respeite nossos profissionais da saúde que estão cansados. Peço encarecidamente que o prefeito Gustavo e a vice Fabielle revejam esse planejamento e abram um centro de enfrentamento as síndromes gripais no Ginásio Arnóbio Abreu, das 09 as 21h, através de um levantamento de horário de horário de pico nas unidades básicas e na UPA, e desafoguem essas unidades e façam um planejamento estratégico que funcione”, afirmou a vereadora Lucianny.

MEC divulga cronograma de inscrições para Sisu, Prouni e Fies

O Ministério da Educação (MEC) divulgou nesta terça-feira (18) o cronograma oficial de abertura das inscrição para o Programa Universidade Para Todos (Prouni), Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

De acordo com o órgão, as inscrições do Sisu e do Prouni serão abertas em fevereiro e as do Fies, em março. Confira:

  • Inscrições para o Sisu: 15 a 18/02
  • Inscrições para o Prouni: 22 a 25/02
  • inscrições para o Fies: 08 a 11/03

Os programas do Ministério da Educação ofertam vagas para universidades públicas e privadas ou financiamento de vagas em instituições privadas.

Em um vídeo publicado na conta do ministro da Educação, Milton Ribeiro, no Twitter, o secretário-executivo do MEC, Victor Godoy, confirmou as datas e afirmou que haverá um aumento nas ofertas de vagas universitárias em todo o país.

A entidade afirmou que 110.925 vagas serão ofertadas pelo Fies, enquanto as oportunidades oferecidas pelo Sisu e Prouni serão divulgados em breve, assim como os editais de cada programa. Os editais dos processos seletivos devem ser divulgados ainda esta semana no Diário Oficial da União (DOU).

As inscrições para cada programa é gratuita e deve ser feita pela internet, utilizando a nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Fonte: G1

RN confirma mais de 1 mil casos de Covid e 7 mortes em 24 horas

O Rio Grande do Norte voltou a superar a marca de 1 mil casos de Covid-19 em 24 horas. Novo boletim epidemiológico divulgado nesta terça-feira (18) pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) aponta que, de segunda para terça, o Estado confirmou 1.224 casos da doença.

É a 2ª vez neste mês que o RN registra mais de 1 mil casos de Covid-19 em 24 horas. A primeira foi na sexta-feira (14), quando foram confirmados 1.351 casos. Em janeiro, já são 8.443 diagnósticos positivos, muito mais do que em todo o mês de dezembro, quando foram confirmados 5.499 casos da doença nos 31 dias.

Com relação ao número de óbitos, o Estado confirmou 7 mortes por Covid nas últimas 24 horas. Desse total, 2 mortes ocorreram de fato de segunda para terça (as duas em Pau dos Ferros). As demais ocorreram em dias anteriores e foram confirmadas agora após exames.

Nos hospitais públicos, a taxa de ocupação de leitos de UTI está em 47%. São 59 pacientes com Covid-19 internados em um universo de 123 leitos habilitados.

Dados da pandemia no RN

Casos Confirmados: 395.645 (+1.224)
Óbitos Confirmados: 7.611 (+7)

Portal 98FM Natal

Ex-vice-governador confirma candidatura a deputado federal

O ex-vice-governador Antonio Jácome confirmou em entrevista à Rádio Vale do  Apodi que será candidato a deputado federal nas eleições de outubro.  Jácome já foi também vereador em Natal, deputado estadual, federal e em 2018 foi candidato ao Senado ficando em quinto lugar com 307.399 (10,57%) votos.

O ex-vice-governador (no primeiro mandato de Wilma de Faria) estava no Podemos e deve definir o partido nos próximos dias. Ele fará dobradinha com o filho, o deputado estadual Jacó Jácome (PSD).

Com informações do Blog do Barreto

Deputado do PT faz festa no mesmo dia que é publicado decreto de restrições contra Covid; Veja Vídeo

O deputado estadual Francisco do PT, causou polêmica nesta terça-feira (18) ao protagonizar uma festa de aniversário, cantando em cima da mesa, no mesmo dia em que o governo Fátima Bezerra anunciou uma série de novas exigências para eventos e visitas a bares, restaurantes e shoppings.

O vídeo foi publicado pelo Blog do jornalista Gustavo Negreiros.

Além disso, mais cedo, a própria governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou, por meio de nota, que vai cancelar a agenda prevista para os próximos dias. O objetivo da medida é avaliar e adequar as próximas reuniões, medidas e visitas aos protocolos estabelecidos pelo próprio governo.

Com informações da 96 FM

 

Parlamento Estadual supera produção legislativa e registra maior número de leis sancionadas nos últimos 20 anos

A atuação do Poder Legislativo estadual no ano de 2021 foi definida pela superação. No segundo ano de pandemia e depois da fase de adaptação às novas ferramentas, condições de trabalho, implantação dos sistemas necessários para a realização do teletrabalho e das sessões por deliberação híbrida, os 24 deputados ouviram os anseios da sociedade potiguar e traduziram-nas em leis.

O resultado é que, até o final do mês de novembro de 2021, o Poder Executivo do RN sancionou um total de 9 leis complementares e 215 leis ordinárias, todas apresentadas pelo Parlamento Potiguar. Esse é o maior número de leis sancionadas desde o ano de 2000, período no qual o Governo do Estado começou a reunir e disponibilizar na internet os documentos com os textos de todas as leis sancionadas na íntegra.

“Estes números, mais que quantidade, demonstram a capacidade produtiva da atual legislatura empenhada em promover mudanças na vida dos que mais precisam. Vale salientar que estamos enfrentando um período de pandemia, totalmente atípico para todos os setores. E, ainda assim, os deputados do Rio Grande do Norte focaram no compromisso de servir a sociedade e legislar em prol da coletividade”, destaca Ezequiel Ferreira, presidente da Assembleia Legislativa.

Covid-19 em pauta
Desse total, ecoando o principal anseio da sociedade na atualidade, mais de 20 leis contemplaram aspectos diversos relacionados à Covid-19 no Rio Grande do Norte. De normas que incluíram profissionais da educação e pessoas com deficiências e outras condições especiais como prioritários na fila de vacinação, passando pela atenção a familiares que perderam entes queridos e pela criação de uma política de sanitização de ambientes, culminando na suspensão de todos os prazos relativos aos concursos públicos em razão da pandemia do novo coronavírus.

“Essa matéria é fruto de esforço e entendimento político de vários deputados e repara uma injustiça garantindo que os concursados não sejam mais punidos pela pandemia. Muitos lidam com perdas e ainda com o luto coletivo que estamos na sociedade. O projeto garante, para essas pessoas, a esperança de ser chamado por um concurso”, destaca a deputada Isolda Dantas (PT), autora do Projeto de Lei.

Mulher
O combate à violência contra as mulheres foi o segundo tema que mais apareceu no escopo das propostas apresentadas pelos deputados da Assembleia do RN em 2021. Um exemplo é a lei, de autoria da deputada Cristiane Dantas (SDD), que implementa a “Campanha Sinal Vermelho para a Violência Doméstica” no RN, que consiste na oferta de um canal silencioso, para que mulheres vítimas de violência se identifiquem em todos os estabelecimentos comerciais do Estado. As mulheres identificadas com um “X” vermelho na palma da mão estão sinalizando uma situação de violência.

Também de autoria de Cristiane, foi aprovada a proposta que institui o Programa “Tempo de Prevenir”, que dispõe sobre a educação, reflexão, conscientização da população para a transformação social das comunidades por meio da desconstrução do machismo estrutural, apresentação da Lei Maria da Penha e construção de projetos capazes de garantir renda às mulheres em situação de risco.

Leia maisParlamento Estadual supera produção legislativa e registra maior número de leis sancionadas nos últimos 20 anos

Governo do RN não cumpre promessa, paga com atraso e agricultores ficam sem Seguro-Safra em janeiro

Os agricultores do estado que dependem do Seguro-Safra estão preocupados com o repasse do benefício. Em portaria publicada no Diário Oficial da União nesta terça-feira (18), que traz a relação dos municípios que constam na folha de pagamento de janeiro, não há nenhuma cidade do Rio Grande do Norte na lista para recebimento. No estado, mais de 27 mil trabalhadores da agricultura tem direito a esse auxílio.

A Secretaria Estadual do Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Sedraf) havia informado que o pagamento da contrapartida do RN, no valor total de R$ 2,7 milhões, seria feito até o dia 15 de dezembro de 2021, prazo final estabelecido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

De acordor com a Sedraf, o repasse aos trabalhadores irá sim, ocorrer. O órgão informou que o estado efetuou pagamento no dia 21 de dezembro. O montante é referente aos 79 municípios que compõem a Região 1, mais os 50 municípios da Região 2, e havia sido liberado pelo Estado na data-limite (15/12) determinada pelo MAPA. No entanto, a movimentação financeira foi processada no dia 21 de dezembro, quatro dias após o fechamento da folha de pagamento do seguro.

Em nota, a secretaria afirma que buscou explicações junto ao Ministério que garantiu que a ordem de pagamento da Região 1 do Rio Grande do Norte será emitida em fevereiro. Com relação à Região 2, a folha de pagamento ainda não foi processada porque a adesão ao seguro foi prorrogada até o dia 04 de fevereiro de 2022.

O governo do RN contribui com o pagamento de R$ 102 para cada um dos 27.442 agricultores que pagaram os boletos, enquanto a União repassa R$ 346 por cada agricultor aderido, totalizando R$ 850 por pessoa ou família. Por conta da falta de chuvas, o governo Bolsonaro decidiu antecipar o pagamento. O montante foi pago em uma única cota de R$ 850 para cada agricultor. Antes esse valor era pago em 05 parcelas de R$ 170.

O Garantia Safra é um seguro para as famílias rurais que tem por objetivo assegurar a segurança alimentar de agricultores familiares que residam em regiões com risco de perda de safra, por razão de estiagem ou enchentes. Têm direito a receber o benefício os agricultores com renda mensal de até um salário e meio, quando tiverem perdas de produção em seus municípios igual ou superior a 50%.

Confira nota da Sedraf na íntegra:

O Governo do Rio Grande do Norte efetuou no dia 21 de dezembro de 2021 o pagamento referente à contrapartida do Garantia Safra 2020/21. O montante pago – R$ 2.779.084,00 – é referente aos 79 municípios que compõem a Região 1,  mais os 50 municípios da Região 2, e havia sido liberado pelo Estado na data-limite (15/12) determinada pelo Ministério do Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). No entanto, a movimentação financeira foi processada no dia 21 de dezembro, quatro dias após o fechamento da folha de pagamento do seguro.

Leia maisGoverno do RN não cumpre promessa, paga com atraso e agricultores ficam sem Seguro-Safra em janeiro

GESTO DE INGRATIDÃO: Gustavo e Fabielle escondem que doação de Ambulância foi de Astênio Júnior para Paróquia de Irmã Lindalva

Ingratidão é algo que não cabe mais na política, mas em Assú isso é normal, porque o prefeito Gustavo e a vice Fabielle esconderam em suas falas e no texto nas redes sociais,  o gesto de agradecimento ao empresário Astênio Júnior, que doou uma Ambulância para a Paróquia de Irmã Lindalva, que por sua vez, doou para a Prefeitura do Assú e para a população.

O motivo de esconder a doação é que ela foi feita não apenas pelo empresário Astênio Junior, mas porque ele é primo de Tércio Tinoco, vereador em Natal que foi revelação nas últimas eleições, e que agora pretende disputar uma cadeira no legislativo estadual, ou seja, é concorrente do deputado George Soares, que sempre tenta fazer de Assú seu curral, mas por mais que ele tente, brigue e ameace, muitos candidatos são votados porque o povo reconhece o valor de cada um.

Parece coisa de novela de terror, os atos que Gustavo, George, Fabielle e seus apadrinhados fazem para tentar esconder e atrapalhar qualquer ato feito em favor do povo que não tenha sido deles.

Nos tempos difíceis em que vivemos, a união deve estar acima de qualquer interesse político, e é uma pena que uma parte do eleitorado ainda não tenha aberto os olhos para isso.

O Palácio dos Bandeirantes petista

PSD quer Alckmin candidato para governo de SP e vê chapa com Lula como  'erro' | Blog da Andréia Sadi | G1

Há duas taças nas quais Lula (foto) quer colocar as mãos: a primeira, obviamente, é a presidência da República. Se for eleito, vai propagandear — falsamente — que as urnas o absolveram, coisa que a Justiça não fez, ao contrário do que dizem os petistas (anulação de processo não é absolvição). A outra taça é bastante vistosa também e, mesmo com Lula no Palácio do Planalto, o PT jamais foi capaz de ganhá-la: o governo do estado de São Paulo. Comandar o estado mais rico do país, uma fortaleza tucana, é ótima argamassa para a reconstrução do projeto de poder do partido, para além do ineditismo da conquista.

roteiro de Lula está bem desenhado. Depois de tirar Geraldo Alckmin (foto) da disputa pelo Palácio dos Bandeirantes, ao oferecer-lhe a vaga de vice na chapa presidencial, o chefão petista quer que Guilherme Boulos, do PSOLdesista de ser candidato ao governo do estado, para compor com Fernando Haddad, que, sem Alckmin no páreo, lidera as pesquisas eleitorais. Em troca, o PT apoiaria Guilherme Boulos para prefeito de São Paulo, em 2024. Ao mesmo tempo, Lula tenta convencer Márcio França, do PSB, a desistir de concorrer ao Palácio dos Bandeirantes, para tentar o Senado. Com isso, uniria a esquerda em São Paulo, com chance até de matar a eleição no primeiro turno. A recente operação da Polícia Civil contra o socialista, aliás, veio muito a calhar para o PT — mais até do que para João Doria. Deu uma murchada na candidatura de Márcio França ao Palácio dos Bandeirantes.

O candidato de João Doria, Rodrigo Garcia, tem um grande problema para decolar, para além de ser um personagem desconhecido: a rejeição que boa parte do eleitorado nutre em relação ao atual governador. A aposta é que a candidatura de João Doria ao Palácio do Planalto afunde ainda mais Rodrigo Garcia, que não poderá esconder o seu criador durante a própria campanha. Ainda não está claro se o antipetismo em nível estadual será capaz de anular a rejeição ao atual governador.

Leia maisO Palácio dos Bandeirantes petista

Mourão diz que não há dinheiro para aumento a servidores: ‘decisão difícil’

O presidente Jair Bolsonaro, o vice-presidente Hamilton Mourão e ministros, participam de cerimônia de hasteamento da bandeira, no Palácio da Alvorada - Marcelo Camargo - 13.ago.19/Agência Brasil

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou nesta terça-feira (18) que não há espaço no Orçamento de 2022 para conceder aumento para os servidores públicos federais e que o presidente Jair Bolsonaro “ainda não bateu o martelo” se cumprirá a promessa de beneficiar ao menos os policiais com reajuste.

“É uma decisão difícil. O orçamento não tem espaço e seria necessária uma negociação envolvendo o Congresso e os próprios servidores”, disse Mourão à coluna. Bolsonaro tem até o dia 21 de janeiro para sancionar o Orçamento de 2022 que foi aprovado pelo Congresso no ano passado. Na ocasião, Bolsonaro atuou para conseguir espaço de R$ 1,7 bilhão para das aumento aos policiais.

Ao chegar ao Palácio do Planalto nesta manhã, Mourão conversou com jornalistas e se mostrou contrário a concessão de reajustes. “Sabe-se muito bem que não tem espaço no Orçamento para isso”, disse.

Leia maisMourão diz que não há dinheiro para aumento a servidores: ‘decisão difícil’

PIPOCO: Prefeitura de Ipanguaçu pretende contratar manutenção preventiva e corretiva do sistema de abastecimento de água que pode custar quase 2 milhões e meio

O prefeito de Ipanguaçu, Valderedo Bertoldo, o prefeito tem fama de gastador e é conhecido pelo MP como uma pessoa que se comporta como dono e não gestor do município, mal começou o ano e já cresceu os olhos para gastar dinheiro.

A missão do prefeito para esse mês de Janeiro de 2022 é realizar uma licitação para contratação de empresa especializada na gestão e manutenção preventiva e corretiva, de sistema de abastecimento de água para atender as necessidades do município de Ipanguaçu.

A licitação pode custar quase dois milhões e meio de reais ao bolso do contribuinte, e como diz o ditado, a pressa é inimiga da perfeição, antes do prefeito iniciar a licitação, o erro grotesco que a prefeitura comete é não inserir o anexo do termo de referência do serviço prestado na divulgação da licitação no site do Tribunal de Contas do Estado, pelo não consta disponível no site.

O prefeito parece que está correndo contra o tempo para gastar dinheiro, ninguém sabe ao certo a causa, mas o que se comenta é que o processo de cassação dele pode sair a qualquer momento e o plano dele é deixar a prefeitura endividada.

PL deve ser primeira baixa na base de Fátima e ficar independente na Assembleia

A bancada de três deputados do Partido Liberal (PL) deve se transformar na primeira baixa da base do  governo do estado na Assembleia Legislativa. O presidente estadual do PL, deputado federal João Maia, confirmou que já vem dialogando com os deputados Kleber Rodrigues, Ubaldo Fernandes e George Soares, que foi líder do governo na primeira metade do mandato de Fátima Bezerra (PT), a respeito dessa questão: “A tendência que tenho conversado com eles, é que a partir de agora, com a retomada do processo legislativo em fevereiro, o PL faça um bloco independente para ver como a gente fica e que posição nós vamos tomar nas eleições”.

João Maia disse que isso não implica em dificuldades na aprovação de matérias do governo que irão à votação na Assembleia, pois votará a favor de projetos que seja de interesse do Rio Grande do Norte, “como o PL sempre fez, não votaremos contra matérias de interesse do estado em hipótese nenhuma”.

Maia afirmou que depois da filiação do presidente Jair Bolsonaro ao PL, o que ocorreu em 30 de novembro do ano passado, “é uma realidade, portanto, incompatível apoiar o PT no Rio Grande do Norte”.

Segundo o dirigente do PL, “entendia-se o momento que isso foi feito”, mas diante da posição nacional do partido, não tinha como se manter essa aliança em nível estadual. O deputado também confirmou que a exemplo da formação de um chapão para a disputa das oito cadeiras na Câmara Federal, a mesma coisa está se fazendo com relação as 24 cadeiras de deputado estadual. “Essa discussão estava sendo conduzida pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), mas como ele contraiu Covid-19 e H3N2 de uma vez só, então estamos esperando ele se recuperar para dar continuidade a essas conversas”.

“Na verdade nós temos um deadline pra isso, até 30 de março para concluir essa conversa”, destacou João Maia que continuou: “Nós estamos discutindo essa questão muito abertamente, mas a gente está discutindo se faz uma chapa só ou se faz duas da base do governo, a questão é se saber se elegemos mais fazendo uma chapa só ou se é melhor fazer duas chapas para eleger mais”.

Leia maisPL deve ser primeira baixa na base de Fátima e ficar independente na Assembleia

MPRN recomenda anulação de contratação irregular de professores em Montanhas

Ministério Público do RN volta a suspender atendimento presencial por causa  da Covid-19 e gripe | Rio Grande do Norte | G1

Medida gerará rescisão de contratos. Caso seja necessário, Prefeitura deverá fazer seleção para contratar profissionais temporários

A Prefeitura de Montanhas deve anular imediatamente um pregão eletrônico firmado com a Coopedu para a contratação de professores e outros profissionais. A medida integra a recomendação emitida pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) para a gestão do Município, que tem se omitido quanto à realização de concurso.

O último certame ocorreu em 2008. O MPRN move no Judiciário uma ação civil pública visando obrigar a Prefeitura a deflagrar concurso.

A anulação do contrato com a cooperativa gerará a rescisão do contrato dele derivado. O Município deve enviar para o MPRN, no prazo máximo de 15 dias úteis, documentos que comprovem o cumprimento do que foi recomendado.

Caso seja necessário, o Município poderá efetuar a contratação temporária de professores e demais profissionais da área da educação para atender à situação temporária de excepcional interesse público. Para isso, no entanto, deverá realizar prévio procedimento de seleção com critérios objetivos estabelecidos.

Neste caso, o Município terá que encaminhar ao MPRN prova do atendimento dos requisitos elencados pelo Supremo Tribunal Federal (STF): previsão em lei dos casos de contratação temporária; previsão legal dos cargos; tempo determinado; necessidade temporária de interesse público; e interesse público excepcional.

Os serviços realizados por professores e diversos outros profissionais elencados no referido pregão têm caráter de serviço técnico profissional. Logo, diante da subjetividade da atividade, não haveria como o edital estabelecer padrões de desempenho, impossibilitando, portanto, a realização do pregão, em razão da inobservância de um dos seus requisitos;

De acordo com a Constituição Federal, o ensino será ministrado com base nos princípios da liberdade de ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber, no pluralismo de ideias e de concepções pedagógicas, na valorização dos profissionais da educação escolar, piso salarial profissional nacional para os profissionais da educação escolar pública, dentre outros;

Porém, o MPRN constatou que o pregão tem como objetivo aumentar a competitividade e ampliar a oportunidade dos licitantes nas licitações. No caso, por não se tratar de um serviço cujo padrão de desempenho e qualidade possam ser objetivamente definidos, por meio das especificações usuais de mercado, não existiriam inúmeras empresas capazes de prestar tal serviço para a Municipalidade.

Dessa forma, essas funções não poderiam ser desempenhadas por profissionais estranhos ao quadro de pessoal do órgão público, tendo em vista a impossibilidade de terceirização da atividade finalística, típica de Estado, e o caráter de habitualidade do serviço, ressalvada a possibilidade de contratação temporária.

O descumprimento da recomendação implicará na adoção das medidas judiciais cabíveis.

Leia a recomendação na íntegra, clicando aqui.

Indeferida liminar para anular investigações sobre fraudes na venda de equipamentos contra a Covid-19 no Recife

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins, indeferiu na última quinta-feira (13) um pedido de liminar para anular diligências autorizadas pela Justiça em relação a três pessoas investigadas por suposta participação em fraudes na venda de ventiladores pulmonares para o enfrentamento da pandemia da Covid-19 no Recife.​​​​​​​​​

O grupo foi investigado pela Operação Apneia, realizada pela Polícia Federal, com a participação da Controladoria-Geral da União (CGU) e do Ministério Público Federal (MPF), para apurar possíveis irregularidades na aquisição de ventiladores pulmonares pela Prefeitura do Recife no início da pandemia da Covid-19, ainda no primeiro semestre de 2020.

Segundo o MPF, as empresas envolvidas nas negociações possuíam débitos superiores a R$ 9 milhões com a União e teriam se utilizado de uma microempresa fantasma para firmar os contratos com o poder público – o valor total foi de R$ 11,5 milhões.

Reconhecida a incompetência da Justiça Federal em Pernambuco

A denúncia do MPF não foi recebida, diante do reconhecimento da incompetência da Justiça Federal em Pernambuco, e o caso foi remetido para a Justiça estadual (uma parte do processo seguiu para a Justiça Federal em São Paulo).

Leia maisIndeferida liminar para anular investigações sobre fraudes na venda de equipamentos contra a Covid-19 no Recife

Improbidade: ausência de prestação de contas resulta em multa a ex-secretária de Saúde de Paraú

TJRN lança concurso para 33 vagas temporárias de TI; edital prevê salários  de até R$ 5,5 mil e benefícios | Rio Grande do Norte | G1

A Vara Única da comarca de Campo Grande determinou a condenação, pela prática de ato de improbidade administrativa, de uma ex-secretária de saúde do Município Paraú, em razão da ausência de prestação de contas referentes à aplicação de recursos do Fundo Nacional de Saúde. A sanção aplicada foi o pagamento de multa civil, em favor da municipalidade, de uma vez o valor da remuneração percebida pela servidora à época do ocorrido.

Conforme consta no processo, a prestação de contas nesses casos deve ser feita pelo secretário de saúde e formalizada por meio do relatório anual de gestão, seguindo o estabelecido na Lei 8.142/1990, que dispõe sobre as transferências intergovernamentais na área de saúde. Dessa forma, a Controladoria Geral da União (CGU) apontou, por meio de expediente de fiscalização, a ausência do referido relatório relativo ao exercício de 2007, no qual “deveria ter sido demonstrada a aplicação dos recursos transferidos do Fundo Nacional de Saúde (FNS) para o Fundo Municipal de Saúde (FMS)”.

Ao analisar o processo, o magistrado integrante do Grupo do TJRN de Apoio às Metas do CNJ salientou que, em resposta à solicitação de fiscalização, a servidora demandada informou apenas que o relatório de gestão do exercício de 2007, “encontrava-se em fase de elaboração”. Todavia, esta não juntou aos autos “qualquer documento capaz de demonstrar que teria havido sua posterior conclusão”, de modo que não ficou comprovado o cumprimento da mencionada obrigação legal.

O julgador acrescentou que “a justificativa apresentada pela demandada somente confirma a inexistência do relatório de gestão”. A seguir, frisou que, em razão de tal fato, a demandada, “na condição de gestora municipal do SUS, deixou de prestar contas quando estava obrigada” e, por fim, concluiu que essa conduta configura “ato de improbidade que atenta contra os princípios da administração pública”, sendo cabível a multa civil aplicada no dispositivo da sentença.

Futuro líder dos evangélicos admite que pandemia e economia enfraqueceram Bolsonaro

Deputado da bancada evangélica avisa por WhatsApp que deixará o DEM após  citar novo comitê de diversidade do partido | Sonar - A Escuta das Redes -  O Globo

Para o deputado Sóstenes Cavalcante, do DEM do Rio de Janeiro, ligado ao pastor Silas MalafaiaJair Bolsonaro ainda tem o apoio da maioria dos evangélicos para tentar a reeleição em outubro.

O deputado, que no mês que vem deverá assumir a liderança da bancada evangélica no Congresso, admitiu que o presidente perdeu apoio em razão da pandemia e da situação econômica do país, mas avaliou que “o cenário de hoje” nessa fatia do eleitorado ainda é muito positivo para Bolsonaro.

“Hoje, no cenário de hoje, continuo avaliando que o Bolsonaro, pelo meu sentimento e pelas minhas conversas pelo país, tem em torno de 70% dos evangélicos. Ele já teve uns 90%, mas hoje tem em torno de 70% dos evangélicos”, disse.

Segundo o Datafolha divulgado no fim de 2021, Lula tem 46% de intenções de voto entre os evangélicos, numericamente à frente de Bolsonaro, que apareceu com 44%. Por esses números, haveria empate técnico.

Cavalcante acrescentou que “não existe candidatura unânime, que leve todo o segmento dos evangélicos” — recentemente, o próprio Malafia disse que Lula, claro, tem voto no mundo evangélicoO deputado afirmou que, entre os não bolsonaristas, Sergio Moro se destaca.

“A segunda opção dos evangélicos, eu diria, é o Moro, com cerca de 20%”, disse ele, de novo, com base em “sentimento”.

Leia maisFuturo líder dos evangélicos admite que pandemia e economia enfraqueceram Bolsonaro

Em Mossoró, Ministro das Comunicações, Fábio Faria, anuncia liberação de recursos para o município

O Ministro das Comunicações, Fábio Faria, cumpriu agenda em Mossoró, região Oeste do Rio Grande do Norte, com o prefeito do município Allyson Bezerra, nesta segunda-feira (17). O evento contou com a presença do presidente da CMM, Lawrence Amorim, vereadores e secretários municipais.

Em entrevista coletiva no Palácio da Resistência, sede do executivo mossoroense, Fábio Faria anunciou a liberação de recursos nas áreas de educação, saúde, assistência social e perfuração de poços.

A ordem de serviço dos recursos para saúde foi assinada na sexta-feira (14). A verba liberada já está disponível e garante a construção da Policlínica no Grande Alto de São Manoel, construção de 4 Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e de 2 unidades de acolhimento (adulto e infantojuvenil), 2 ambulâncias ALFA para o SAMU, além de custeio e equipamentos de saúde e atenção especializada, recursos do FNDE, Assistência Social e perfuração e instalação de poços, além de apoio a Projetos de Desenvolvimento Sustentável Local Integrado.

“A parceria com o prefeito Allyson tem trazido resultados muito importantes. Hoje anunciamos recursos de emendas parlamentares, reforçamos as realizações que vem sendo feitas pelo Ministério das Comunicações e o meu intuito é continuar trabalhando pelo município e pela população de Mossoró”, destacou Fábio Faria.

Os benefícios se somam aos investimentos realizados pelo Ministério das Comunicações que trouxeram conectividade para zona rural do município, computadores para escolas e chips que levarão internet para famílias mossoroenses.

“Quando eu assumi, disseram que eu não teria força em Brasília. O apoio do Ministro Fábio Faria tem sido fundamental para Mossoró. Esses são recursos novos, agora a responsabilidade é com o município em dar andamento às obras”, destacou o prefeito Allyson Bezerra.

Blog do BG

Governo do RN avalia cobrar passaporte de vacina para entrar em bares e restaurantes

O Governo do Rio Grande do Norte realizou, na manhã desta segunda-feira (17), reunião on-line com representantes das entidades empresariais e empreendedores do segmento de eventos para discutir as recomendações do Comitê de Especialistas da Sesap RN para o enfrentamento da pandemia da Covid-19 e do surto de Influenza.

O encontro foi solicitado pela Fecomércio RN, a partir das recomendações do Comitê Científico divulgadas no dia 13 de janeiro, em resposta ao aumento de casos das doenças no estado. A entidade empresarial se mostrou preocupada com eventuais impactos negativos, particularmente no setor de eventos.

A reunião foi conduzida pelo secretário-chefe do Gabinete Civil do Governo do Estado do RN, Raimundo Alves Júnior. Ele destacou que o Governo tem a intenção de reforçar a exigência do passaporte vacinal nos eventos sociais e, também, em bares e restaurantes.

“O passaporte da vacinação é uma medida já implementada, mas é fundamental que haja reforço em todos os estabelecimentos. Para eventos de grande porte, analisamos recomendar aos municípios a proibição dos eventos de rua, em virtude da dificuldade desse controle”, informou o secretário.

O presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, destacou a importância da manutenção do diálogo com a classe produtiva.

“É preciso chegarmos a um entendimento de medidas que possam conter os avanços dessas doenças, mas que mantenham as atividades produtivas, que já foram tão impactadas desde o início da pandemia. Os empreendedores, em sua maioria, têm seguido os protocolos e estão empenhados no cumprimento das regras”, afirmou.

Leia maisGoverno do RN avalia cobrar passaporte de vacina para entrar em bares e restaurantes

Fábio Faria defende oposição unida para escolha do candidato ao governo

Sem quarentena, visita de Fábio Faria à China mostra força da Huawei |  Marcelo Ninio - O Globo
O ministro das Comunicações, Fábio Faria, afirma que tem, neste fim de semana e na segunda-feira, uma série de conversas com lideranças da oposição ou que podem aderir a uma articulação contrária à reeleição da governadora Fátima Bezerra. Nos diálogos, pretende fazer uma convocação para a unidade em busca de um nome que agregue e unifique quem estiver disposto a integrar essa aliança política. “Estou fazendo uma convocação das oposições a Fátima Bezerra no Estado para que a gente saia com um nome.
Neste fim de semana, vou ter várias conversas, e na segunda-feira também, para que a gente possa buscar um nome”, disse o ministro. Ele está convicto de que, com essa unidade, a oposição terá possibilidade de sair vitoriosa na campanha eleitoral.
Fábio Faria é enfático nas críticas à governadora: “Deixou as crianças um ano e meio sem estudar. Ela é professora. O Hospital Walfredo Gurgel é um caos. Todo dia há assassinatos, mortes, explosão de farmácias. Vejo que o governo fechou as portas para o Brasil todo. Não vejo ninguém conversando com o Rio Grande do Norte”, diz.
Nesta entrevista, o ministro também faz projeções sobre a implementação do 5G e aponta as perspectivas eleitorais, na avaliação dele, do presidente da República.

Leia maisFábio Faria defende oposição unida para escolha do candidato ao governo

Operação Lei Seca autua 52 motoristas por embriaguez ao volante em praias do RN

Polícia Militar montou blitz em Barra do Rio, no litoral Norte, Pirangi e Cotovelo, no litoral Sul. - Foto: Cedida/PM

A Operação Lei Seca autuou 52 condutores por embriaguez ao volante entre a noite de sábado (15) e a madrugada deste domingo (16). A Polícia Militar realizou blitz em três localidades em que haviam festas: Barra do Rio, no litoral Norte, e Pirangi e Cotovelo, no litoral Sul.

Também houve operação ao longo do dia na praia de Pipa, em Tibau do Sul.

Segundo a PM, 1.616 condutores foram abordados nas ações de fiscalização, sendo 52 notificados por alcoolemia e outros 45 autos por infrações diversas, totalizando 97 autos de infração de trânsito. Não houve prisões.

Os condutores autuados por alcoolemia serão penalizados com multa no valor de R$ 2.934,70 e a suspensão do direito de dirigir por 12 meses.

Fonte: g1

Ex-senador e ex-ministro acredita que hoje o RN é estado mais atrasado do país

Em entrevista para a Tribuna do Norte deste domingo (16), o ex-ministro e ex-senador do RN, Fernando Bezerra, criticou os últimos governadores do RN. Para ele, o Rio Grande do Norte é o Estado mais atrasado do Brasil.

“Lembro quando era jovem, falava-se que o Estado mais atrasado do Brasil era o Piauí. Tenho a impressão de que hoje é o Rio Grande do Norte. Comparado com a Paraíba, estávamos à frente. Hoje, não”, disse.

Para Bezerra, o motivo de o RN ter ficado para trás é que a preocupação do Governo é apenas conseguir dinheiro para pagar folha de pessoal.

“Fico triste e decepcionado quando vejo que a meta do governo é [apenas] pagar a folha de pessoal. Os últimos governadores do Rio Grande do Norte se transformaram em encarregados de pessoal, que buscam [meramente] arranjar dinheiro para pagar a folha. Precisamos de uma reforma urgente. Os últimos governos, talvez os quatro últimos, foram muito mais voltados para a questão política pessoal, de reeleição. E deixaram o Estado em uma situação crítica”.

Fonte: Portal Grande Ponto

Baraúna: MPF obtém condenação de grupo envolvido em esquema de desvio de recursos da educação

Ex-prefeita, ex-secretário e empresários montaram licitação para beneficiar empresa que foi paga sem entregar uma única farda

O Ministério Público Federal (MPF) obteve a condenação da ex-prefeita de Barauna, Antônia Luciana da Costa Oliveira; do ex-secretário de Finanças, Adjano Bezerra da Costa; e dos empresários Carlos André Mourão e Alef Douglas Arrais de Lima. Eles receberam uma pena de nove anos e seis meses de reclusão, além de multa, pela prática do crime de desvio de recursos públicos (artigo 1º, inciso I, do Decreto-lei nº 201/1967).

Os quatro participaram do esquema que se originou quando Luciana Oliveira assumiu a prefeitura (após a cassação do prefeito anterior), no início de 2014. Ela decretou então Estado de Emergência no Município, sob a alegação de instabilidade financeira e administrativa. A partir daí promoveu uma série de licitações e dispensas de licitação irregulares, dentre as quais a que resultou no pagamento de R$ 174 mil à empresa Nordeste Distribuidora Comércio Ltda, dos sócios Carlos André e Alef Douglas.

O objetivo era a compra de fardamento para os alunos e apareceram outras duas empresas “interessadas”, que enviaram orçamentos, no entanto se tratavam de firmas de fachada usadas tão somente para dar ares de legalidade ao processo. A intenção da gestora e do então secretário de Finanças sempre foi de repassar os recursos diretamente à Nordeste, que embora existisse de fato, não possuía sequer local e equipamentos necessários para a confecção dos uniformes. Ainda assim recebeu os R$ 174 mil em julho de 2014, sem nunca ter entregue uma única peça de roupa.

O secretário Adjano Bezerra acabou por comprar, pessoalmente, os fardamentos em uma empresa pernambucana, por R$ 44 mil, praticamente quatro vezes menos que o valor pago à Nordeste. O superfaturamento também foi comprovado quando a Controladoria Geral da União (CGU) demonstrou que, mesmo um ano depois, teria sido possível adquirir no comércio local as vestimentas por preços aproximadamente 20% abaixo do pago à empresa de Carlos e Alef Douglas.

Urgência – A ação do MPF, de autoria do procurador da República Aécio Tarouco, questionou o próprio argumento utilizado pela prefeitura para a dispensa de licitação. A compra de fardamento escolar, sobretudo em um valor alto para o Município – estimado então em R$ 210 mil –, não representava urgência que justificasse a dispensa da licitação. “Os fardamentos adquiridos não são gêneros de primeira necessidade, tal como aquisição de água e perecíveis, por ocasião de uma seca ou enchente”, concordou o juiz federal Orlan Donato, autor da sentença.

Leia maisBaraúna: MPF obtém condenação de grupo envolvido em esquema de desvio de recursos da educação

ASSÚ: Lula Soares inicia caminhada política com a “benção” de George, Do prefeito Gustavo e Ronaldo

Como o Blog do VT já havia noticiado, o dentista Lula Soares, filho do ex prefeito Lourinaldo finalmente conseguiu a aprovação que queria dentro do grupo político que ele integra, e iniciou quase que “oficialmente” hoje sua caminhada política, com a benção do clã, composto pelos primos, o deputado George Soares e seu irmão, o prefeito Gustavo Soares, além do tio Ronaldo.

A cavalgada de Irmã Lindalva foi escolhida como o melhor momento pela oligarquia Soares, para George e Gustavo desfilarem com o primo Lula, e assim, enviarem o recado mais claramente para quem ainda não entendeu, que ele é sim o nome escolhido como provável sucessor, seja nas eleições complementares se confirmada a cassação de Gustavo e Fabielle pela justiça, ou nas eleições normais em 2024.

O evento ainda contou com a presença de vereadores e secretários que fizeram questão de bater foto como prova de apoio a decisão tomada.

UPA de Assú é literalmente invadida pela chuva e desmascara gestão meia tigela de Gustavo e Fabielle

Só se conhece realmente a estrutura de um prédio quando ele é posto à prova, e foi o que aconteceu em Assú neste sábado. Uma forte chuva caiu na cidade e literalmente inundou a UPA, desmascarando assim a gestão do prefeito Gustavo e da vice Fabielle.

A estrutura da UPA parece até que foi feita de açúcar, e com as fortes chuvas, quase que fica totalmente inundada, a água descia pelo teto e luminárias, lembrando até uma cachoeira e pelos vídeos que chegaram até o Blog do VT, deve ter se perdido com essa chuva equipamentos, medicamentos, além de ter dificultado a vida de pacientes e funcionários que estavam no local no dia de ontem.

A gestão meia tigela de Gustavo e Fabielle não previram que uma estrutura entregue sem a devida fiscalização poderia resultar nisso?

Como eles entregam a população uma UPA que é quase inundada pela água e colocando em risco a vida das pessoas e dos profissionais? E a manutenção no teto que previne justamente a água de descer pelas luminárias ou outros locais não foi feita?

A estrutura elétrica poderia ter causado estragos como choques e os equipamentos que dependem de energia também.

Agora, a população vai ter que conviver com os prejuízos causados pela negligência da gestão do prefeito Gustavo e da vice Fabielle.

NOTÍCIA QUENTINHA: Álvaro Dias e Carlos Eduardo podem ser os nomes para Governo e Senado no RN

O furo de reportagem que chegou até o Blog do VT, dá conta que nas praias do litoral da capital, estão sendo costuradas a chapa que será lançada em breve, e a conversa gira em torno da chapa que terá o prefeito Álvaro Dias e o ex prefeito Carlos Eduardo como atores principais pro Governo e Senado nas eleições desse ano no RN.

A conversa está reunindo lideranças e simpatizantes, e depois de analisadas com informações de pesquisa, é que o martelo será batido sobre quem encabeçará a chapa pro governo e pro senado. Mas uma coisa é certa, qualquer que seja a decisão, os dois tem mais bagagem na disputa contra Fátima e mais ainda, contra o sem graça e quase anônimo senador petista Jean Paul.

Essa via que se consolida cada vez, está prestes a anunciar e causar uma reviravolta na política potiguar, e dará muita dor de cabeça pro governo petista e seus apoiadores.

Forçar político “duas caras” a se revelar é missão do Blog do VT além de mostrar a enganação que existe nas redes sociais

Quando uma vice prefeita de Assú ou qualquer outro político esconde propositadamente algo que vive em sua vida pessoal, como festinhas em praia no FDS, é porque nenhum deles acreditam que estão fazendo algo certo.

A partir do momento que isso vem à tona, e provoca esse político depois de 3 dias a postar em suas redes sociais algo que escondeu é sinal de que o Blog do VT está cumprindo sua missão, de forçar políticos “duas caras” a se revelar pro povo.

Desde que o mundo é mundo, a política está presente em tudo o que fazemos, e a confiança é algo que o político adquire ou perde, no caso de político conhecido por ser “duas caras”, o que mais se consegue gerar ao longo dos dias e meses é mais desconfiança.

Depois da COVID, os maus políticos preferem esconder suas vidas pessoais com medo das críticas e principalmente, por terem consciência de que em partes o que estão fazendo é errado e por isso escondem mesmo, e diante dos novos surtos que estão acometendo todo o mundo com a H3N2 e a Omicron, aglomerar sem máscara é errado para qualquer pessoa, imagine para quem é político.

Os dias tem sido difíceis sim, mas quem quer descansar e relaxar pode aproveitar só em seu núcleo familiar, até porque COVID e Gripe se forem contraídas no FDS, vai demorar uns dias para se manifestar ou não, caso a pessoa seja assintomática.

A vida pessoal e política se misturam sim, e principalmente quando a imagem pública postada nas redes sociais não coincide com o que a pessoa é na vida real, estamos diante de uma enganação não apenas social, mas política também.

Viver o que se prega é fundamental! Pois como diz o ditado, de boas intenções o “inferno” tá cheio.

E qual o sentido em mentir pro povo e esconder um fato do povo se era algo que a vice do Assú considera normal, depois é claro de ter sido revelado pelo Blog? Muitos prefeitos e deputados postam em suas redes, eventos familiares em meio a pandemia, e em alguns momentos há criticas e em outros não, mas eles não escondem, mostram quem são o tempo todo, pessoas públicas que não mentem pro povo, diferente do que acontece em Assú.

O Blog do VT vai continuar de olho, atento a tudo que se vive e que não condiz com o que se prega e posta!

Com nova explosão de covid, estados reabrem leitos às pressas pelo país

Hospital Leonardo da Vinci, em Fortaleza, ganha novos leitos - Governo do Ceará

crescimento explosivo de casos de covid-19 no Brasil nos últimos dias levou gestores de todo o país a correrem para reabrir leitos de enfermaria e UTI (unidade de terapia intensiva) para dar conta de atender os pacientes que buscam socorro nas unidades de saúde.

UOL pesquisou e viu que estados e prefeituras se mobilizaram e anunciaram expansão da rede hospitalar, com pelo menos mais cerca de 2.000 leitos. A alta vem após eles serem pressionados pelos recordes de atendimento a pacientes e internações com sintomas gripais —além da covid-19, muitos locais enfrentam epidemia de Influenza.

Estado com maior ocupação hospitalar segundo dados da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), Pernambuco chegou a enfrentar novamente fila de espera por um leito de UTI. Em menos de 20 dias, o estado colocou mais 480 leitos exclusivos para casos de SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave), sendo 213 deles de UTI.

Mesmo com mais leitos, o boletim de sexta-feira apontava para 85% de ocupação das vagas de UTI e 76% de enfermaria. Na rede privada, 64% dos leitos de UTI também já estão ocupados.

Ainda no Nordeste, onde mais de 80% da população depende de serviços públicos de saúde, outros estados também se mobilizaram e ampliaram leitos.

Leia maisCom nova explosão de covid, estados reabrem leitos às pressas pelo país

CARNAUBAIS: Faltam medicamentos no Hospital Maternidade Santa Luzia e paciente teve que comprar

 

O hospital maternidade Santa Luzia em Carnaubais entrou na agenda do esquecimento e tem sido alvo da irresponsabilidade e negligência da prefeita do município, Marineide Diniz.

Um paciente que foi picado por um escorpião, teve que ir ao hospital para ser medicado, pois a dor estava bem intensa. Segundo o relato de paciente, o hospital não tinha o medicamento paracetamol, pois era alérgico a outros medicamentos. A enfermeira do hospital que o chamou pelo nome, pediu que ele comprasse na farmácia, já que eles não tinham o medicamento.

O paciente publicou o relato em suas redes sociais e indignado, questionou, “uma coisa tão simples que custa menos de dez reais não ter no hospital? eu achei um absurdo, eu sei que a profissional que me atendeu não tem culpa mas que é uma #LÁSTIMA e uma falta de respeito com o cidadão. Carnaubais nadando em #DINHEIRO e o hospital não ter 40 gotas de PARACETAMOL para dá a um paciente… como diz Boris Casoy.. isso é uma #VERGONHA!!”

De fato, Carnaubais hoje está recebendo excelentes repasses, mas a prefeita Marineide prefere privilegiar os seus, as suas mordomias para manter uma vida boa para ela, família e agregados políticos, e a população é que sofre, pois ficam esquecidos na gestão Diniz em Carnaubais.

Governadores decidem acabar com congelamento de ICMS, e litro da gasolina pode subir R$ 0,10 no RN

Os governos estaduais decidiram, por maioria, acabar com o congelamento do ICMS sobre combustíveis a partir de fevereiro. A decisão foi definida no Comitê Nacional dos Secretários Estaduais de Fazenda (Comsefaz).

Com o descongelamento, o Governo do Rio Grande do Norte voltará a cobrar 29% de ICMS sobre o valor médio da gasolina na bomba apurado a cada 15 dias. Hoje, com o preço médio em R$ 6,95, o Estado passaria a recolher R$ 2,02 de ICMS por litro. Atualmente, o valor do imposto está congelado em R$ 1,92. Ou seja, na prática, com a cobrança majorada, o combustível deve ter alta de R$ 0,10 por litro.

Em novembro, os estados decidiram suspender o reajuste do ICMS pela variação dos preços de gasolina e diesel na quinzena anterior. O congelamento, no entanto, foi definido só até o fim de janeiro – e não será renovado.

O congelamento do ICMS sobre combustíveis foi decidido pelos governadores no fim de outubro de 2021 para tentar frear a escalada de preços e dar um prazo adicional para que União, Petrobras, Congresso e governadores definissem uma medida definitiva.

“Fizemos a nossa parte: congelamento do preço de referência para ICMS. Mas não valorizaram este gesto concreto, não respeitaram o povo. A resposta foi aumento, aumento, mais aumento nos preços dos combustíveis”, disse ao blog o governador do Piauí, Wellington Dias (PT).

A Petrobras reajustou o preço dos combustíveis nas refinarias nesta quarta-feira (12), o primeiro aumento em 77 dias. A alta foi de 4,85% para a gasolina e de 8,08% para o diesel.

Portal 98FM Natal

Chefe do Gabinete Civil do Governo Fátima desautoriza líder do PT na Assembleia: “Infeliz”

O chefe do Gabinete Civil do governo do Estado, Raimundo Alves, desautoriza a deputada estadual Isolda Dantas e afirma: “A governadora não faz coligação chiclete, que mastiga e joga fora. Não é essa a intenção. As conversas com o MDB são bastante produtivas.”  A afirmação do chefe do Gabinete Civil, que tem sido o interlocutor do PT nas conversas com possíveis aliados da governadora para as eleições deste ano foi uma reação às declarações de Isolda que disse que iria engolir uma coligação com o MDB para depois cuspir.

Confira trechos da entrevista concedida pelo secretário a Tribuna do Norte neste sábado (15).

Qual a sua opinião sobre as declarações da deputada Isolda Dantas (PT) na qual ela criticou uma possível aliança entre PT e MDB, dizendo que podia até “engolir para “cuspir amanhã”?

Primeiro, vejo com muita preocupação esse tipo de declaração. Foi uma declaração infeliz. Politicamente, as pessoas têm o direito de se posicionarem contrário a essa ou aquela aliança dentro do partido. Agora, a declaração foi extremamente infeliz. Quem conhece a governadora Fátima Bezerra (PT) sabe que ela não faz aquela coligação chiclete, que mastiga, mastiga e joga fora, não. Não é essa a intenção. As conversas com o MDB são bastante produtivas. Eu mesmo tenho me reunido com o presidente estadual do MDB, deputado federal Walter Alves. E a nossa intenção é colocar essa roda para girar agora neste início de ano. Na verdade, isso começou com a vinda do presidente Lula no início de setembro de 2022 e vamos dar continuidade.

Essa não foi a primeira declaração enfática de alguns membros, dirigentes e parlamentares do PT contra essa possibilidade de aliança. Isso não cria um ambiente que dificulta o diálogo que a própria governadora admite ter no Rio Grande do Norte?

Evidentemente que dificulta. Não é nada salutar discutir com aliados e integrantes do próprio partido dar esse tipo de declaração. Agora, a liderança desse processo é da principal candidata [a governadora Fátima Bezerra]. E a posição dela é totalmente contrária a esse tipo de declaração. As orientações dadas pelo ex-presidente Lula e pela presidente nacional do partido, Gleise Hoffmann, são que a prioridade no Estado é a reeleição de Fátima. Isso significa não só a reeleição de Fátima, significa a continuidade de um projeto que tem sido colocado em funcionamento nos últimos três anos. Então, esse é o projeto, dar continuidade a isso e esse tipo de declaração, evidentemente, dificulta. Gostaríamos muito que não tivesse acontecido isso. Mas quem acompanha sempre a construção dentro do PT sabe que tem uma tradição de bastante discussão interna nas posições políticas. Fazemos a discussão interna até a exaustão e quando toma-se uma decisão, o PT tem unidade. É com isso que a gente conta, embora, nos próximos dias, a gente vai tentar conversar com as demais forças para que esse tipo de declaração, pelo menos ostensiva, dessa forma, não aconteça. É preciso ter um pouco mais de cuidado com as palavras.

Fonte: Tribuna do Norte

Concurso do Itep: acordo entre MP e governo do RN garante correção de mais provas discursivas

Concurso do Itep-RN: acordo garante correção de mais provas discursivas — Foto: Divulgação

O concurso público do Instituto Técnico-Científico de Perícia do Estado (Itep-RN) terá a correção de um número maior de provas discursivas. A retificação do edital, divulgada nesta sexta-feira (14), aconteceu graças a um termo de ajustamento de conduta (TAC) celebrado pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) com o governo do estado e o Instituto AOCP, responsável pela condução do certame.

Confira o TAC na íntegra.

A alteração no edital viabiliza a correção de mais provas discursivas, além daquelas previstas na tabela 12.1 do edital, nos casos em que houver menos candidatos aprovados do que as vagas oferecidas. Tudo isso observando-se a ordem de classificação da prova objetiva, de modo que seja obtida a equivalência entre o número de candidatos aprovados e as vagas ofertadas.

Por parte do Instituto AOCP, as correções adicionais não se refletirão na cobrança de custo extra.

Com isso, a expectativa é que o andamento do concurso, que estava suspenso pelo prazo de 60 dias, seja retomado, passando, em breve, para a fase da avaliação psicológica.

Três anos depois, MG desativa só 5 de 54 barragens semelhantes a Brumadinho

Processos e acordos marcam 30 meses do desastre da barragem de Mariana |  Desastre Ambiental em Mariana | G1

A pouco mais de um mês do fim do prazo estipulado pela legislação ambiental de Minas Gerais, foram desativadas apenas cinco das 54 barragens com estruturas semelhantes às que romperam nos dois maiores desastres causados pela mineração, em Brumadinho, em 2019, e em Mariana, em 2015.

Em 25 de fevereiro de 2019, um mês após o rompimento da barragem do Córrego do Feijão, em Brumadinho, foi aprovada em Minas a lei conhecida como “Mar de Lama Nunca Mais”. A legislação instituiu um prazo de três anos para que todas as barragens a montante em Minas fossem desativadas por meio de um processo chamado de descomissionamento. O prazo para que isso ocorra acaba em 25 de fevereiro deste ano.

Até o momento, apenas cinco das 54 barragens mapeadas em 2019 foram descomissionadas, segundo a Secretaria de Meio Ambiente de Minas Gerais. A pasta admite que as mineradoras responsáveis por 42 delas já afirmaram que não irão cumprir o prazo.

Faltando pouco mais de 40 dias para o fim do prazo, o governo de Minas Gerais ainda não sabe o que irá fazer para punir as mineradoras que não cumpriram a lei.

Leia maisTrês anos depois, MG desativa só 5 de 54 barragens semelhantes a Brumadinho

Paulinho do Acredito sai em luta dos agricultores em Carnaubais e faz apelo a prefeita Marineide, veja vídeo

O caos generalizou de vez na cidade de Carnaubais, e agora, foi a vez de Paulinho do Acredito sair em defesa dos agricultores do Vale, e principalmente os que estão sendo massacrados pela prefeita Marineide.

Em seu perfil que tem mais de 12 mil seguidores, Paulinho destaca que recebeu várias ligações de agricultores que estão sofrendo com essa falta de diálogo e sensibilidade da prefeita Marineide, e destacou duas perguntas importantes, Porque negar o corte de terra aos agricultores e Porque cobrar o óleo para abastecer o trator se tem tanto dinheiro público!?

Com esses dois questionamentos, a prefeita Marineide deve está sem chão diante de tanta incompetência e maldade de sua gestão para com pessoas humildes, que tem uma história de militância de terra e que dela vivem, ou seja, vivem apenas do seu trabalho e estão sendo tratados dessa forma, sem nenhum respeito.

Infelizmente, se a Prefeitura de Carnaubais por picuinhas, não consegue ajudar os agricultores, resta a sociedade civil se manifestar e cobrar, quem sabe assim, o MP e outros órgãos possam se manifestar e garantir que os agricultores sejam tratados de forma mais justa e humana.

Lula quer voltar à Presidência para “aparelhar o Estado e assaltar a Petrobras”, afirma Rogério Marinho

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho (PL), disparou críticas, nesta quinta-feira (13), ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pré-candidato do PT à Presidência em 2022. Para Rogério, recentes declarações do petista mostram que ele “não mudou nada”.

“Lula não mudou nada. Não tem nada de ‘Lulinha paz e amor’. É o mesmo que quer aparelhar o Estado brasileiro, assaltar a Petrobras, assaltar as estatais, voltar o processo do aparelhamento pelos partidos políticos que gerou a corrupção nos fundos de pensão. Lula é a mesma pessoa”, destacou Rogério Marinho em entrevista à 98 FM.

O ministro falou do ex-presidente para criticar a proposta de Lula de revogar trechos da reforma trabalhista de 2017, que passou no Congresso com a relatoria de Rogério Marinho, que à época era deputado federal pelo PSDB do RN. Para Rogério, a reforma trabalhista “modernizou” relações de trabalho no País.

Na avaliação do ministro, Lula faz críticas às mudanças “por desconhecimento”. “Ele lê pouco e é mal assessorado”.

Fonte: Portal da 98FM

MPF obtém condenação de médico perito por fraudar o INSS

MPF apura supostas doações laranjas a candidatos do PSL em MT | Mato Grosso  | G1
Recurso já foi apresentado buscando ampliar a pena de Antônio Carlos Barbosa, que registrou informações falsas no sistema do instituto
O Ministério Público Federal (MPF) obteve a condenação do médico perito do INSS Antônio Carlos Barbosa por fraudar informações com objetivo de conceder benefícios irregulares. Ele foi condenado pelo chamado estelionato majorado (artigo 171, § 3º, do Código Penal) a sete anos, três meses e três dias de reclusão, à perda do cargo público, além do pagamento de multa. O MPF, porém, já recorreu buscando aumentar a pena através de sua condenação pelo chamado peculato eletrônico (313-A do Código Penal).
Em outubro de 2008, na cidade de Santo Antônio, interior do RN, Antônio Carlos inseriu no banco de dados do INSS a informação falsa de que Maria José Honório seria portadora de colite ulcerativa, para ela ter acesso ilegalmente ao Amparo Social de Pessoa Portadora de Deficiência. O perito forneceu ainda um atestado falso declarando que Maria Josilene Honório de Goes (filha de Maria José) seria portadora de transtornos comportamentais e doença cardiocirculatória e incluiu esses dados no sistema, garantindo a ela – irregularmente – o direito ao benefício de prestação continuada da Lei Orgânica da Assistência Social (Loas).

Leia maisMPF obtém condenação de médico perito por fraudar o INSS

Ex vereador Wedson emplaca seu nome na secretaria e ainda nomeia filha como Diretora na Saúde para fortalecer bases visando eleições de 2024

A Prefeitura do Assú sob o desgoverno de Gustavo e Fabielle anda praticando atos que mesmo sendo legais são imorais, como é o caso da nomeação da filha do ex vereador Wedson Nazareno para Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca.

A nomeação da filha do ex-vereador Wedson que se chama ARIELLY VITHORIA ALMEIDA DA SILVA foi para exercer o cargo de Diretora Executiva com lotação na Secretaria Municipal de Saúde.

O que se comenta entre os vereadores situacionistas é muita insatisfação, já que Wedson que se elegeu a primeira vez atuando na saúde, conseguiu emplacar agora a sua filha na mesma área, com acesso direto ao povo com uma eleição na porta que é em 2024.

Todo mundo sabe que o trabalho de formiguinha dentro da Secretaria de Saúde garantiu a eleição de muitos vereadores, e já que Wedson sofreu uma derrota grande em 2020, tratou logo de garantir a filha na Secretaria para fortalecer as bases visando vaga na Câmara em 2024 custe o que custar.

Lei de Ezequiel é sancionada e Moinho de Vento de Macau vira Patrimônio Histórico do RN

Agora é Lei. O Moinho de Vento de Macau é Patrimônio Imaterial, Histórico, Cultural, Paisagístico e Turístico do Rio Grande do Norte. O Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (13) trouxe a sanção da governadora Fátima Bezerra (PT) ao projeto aprovado por unanimidade pela Assembleia Legislativa e de autoria do presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB).

“O Moinho de Vento é uma tradição de Macau, uma estrutura que embeleza a entrada da cidade e encanta a todos que a visitam. Faz parte da história do município. Este projeto faz justiça com a região, fortalece o turismo e preserva ainda mais a cultura do nosso Estado”, disse o deputado Ezequiel Ferreira.

Na justificativa do projeto, Ezequiel explicou um pouco da história que cerca o Moinho de Vento. “Após a mecanização das salinas no final dos anos sessenta os moinhos perderam sua utilidade e foram substituídos pelas bombas elétricas. Sob a ação do sol, do vento e da maresia foram se desmanchando ao longo do tempo. Restou o do aterro que chegou a ser totalmente reconstruído pela salineira Álcalis e vem recebendo manutenções periódicas do governo municipal, e se transformou no símbolo mais significativo, o cartão postal de Macau”, relata o deputado.

CARNAUBAIS SEM SOSSEGO: Prefeita Marineide Diniz persegue agentes de saúde por não terem votado nela

Mais uma denúncia da conduta da prefeita Marineide Diniz chega ao conhecimento do Blog do VT. A situação é que a prefeita está possivelmente perseguindo 7 agentes de saúde, por não terem votado nela e até o momento não pagou o rateio a que eles têm direto.

A divisão dos recursos foi feita em junho de 2021 e dos 27 agentes de saúde, 7 não receberam o incentivo do PMAQ (Programa de Melhorias do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica), a explicação para o não recebimento que um dos agentes falou, foi exatamente por não ser do grupo da prefeita. O ex-vereador Nicolau informou que, segundo o profissional que fez a denúncia, disse que se a prefeita não quitar a pendencia com os profissionais, eles irão ao Ministério Público cobrar o que é de direito.

A vida mansa da prefeita de Carnaubais que quer encher a prefeitura com cargos para parentes e amigos tem maltratado aqueles que não fizeram parte do seu grupo e prejudica o desenvolvimento da cidade. Pois, o principal objetivo do programa ampliar o acesso e melhorar a qualidade da Atenção Básica à Saúde.

Gustavo e George batem martelo e Lula Soares é o nome do grupo para as próximas eleições


O mês de dezembro e os primeiros dias de 2022, já agitou os bastidores políticos na cidade do Assú, o então até quase anônimo na gestão municipal, Lula Soares, começou a dar o ar da graça, participando de eventos institucionais e reuniões, e mandando o recado pra quem quiser ver, que é ele sim o nome numa possível eleição suplementar e nas eleições de 2024.

George e Gustavo sempre fizeram questão de manter em segredo, já que tinham intenção de colocar o nome do chefe de gabinete Ivan Pinheiro na jogada, mas como não engrenou porque o eleitorado não confia, eles já mudaram a tática, e a aparição de Lula é mais uma jogada.

O medo de Gustavo de ser cassado é grande, por essa razão, George tem pressa, já que pode ter novas eleições a qualquer momento. O medo impera, e já foram marcadas as audiências que transitam na justiça sobre compra de voto e possível abuso de poder da chapa Gustavo e Fabielle.

A preparação de Lula é um sonho antigo dos ronaldistas de carteirinha, e só agora ganhou força junto a Gustavo e George, para que as pessoas do grupo possam conviver mais com ele e já comecem a vestir a camisa optando pelo filho de Lourinaldo em detrimento a qualquer outro nome.

Estrategicamente em meio as exonerações de fim de ano, em que muitos aguardam uma conversa para verem seus nomes estampados no diário oficial, Lula chega e quem estiver simpático ao seu nome pode acelerar o processo de nomeação.

Prefeitura de Natal anuncia cancelamento do Carnaval de rua

A Prefeitura de Natal anunciou na noite desta quarta-feira (12) o cancelamento do Carnaval de rua da capital. Em nota, o município explicou que a medida se deve aos índices crescentes dos atuais quadros virais relacionados à Covid-19 e à gripe Influenza.

Ainda segundo a administração municipal a decisão atende a recomendações do Comitê Científico de Natal e de técnicos da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), com base nos índices de 600 atendimentos por dia nos dois Centros de Enfrentamento criados pela gestão para conter casos da Síndrome Viral e do coronavírus com a variante Ômicron.

Leia maisPrefeitura de Natal anuncia cancelamento do Carnaval de rua

Seis secretários de Fátima devem disputar as eleições deste ano; confira quem são

Além da governadora Fátima Bezerra (PT) que vai concorrer à releição e o vice-governador Antenor Roberto (PCdoB) pretenso á Câmara Federal, pelo menos seis secretários do Governo devem concorrer nas eleições deste ano. Uma parte está inclinada a disputar a Câmara Federal e os demais por um lugar na Assembleia Legislativa do Estado.

Os seis secretários devem deixar o governo até o início de abril para disputar o pleito, devido o prazo  para secretário de seis meses antecedentes as eleições, previstas para 2 de outubro.

No momento os que devem se candiditar para deputado federal são: Cadu Xavier (Tributação), Fernando Mineiro (Gestão de Projetos, Metas de Governo e Relações Institucionais) e Samanda Freitas (subsecretária Trabalho, Habitação e Assistência Social). Já os que devem disputar as eleições para deputado estadual para ocupar a Assembleia são: Jaime Calado (Desenvolvimento Econômico), Júlia Arruda (Mulheres, Juventude, Igualdade Racial e Direitos Humanos) e Pedro Lopes (Controladoria).

Fonte: Agora RN e Blog do FM

Senador do PT desafia Carlos Eduardo em briga por vaga ao senado: “Venha para o ringue”

O vice-governador Antenor Roberto (PCdoB) defende a candidatura do senador Jean-Paul Prates (PT) ao Senado, mas também mostrou-se aberto para que o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo, componha a chapa com Fátima Bezerra. Nesta aliança, Carlos Eduardo seria um outro nome possível como candidato a senador.

Na entrevista à Jovem Pan News Natal, e reproduzida pelo jornal Tribuna do Norte, Antenor afirmou que entende a necessidade de composição com outros partidos por parte da governadora Fátima Bezerra (PT), mas levantou dúvidas sobre a aceitação da população para uma chapa composta também pelo deputado federal Walter Alves (MDB) e pelo ex-prefeito Carlos Eduardo (PDT). Para ele, muitos Alves na chapa geraria “congestionamento”.

No entanto, em entrevista ao programa “Boa Noite, Cidade”, da Rádio Difusora, nesta terça-feira (11), o senador Jean afirmou que vê a vaga de Senado como algo conquistado com muita dificuldade, o que deveria ser levado em consideração. Para ele, o partido não poderia abrir mão deste posto. “As pessoas não podem simplificar porque Fátima teve dois sucessos seguidos . Isso é mérito dela, do partido, mas o fato de ter conquistado uma vaga no Senado é muito importante para o Partido dos Trabalhadores e para a esquerda e o PT localmente”, disse.

O senador acredita que negociar este cargo exige qualificação de quem iria ocupá-lo, neste caso, diante das intenções de Carlos Eduardo. “Não adianta dizer: `Eu estou disponível pelo partido tal…´. Meu amigo, você aporta o quê? Qual o seu cacife eleitoral? Ele ainda existe? Ele continuará existindo se você vier para cá ou será chamado de traidor e diluir para ficar um cara deste tamaninho? Tudo isso precisa ser analisado”, ressaltou o senador.

Jean Paul acredita que a sigla do PDT, onde Carlos Eduardo está associado, é importante para uma composição com a esquerda, pelo seu perfil histórico e por ter abrigado nomes como Leonel Brizola e Darcy Ribeiro. Porém, não consegue encontrar a mesma similaridade com Carlos Eduardo Alves, que destoaria do perfil original da legenda. “É uma sigla de esquerda, embora em alguns Estados tenha migrado para outras posições”, afirmou. “Assim, todas as siglas deste patamar são bem vindas, exceto a extrema-direita. É preciso conversar”.

Por fim, Jean lembrou que, em um passado recente, listou posições consideradas “incongruentes” de Carlos Eduardo. “Ele pediu voto para Bolsonaro e foi o adversário direto de Fátima. Ele e outros que o acompanhavam chamaram Fátima de tudo que foi nome. Isso é incoerência? Total. Isso é muito recente. E quem tem que se explicar sobre isso? Eu? Fátima? Não, é Carlos Eduardo. Ele que tem que se apresentar para querer ocupar uma vaga e dizer que é melhor que o Jean. Enquanto não fizer isso, estou aqui. Sou o senador com o cinturão dentro do ringue. Para tirá-lo, tem que vir para dentro”, comentou.

Com informações do Blog do Barreto

Aliados temem que Alckmin caia no ostracismo caso aliança com Lula fracasse

Geraldo Alckmin diz que avalia extinguir Ministério do Trabalho se for  eleito | Eleições 2018 | G1

A referência do presidente Jair Bolsonaro (PL) em discurso à volta de Lula “à cena do crime” caso seja eleito presidente não foi fortuita. É uma estocada à possível aliança dele com Geraldo Alckmin, que usou exatamente essa imagem contra o petista em 2017, ao assumir a presidência nacional do PSDB.

Aliados do ex-governador temem um possível cenário de pesadelo daqui a alguns meses, caso a aliança com o petista naufrague.

Nesse caso, o ex-governador ficará sem opção viável, por já ter perdido capital no eleitorado antipetista e ter irritado caciques como Gilberto Kassab (PSD), ao recuar da disputa ao governo de SP. Ou seja, é ser vice de Lula ou ficar relegado ao ostracismo político.

UOL

IRRESPONSÁVEL E OPORTUNISTA: Vice Fabielle se esconde das redes sociais e aglomera no FDS em pleno novo surto de H3N2 e COVID

A vice Fabielle Bezerra precisa mesmo é passar óleo de peroba na cara, pra ver se tem um choque de realidade, pois ela como pessoa pública deveria ter mais do que ninguém respeito pela vida das outras pessoas, já que o mundo vive um novo surto não apenas de COVID, mas do novo vírus da influenza, H3N2 que é mais contagioso do que qualquer outro.

Fabielle foi para a luxuosa praia de Porto Mirim Beach, litoral sul da capital, e fez aglomerações durante todo o FDS, com direito a churrascos e shows particulares, o que seria totalmente aceitável se ela fosse uma pessoa comum, que não participasse de eventos públicos e nem que tivesse que conviver com dezenas de pessoas diariamente que frequentam a Prefeitura do Assú.

A vice não larga do pé do prefeito Gustavo, e além de querer estar em todo lugar, ela ainda faz visitas a comunidades, só que esconde de suas redes sociais quando vai a festas, viagens, churrascos em praias e tudo que não seja institucional. Ou seja, esconde sua agitada vida pessoal mas na maior cara de pau visita as pessoas e participa de eventos, apertando mãos e podendo estar transmitindo sim a nova gripe ou até a COVID, até sem saber.

Já morreram de COVID em Assú mais de 150 pessoas, e de 30 de dezembro pra cá, os casos confirmados de COVID subiram de 8.637 para 8.650, um aumento significativo considerando que falta testes e ainda está no prazo de infecção das festas de fim de ano, o que pode aumentar dentro de alguns dias.

O mal da COVID e da H3N2 é justamente a falta de bom senso de pessoas como Fabielle Bezerra, que agem na surdina participando de aglomerações, e estão diariamente no meio do povo, recebendo e cumprimentando pessoas, cumprindo agenda política como se ela vivesse de máscara, respeitando as regras para não aglomerar e como se não existisse ninguém morrendo em meio a uma pandemia que cresce agora de formas diferentes e cada vez mais assustadora.

O Blog do VT está aqui para levar ao conhecimento das pessoas, questões que merecem ser debatidas, a vice Fabielle prega cuidados no seu instagram, mas sua vida pessoal é bem diferente de tudo que é pregado, ela aglomera sem máscara, e assim, não larga apenas a máscara de proteção, mas deixar vir a tona a utilização de  um perfil FAKE que ela alimenta nas redes sociais diariamente, já que ela não mostra 100% da sua vida e ainda ESCONDE, mostrando ser uma pessoa totalmente oportunista, não vive o que prega.

Mas fica ainda uma pergunta, porque a vice Fabielle que prega simplicidade 24 horas não escolheu a Praia do Rosado, que é onde praticamente 90% das pessoas do Assú estão?

Comissão aprova projeto que proíbe telefônicas de cobrarem por serviço não solicitado pelo cliente

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados aprovou proposta que atribui ao cliente das operadoras de telefonia o direito de ser cobrado somente por serviços que tenha solicitado ou para o qual tenha manifestado consentimento expresso.

O objetivo é evitar que os assinantes de planos de telefonia e internet paguem por serviços não solicitados, principalmente os extras oferecidos pelas operadoras, como contas de e-mail, armazenamento em nuvem e antivírus. Chamados de serviços de valor adicionado (SVA), eles não são considerados serviços de telecomunicações, como as chamadas telefônicas.

O projeto também obriga a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) a criar um código de conduta a ser seguido pelos prestadores de SVA. O descumprimento das regras do código sujeitará a empresa a sanções administrativas, como multa e suspensão temporária, entre outras.

Novo texto
O texto foi aprovado na forma de um substitutivo elaborado pelo relator, deputado Bira do Pindaré (PSB-MA), que engloba o o Projeto de Lei 7851/17, do deputado André Figueiredo (PDT-CE), e os apensados (PLs 10407/18, 4103/19 e 942/21).

Segundo ele, o modelo atual de contratação de SVA induz o consumidor a contratar serviços que desconhece ou não precisa. “A proposta vai ao encontro do interesse de milhares de brasileiros que manifestam diariamente sua indignação ao verem lançadas nas contas telefônicas cobranças que não reconhecem ou que foram levados a aceitar sem pleno entendimento”, disse Bira do Pindaré.

Leia maisComissão aprova projeto que proíbe telefônicas de cobrarem por serviço não solicitado pelo cliente

Justiça rescinde contrato de instituto que prestava serviços em hospital de Mossoró

TJRN lança concurso para 33 vagas temporárias de TI; edital prevê salários  de até R$ 5,5 mil e benefícios | Rio Grande do Norte | G1

O Núcleo de Apoio às Metas do CNJ, formados por magistrados do Poder Judiciário potiguar, declarou rescindido o Contrato de Gestão Nº 01/2012 – SESAP firmando entre o Estado do Rio Grande do Norte, através das Secretaria da Saúde Pública e o Instituto Nacional de Assistência à Saúde e à Educação (INASE) para gerenciar os serviços de saúde prestados à população usuária no Hospital Parteira Maria Correia, localizado em Mossoró.

Na mesma sentença, foi decretada a desqualificação do INASE pelo descumprimento do contrato de gestão, por dispor de forma irregular dos recursos recebidos por força do contrato de gestão e em razão do descumprimento do estabelecido na legislação estadual a que deveria ficar adstrita.

O Núcleo também condenou o Estado do Rio Grande do Norte a apresentar as informações e documentos ao INASE relativos à movimentação fiscal e contábil e de pessoal, relativas ao período de intervenção que forem imprescindíveis para regularização da situação do Instituto perante órgãos públicos. Bem como, na obrigação de adimplir eventuais débitos pendentes relativos ao contrato de gestão e assumidos pelo interventor judicial em nome da entidade, após a decretação da intervenção judicial.

As determinações judiciais partiram de uma Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público Estadual contra o Estado do Rio Grande do Norte e o INASE pedindo, liminarmente, a imediata desqualificação do Instituto como organização social e a consequente medida para que o Estado reassumisse a prestação do serviço público de saúde à população usuária do Hospital Parteira Maria Correia, de Referência e Atenção à Mulher, localizado em Mossoró.

Leia maisJustiça rescinde contrato de instituto que prestava serviços em hospital de Mossoró

Ex-assessor reafirma denúncia de suposta rachadinha de deputado

Ex-assessor que denunciou à PGR o deputado e pré-candidato à Presidência André Janones por suposta prática de rachadinha, Fabrício Ferreira reafirmou a acusação nesta terça-feira (11/1). Em entrevista à coluna, Ferreira detalhou o suposto esquema e citou uma reunião em que o deputado pediu o salário dos assessores.

“No dia da posse na Câmara, o deputado reuniu todos os assessores no gabinete. Falou que teria projetos políticos e que, para isso, os assessores teriam de contribuir financeiramente com parte do salário”, afirmou Ferreira.

Nesta terça-feira (11/1), a coluna mostrou que Ferreira levou à PGR a acusação de um “sistema de rachadinha” na equipe de Janones no último dia 29. Um mês antes, havia encerrado três anos de trabalho no gabinete do deputado.

Em dois áudios e um documento, Ferreira apontou que a ex-assessora Leandra Guedes, atual prefeita de Ituiutaba (MG), cidade natal do deputado, recolhia parte do salário do ex-assessor Alisson Camargos, atual secretário de Meio Ambiente da cidade. O deputado André Janones e os ex-assessores Alisson Camargos e Leandra Guedes disseram desconhecer o caso.

Leia maisEx-assessor reafirma denúncia de suposta rachadinha de deputado

Petrobras anuncia aumento nos preços da gasolina e do diesel

Gasolina nas alturas: até quando o preço do combustível vai subir? |  Economia | G1

A Petrobras anunciou nesta terça-feira (11) que fará ajustes nos seus preços de venda de gasolina e diesel para as distribuidoras. Os novos valores passam a valer nesta quarta-feira (12).

“Após 77 dias sem aumentos, a partir de amanhã 12/01/2022, a Petrobras fará ajustes nos seus preços de venda de gasolina e diesel para as distribuidoras. Os últimos aumentos ocorreram em 26/10/2021 e, desde então os preços praticados pela Petrobras para a gasolina foram reduzidos em R$ 0,10 litro em 15/12/2021, e permaneceram estáveis para o diesel”, disse a estatal em comunicado.

Com a mudança, o preço médio de venda da gasolina a distribuidoras passará de R$ 3,09 para R$ 3,24 por litro.

“Considerando a mistura obrigatória de 27% de etanol anidro e 73% de gasolina A para a composição da gasolina comercializada nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor passará de R$ 2,26, em média, para R$ 2,37 a cada litro vendido na bomba. Uma variação de R$ 0,11 por litro”, diz o comunicado.

Para o diesel, o preço médio de venda da Petrobras para as distribuidoras passará de R$ 3,34 para R$ 3,61 por litro.

“Considerando a mistura obrigatória de 10% de biodiesel e 90% de diesel A para a composição do diesel comercializado nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor passará de R$ 3,01, em média, para R$ 3,25 a cada litro vendido na bomba. Uma variação de R$ 0,24 por litro”, diz.

Fonte: CNN Brasil

RN vai receber 3 milhões de testes para Covid; Sesap prevê surto de gripe por mais um mês

Teste de Covid — Foto: Odair Leal/Secom-AC

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) anunciou que o Rio Grande do Norte vai receber na próxima semana 3 milhões de testes para a Covid, enviados pelo Ministério da Saúde, que serão usados para testagem em massa de sintomáticos e assintomáticos em todo o estado. A ideia é monitorar os casos de síndromes respiratórias.

Diante do atual cenário, de aumento nos casos da Covid e de síndrome gripal, a coordenadora de vigilância em Saúde da Sesap, Kelly Lima, explicou que o estado já pode ter atingido o pico de casos, mas que a secretaria prevê que isso se mantenha por pelo menos mais quatro semanas.

“A gente ainda espera pelo menos mais quatro semanas de surto de Influenza aqui no RN. Acreditamos estar no ápice desse surto, mas ainda vamos passar por umas semanas que são fundamentais pra que a gente possa entender como vai se dar esse vírus e como vai se dar a vigilância aqui no estado”, pontuou em entrevista à Inter TV Cabugi.

Leia maisRN vai receber 3 milhões de testes para Covid; Sesap prevê surto de gripe por mais um mês

Legislativo concede título de Cidadão Norte-Rio-Grandense ao embaixador Rodrigo Azeredo

Numa iniciativa do deputado Hermano Morais (PSB) a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte concedeu o título de Cidadão Norte-Rio-Grandense ao embaixador Rodrigo de Azeredo Santos, que exerce o cargo cumulativamente na Dinamarca e na República da Lituânia. A solenidade aconteceu na manhã desta terça-feira (11), na sede do Legislativo potiguar e foi um reconhecimento à atuação do embaixador brasileiro em prol do Rio Grande do Norte.

Na sua justificativa, Hermano Morais afirmou que Rodrigo Azeredo, que é natural do Rio de Janeiro, tem uma atuação destacada em prol do País e do RN, intercedendo e propondo ações concretas junto ao governo estadual. “É pelas mãos do estimado embaixador que portas estratégicas têm sido abertas para o nosso Estado na Europa, permitindo que o Rio Grande do Norte tenha voz e seja ouvido em território internacional”, destacou Hermano.

O parlamentar citou o empenho do homenageado na abertura de frentes de diálogo, na promoção de rodadas de negócios e na busca por recursos junto a empresas financiadoras e fundos de investimentos. “O embaixador faz pelo Rio Grande do Norte muito mais que as obrigações inerentes ao cargo que ocupa. O olhar de Azeredo não é direcionado ao hoje: trata-se de um homem preocupado com o amanhã”, disse.

Hermano também destacou a atuação do novo cidadão potiguar no evento realizado em novembro passado, em Copenhagen, criado pela Confederação da Indústria Dinamarquesa, Ministério dos Negócios Estrangeiros e a Copenhagen Business School, com o objetivo de promover o comércio e o investimento entre a Dinamarca e os países latino-americanos, com participação do Estado.

Ao agradecer a homenagem, Rodrigo Azeredo afirmou que a partir de agora a sua responsabilidade com o Estado só aumenta. “Eu me sinto honrado e emocionado”, disse ele, que ressaltou a liderança da governadora Fátima Bezerra em conduzir de maneira tão eficiente as iniciativas no campo do desenvolvimento econômico, bem como o papel da Assembleia Legislativa junto ao governo e classe empresarial buscando novas oportunidades para o povo potiguar.

O secretário Jaime Calado agradeceu a honraria concedida pelo Legislativo a quem “não mede esforços para cooperar com o Rio Grande do Norte com muita responsabilidade”. O vice-governador Antenor Roberto enalteceu o papel exercido pelo diplomata e afirmou que a homenagem “enriquece e engrandece o RN”.

Também participaram do ato solene, realizado no salão da presidência, os empresários Marcelo Pereira, da OTZ Engenharia e Cláudio Calonge, da Briskcon; a diretora Administrativa Financeira da ALRN, Dulcinéa Brandão, além de servidores do Governo e do Legislativo.

SEM DÓ E PIEDADE: Ex-vereador denuncia que Prefeitura de Carnaubais cobra dos agricultores o combustível dos tratores que cortarem as terras

O ex-vereador Nicolau Cavalcanti de forma corajosa, usou suas redes sociais para criticar a gestão atual na prefeitura de Carnaubais, que é comandada pela prefeita Marineide e seu esposo Dinarte Diniz.

Parece que a prefeita Marineide perdeu o “bom senso” e resolveu não proporcionar uma vida mais leve para os agricultores, que já trabalham muito no dia a dia e sol a sol, e depende de vários fatores para produzir seu sustento na terra, e segundo Nicolau, está sendo cobrado uma taxa de R$ 70,00 reais do agricultor para cortar terra no trator da prefeitura.

Enquanto trabalhadores lutam para ter uma vida melhor, a prefeita Marineide dificulta a vida deles, e a torna mais difícil ainda, afinal só sabe facilitar a vida de seus familiares, colocando eles na prefeitura para receberem gordos salários e ficarem na “sombra e água fresca”.

Projeto do IMD para jovens superdotados prorroga inscrições

O Talento Metrópole é voltado para estudantes do Ensino Médio e dos últimos três anos do Fundamental

O Projeto Talento Metrópole, iniciativa que oferta orientação educacional e formação complementar a jovens com superdotação/altas habilidades cognitivas, adiou o prazo de inscrição para novos candidatos até o dia 16 de janeiro.

Promovido pelo Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN), o programa é voltado para estudantes da rede pública ou privada de ensino que estejam cursando o Ensino Médio ou os últimos três anos do Ensino Fundamental. Para se inscrever, os interessados devem preencher formulário eletrônico e enviar mensagem para o e-mail talentometropole@imd.ufrn.br contendo todos os documentos descritos no Edital 075/2021, que disciplina o processo seletivo.

Formação

Instituído como um projeto do IMD em 2015, o Talento Metrópole oferece uma formação adequada a adolescentes com o perfil de altas habilidades/superdotação, utilizando metodologias que rompem com os padrões tradicionais de ensino, estimulando o interesse pela pesquisa científica e pela expansão dos conhecimentos na área de Tecnologia da Informação.

O estudante que ingressa no programa é acompanhado por um tutor (professor pesquisador da UFRN), junto ao qual desenvolve um plano individual de trabalho, considerando interesses, habilidades e competências do aluno, que poderá cursar componentes curriculares nos diferentes níveis de formação da Universidade.

Além disso, o estudante dispõe de toda a infraestrutura do IMD, sendo assistido por equipe especializada constituída por psicólogos, pedagogos e assistente social. Desse modo, o programa também atua como um agente social, porque oferece assistência a crianças e adolescentes com um perfil que se constitui em uma necessidade educacional especial.

Leia maisProjeto do IMD para jovens superdotados prorroga inscrições

Com atrasos de 5 meses de salários para cooperativas médicas, Secretário Cipriano ainda diz que saúde no governo Fátima é prioridade

Em entrevista ao portal 98 Fm Natal, o secretário de saúde Cipriano Maia diz que na gestão petista, a saúde tem sido colocada em primeiro lugar e generaliza as faltas de pagamentos com argumento de que existe um déficit financeiro no estado por causa de não haver repasse federal.

O que vemos é o secretario Cipriano querendo defender a gestão a todo custo, e a verdade é que o governo Fátima tem priorizado seus apadrinhados políticos com cargos e obras, esquecendo o que mais importa, segurança, saúde e educação.

Os fatos têm mostrado que existem médicos cooperados, servidores e terceirizados e SAMU com 5 meses de salários atrasados. Além disso, servidores reportando que não tem alimentos nas unidades de saúde e faltam medicamentos, ou seja, existe uma crise generalizada em todos os setores da gestão petista.

O governo Fátima diz que está pagando aos servidores, mantendo folha de pagamentos em dia, mas esquece da saúde, e pela demora, em breve pode haver uma greve que irá gerar um caos no estado diante do aumento de casos de COVID, gripe e o déficit de atendimento e cirurgias que já rolam há mais de um ano.

Para ver e ouvir a entrevista completa, clique aqui.

Comissão aprova direito a exames domiciliares para pacientes com dificuldade de locomoção

A Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos Deputados aprovou proposta que assegura a coleta domiciliar de exames quando o paciente tiver dificuldade de locomoção, na forma de regulamento.

O texto aprovado é o substitutivo da Comissão de Direitos da Pessoa Idosa ao Projeto de Lei 4865/20, do deputado Alexandre Frota (PSDB-SP). O relator, deputado Alexandre Padilha (PT-SP), destacou que a proposta inicial é muito ampla e poderia ser inviável.

“O substitutivo apresentado na Comissão dos Direitos da Pessoa Idosa mantém a intenção do autor do projeto, porém adapta a redação para se tornar uma medida mais justa e viável, ao restringir o uso a usuários que possuam limitações de locomoção”, explicou.

Leia maisComissão aprova direito a exames domiciliares para pacientes com dificuldade de locomoção

IFRN adia retorno às atividades presenciais após comitê científico apontar aumento de casos de Covid e gripe no estado

IFRN - Instituto Federal do Rio Grande do Norte  — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

O Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) suspendeu o retorno às atividades presenciais, incluindo a fase de avanço para aulas, atendendo a um pedido do comitê científico de enfrentamento à Covid da própria instituição.

O retorno da totalidade do trabalho presencial estava agendado para esta segunda-feira (10), o que não aconteceu. O documento foi publicado na sexta-feira (7).

O comitê apontou tendência de crescimento nos casos e internações por Covid, além do surto de influenza H3N2, “doença com alto impacto de contaminação, que tem causado a sobrecarga dos sistemas de saúde do estado nos últimos dias” para sugerir a suspensão do avanço.

O adiamento é válido por 15 dias e o comitê se reunirá para discutir o cenário epidemiológico no estado no próximo dia 20 de janeiro, para então tomar uma nova decisão.

A portaria foi assinada pela professora Antônia Silva, reitora em exercício do IFRN.

G1RN

Servidores denunciam sobrecarga de trabalho, pressão psicológica e assédio moral no Hospital Municipal de Natal

Servidores da saúde que trabalham no Hospital Municipal de Natal denunciaram nesta segunda-feira (10) uma forte sobrecarga de trabalho provocada pelo afastamento de colegas acometidos por gripe.

Segundo relatos obtidos pelo sindicato da categoria (Sindsaúde), funcionários estão sendo obrigados a dobrar o serviço e, caso se neguem, seus nomes são colocados no livro de ocorrência ou recebem ameaças de não renovação de contrato.

De acordo com o Sindsaúde, trabalhadores contaram ainda que, na UTI, estão ficando 4 técnicos de enfermagem para atender até 12 pacientes.

“Somos obrigados a ficar fazendo mudança de decúbito (virar paciente) a cada duas horas quando temos outras coisas mais importantes para fazer”, desabafa uma servidora.

Para o Sindsaúde, o relato dos servidores expõe a “pressão psicológica” que os técnicos do hospital vêm sofrendo pelos superiores. “A sobrecarga é ainda maior quando a unidade recebe os pacientes do Hospital de Campanha, porém, os técnicos de lá, que deveriam dar suporte, não são convocados para ajudar no Hospital Municipal”, enfatiza o sindicato.

Leia maisServidores denunciam sobrecarga de trabalho, pressão psicológica e assédio moral no Hospital Municipal de Natal

Presidente do PL quer ministra como vice em chapa com Bolsonaro

Da lista de especulações sobre quem será o vice na chapa do presidente Jair Bolsonaro em sua campanha à reeleição, o presidente do PL, o ex-deputado Valdemar Costa Neto, tem um nome que avalia como ideal: o da ministra da Agricultura, Tereza Cristina.

Ter uma vice mulher seria uma forma de tentar reduzir a resistência a Bolsonaro no eleitorado feminino: de acordo com pesquisa do Ipec (ex-Ibope) realizada em dezembro, 70% das mulheres desaprovam o governo.

Tereza Cristina planeja, no momento, ser candidata ao Senado pelo Mato Grosso do Sul. Ela é filiada ao DEM, mas deve sair do partido após a fusão com o PSL. E já foi convidada a se filiar ao PP e ao Republicanos.

Segundo aliados, o presidente, mais recentemente, tem apresentado resistência em indicar qualquer nome que tenha o aval do Centrão, mesmo que o padrinho seja Valdemar Costa Neto. O titular do Planalto tem receio de que um político como vice possa se tornar uma ameaça.

Leia maisPresidente do PL quer ministra como vice em chapa com Bolsonaro

Festival de música em Natal adia evento para abril por conta do aumento de casos de Covid e gripe

O Festival Dosol anunciou nesta segunda-feira (10) o adiamento dos shows do evento, que aconteceriam nos próximos dias 15, 22 e 29 de janeiro. As apresentações agora acontecerão em abril, nos dias 10 e 23.

O adiamento do Festival DoSol se deu, segundo a organização, por conta do aumento dos casos de síndrome gripal e Covid recentemente, o que gerou uma insegurança sanitária e logística.

O evento acontecerá, assim como programado anteriormente, no Jardim DoSol, pátio externo da Funcarte, na Ribeira.

De acordo com a organização, os ingressos adquiridos para os dias 15 e 22 de janeiro continuam válidos para o dia 10 de abril. Já os para dia 29 de janeiro continuam válidos pro dia 23 de abril.

Quem quiser solicitar cancelamento do ingresso, é só mandar mensagem através da Sympla, por onde foi realizada a compra.

Confira a nova programação por dia:

Domingo, 10/04/2022 – Abertura dos portões às 15h30

– Àttooxxá (BA)
– Academia da Berlinda (PE)
– Seu Pereira e Coletivo 401 (PB)
– Orquestra Greiosa & Felipe Cordeiro (RN/PA)
– Luísa e os Alquimistas (RN)
– Félix Robatto (PA)
– Skarimbó (RN)
– Bia e os Becks (PI)

Sábado, 23/04/2022 – Abertura dos portões às 15h30

– Marina Sena (MG)
– Ferve & Bixarte (RN/PB)
– Coisaluz (RN)
– Fortunato e os Jovens de Ontem (RN)
– Aiyra (RN)
– Luana Flores (PB)
– Carol Porto (RN)

g1 RN

‘A Petrobras não pode fazer política pública’, diz Joaquim Silva e Luna

DF e 12 estados vão à Justiça contra Petrobras por 'publicidade enganosa'  sobre preço de gasolina | Distrito Federal | G1

Na presidência da Petrobras há nove meses, o general Joaquim Silva e Luna chegou ao posto por indicação do presidente Jair Bolsonaro, incomodado com os reajustes de combustíveis na gestão anterior. O desconforto presidencial com os aumentos, porém, ainda gera ruídos. Para Silva e Luna, o problema é a tese de que os preços dos combustíveis possam ser administrados pelo governo. “O que regula o preço é o mercado”, afirmou. “Ainda há pessoas que consideram, por desinformação ou outro motivo, que a Petrobras deva ser responsável pela redução de preço. Ela não tem condições de fazer isso.”

Nesta entrevista ao Estadão/Broadcast, ele aponta um desconhecimento geral em relação à Petrobras, que, frisou, “não pode fazer política pública”. A seguir, os principais trechos:

O sr. já falou sobre o desconhecimento sobre a Petrobras como empresa de economia mista (estatal e de capital aberto). Mudou?

Mudou, mas ainda há muito desconhecimento. Ainda há pessoas que pensam que taxar o preço dos combustíveis resolve. A gente viu no que deu a experiência de países do nosso entorno que fizeram isso. O que regula o preço é o mercado, particularmente quando se trata de commodities. Essa percepção, nos níveis de decisão, acho que está consolidada. No nível de governo, dos três Poderes, isso já está bem consolidado. Pode ser que a sociedade ainda não tenha compreendido. Temos feito alguns vídeos no sentido de informar, mostrar que não é só a Petrobras, tem outros elementos que entram na composição do preço do combustível, os tributos federais e estaduais, os preços de revenda e distribuição, para que tenham uma compreensão maior. A contribuição da Petrobras é quando se torna uma empresa saudável e gera recursos, que repassa para a União na forma de tributos, permitindo uma maior quantidade de dividendos pagos para a União. A Petrobras tem responsabilidade social e procura cumpri-la. Mas ela não pode fazer política pública. Ela coloca recursos nas mãos de quem pode fazer.

Leia mais‘A Petrobras não pode fazer política pública’, diz Joaquim Silva e Luna

Onda de gripe e covid pega SUS ‘reduzido’ e superlota urgências pelo país

Em Várzea Grande (MT), lotação de UPAs e unidades ocorre com pacientes até de outros países - Prefeitura de Várzea Grande

Hospitais e UPAs (unidades de pronto atendimento) de todo país estão enfrentando superlotação e atendendo acima da capacidade máxima para dar conta de assistir os pacientes com síndromes gripais que buscam as unidades.

Em meio ao apagão de dados de internações no país, a alta de casos pegou o SUS (Sistema Único de Saúde) desprevenido após a desabilitação de leitos e de unidades de atendimento por causa da redução dos casos de covid após a vacinação. Agora, em muitos municípios, leitos e locais de atendimento estão sendo abertos novamente para dar conta da demanda.

UOL pesquisou e viu que em todos os estados há relatos de aumento no número de pacientes. “Estamos tendo muitos idosos internados por gripe, com pneumonia e complicando. Aqui está tudo cheio, cheio mesmo”, conta a infectologista Loures Borzacov, que atua em Porto Velho (RO).

Segundo profissionais ouvidos pela reportagem, o cenário gerado pelo surto da Influenza H3N2 (tipo que não está incluído na vacina contra a gripe) e a circulação da variante ômicron está causando uma demanda similar à dos picos de covid, com a diferença de serem casos mais leves.

“Estamos com os seguintes problemas: aumento da procura por atendimento, aumento do número de hospitalizações e perda da força de trabalho em função de doenças respiratórias”, sintetiza o médico e professor de pneumologia da UnB (Universidade de Brasília) Ricardo Martins.

Leia maisOnda de gripe e covid pega SUS ‘reduzido’ e superlota urgências pelo país

Vice-presidente do PT no RN detona possível união de Fátima com família Alves

O vice-presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) no Rio Grande do Norte, Daniel Valença rebateu nesta quinta-feira, (6), a fala do secretário de Fátima Bezerra e pré-candidato a deputado federal, Fernando Mineiro, sobre a política de alianças para as eleições deste ano.

“Se a gente não trouxer para o palanque do Lula e do PT quem foi contra nós, não vamos ter maioria para ganhar as eleições”, disse Mineiro em entrevista à 98 FM.  Para Valença, “o deputado Fernando Mineiro merece todo nosso respeito. É um grande nome da política de nosso estado e tem uma vida dedicada à construção de nosso partido. Mas, é notório que temos posições bem distintas no que se refere à política de alianças. Como disse recentemente a nossa governadora, professora Fátima, estas divergências fazem parte do PT. Este debate já está sendo feito com o conjunto da militância e tem de ocupar a agenda da instância partidária”, afirmou.

O vice-presidente do PT discordou do argumento de Mineiro: “Todos nós daremos nossas melhores energias para a vitória do companheiro Lula e da companheira Fátima, e nenhum de nós está de sapato algo. Porém, não está correto afirmar que se não trouxermos adversários para nosso palanque não venceremos as eleições. Na verdade, todas as pesquisas indicam a possibilidade de vitória de Lula já no primeiro turno, sem a presença dos golpistas. Já se argumento for a governabilidade, devemos lembrar que uma coligação mais coesa e ideológica será fundamental para elegermos uma grande bancada de esquerda e diminuir o peso de partidos centro nas negociações para composição do governo”.

Com relação à política potiguar, Valença continuou mantendo uma postura de contraponto:

“Com relação ao Rio Grande do Norte, devemos ressaltar que nossa vitória em 2018 foi contra as oligarquias e não com elas. Não se trata de “sapato alto”, mas de coerência ideológica e histórica. A história já mostrou que as oligarquias optam por alianças com os setores populares quando estão enfraquecidas ou em perspectivas de vitórias do campo popular. Aquele palanque do segundo turno já é bastante amplo e todas as pesquisas mostram a força do nome da professora Fátima. Isso sem contar com a presença de Lula”, arrematou.

Daniel Valença abordou alguns dos desafios do partido aqui nas eleições deste ano: “Além de reeleger a professora Fátima, o PT do Rio Grande do Norte deve trabalhar para manter e ampliar os espaços que já conquistamos, incluindo a vaga no Senado Federal, dobrar o tamanho de nossa bancada na Assembleia Legislativa e na Câmara dos Deputados, inclusive recuperando nas urnas o mandato do deputado federal Fernando Mineiro, subtraído pelas manobras das forças golpistas e antipetistas”.

Com informações do Saiba Mais

Fátima Bezerra se distancia do PL de João Maia e pode anunciar rompimento para acomodar MDB

Nos últimos dias a governadora petista, Fátima Bezerra, tem ganhado destaque na mídia por causa de suas alianças políticas, tentando iniciar 2022 com seu projeto politico de reeleição fortalecido.

No tal projeto, a governadora petista não vai conseguir segurar todo mundo debaixo das suas asas, e alguns “aliados” vão acabar se tornando “inimigos” políticos da governadora. De uma coisa sabemos, depois que o presidente Bolsonaro se filiou ao PL de João Maia, a governadora tem ido em buscas de outras alianças para seu projeto, afinal ela sabe que a aliança com João Maia é uma pedra no sapato.

O que se comenta é que as alianças que a governadora fez com o MDB tem suscitado ciúme no PL, atingindo diretamente o deputado federal João Maia, o deputado estadual George, a senadora Zenaide e seu esposo, Jaime Calado.

Alguns especialistas políticos já afirmam que a série de demissões de cargos comissionados do PL pode iniciar a qualquer momento, afinal é preciso liberar espaço pro MDB e pros novos aliados em todo o estado, indicados por Walter e Garibaldi Alves.

Esposa do prefeito de Equador morre em acidente de carro

A primeira-dama do município de Equador, Kessia Cristina, de 34 anos, morreu na tarde desta quinta-feira (6) vítima de um acidente de carro na BR-226, entre os municípios de Serra Caiada e Senador Eloy de Souza.

Kessia foi socorrida ao Hospital Walfredo Gurgel, mas não resistiu. Ela viajava na companhia de mais duas pessoas, que conseguiram sobreviver ao acidente.

A esposa do prefeito Cletson Rivaldo, também atuava na educação como professora na Escola Estadual Dom Manoel Tavares de Araújo em Equador. Familiares ainda não informaram detalhes do velório e do sepultamento do corpo.

Com informações do Blog Gustavo Negreiros

Mineiro esquece “golpe” e defende aliança do PT com ex-adversários

Após retotalização de votos, TRE-RN expede diploma de deputado federal para  Fernando Mineiro | Rio Grande do Norte | G1

O secretário estadual de Gestão de Projetos e Metas e Relações Institucionais, Fernando Mineiro, em entrevista à 98 FM Natal nesta quarta-feira (5), afirmou que é a favor de uma aliança entre PT e MDB para as eleições de 2022 no Rio Grande do Norte. Mineiro disse que também aprova a aproximação que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem feito com figuras como Geraldo Alckmin (ex-PSDB).

Segundo Mineiro, a construção de uma “ampla aliança” pode ser determinante para a vitória do partido nas eleições, tanto na disputa presidencial quanto na do Governo do Estado. “Sou favorável a que a gente costure a mais ampla aliança nacional, para o Brasil voltar a ser um país que dá orgulho na Presidência, que não nos envergonhe. Acho fundamentais os movimentos que Lula faz. Os estados rebaterão essa movimentação nacional”, afirmou o secretário.

Na opinião do secretário, a eleição de 2022 será acirrada e não se pode descartar alianças. “Tem muita gente de salto alto em relação às eleições de 2022. Se a gente não trouxer para o palanque do Lula e do PT quem foi contra a gente, não vamos ter maioria para ganhar as eleições. Nenhum partido no Brasil tem maioria para ganhar a eleição”, acrescentou.

“Sou favorável que a gente traga (os ex-adversários) em cima de um programa mínimo. Não é trazer só para trazer. Tem que ter mudanças da nossa parte e daqueles que tiveram outra posição. Se a gente não mudar, ganhar o eleitor que votou no Bolsonaro, não vamos ganhar as eleições”, concluiu referindo-se ao MDB, adversário que articulou o impeachment da então presidente Dilma Rousseff. O que será determinante, segundo ele, será o programa político que será apresentado, que vai exigir que ambas as partes cedam.

Com informações do Portal da 98 FM

Congresso tira 50% da verba de Guedes, e pasta vê risco de paralisação das atividades

Calendário eleitoral trava agenda de Guedes para 2022 - Jornal O Globo

O ministro Paulo Guedes (Economia) foi o titular de pasta do governo Jair Bolsonaro (PL) que mais viu verbas encolherem durante a tramitação do Orçamento de 2022.

Para a equipe do Ministério da Economia, a tesourada de R$ 2,5 bilhões feita pelo Congresso pode comprometer atividades já neste primeiro semestre. Agora o time de Guedes tenta encontrar saídas para o problema.

A tesourada é vista por integrantes do próprio governo como uma retaliação do Congresso a Guedes, com quem o Legislativo tem uma relação turbulenta.

Em contraste, ministérios de aliados dos congressistas ou com ações que beneficiam redutos eleitorais —como Cidadania, Desenvolvimento Regional e Infraestrutura— tiveram aumento ou cortes marginais.

O corte na Economia foi de 52% em relação à proposta inicial do governo, caso desconsiderada a verba do Censo Demográfico —gasto extraordinário da Economia blindado por decisão do STF (Supremo Tribunal Federal).

Ainda que o levantamento entrasse na conta, no entanto, a pasta continuaria sendo a mais prejudicada, com uma redução de 34%.

O clima na equipe econômica é de insatisfação com o relator-geral do Orçamento, deputado Hugo Leal (PSD-RJ).

Relatos ouvidos pela Folha afirmam que ele “pisou na bola” e que o governo terá de consertar o que são considerados erros enormes. O deputado foi procurado, mas não respondeu aos questionamentos.

O ministério ainda está fazendo um levantamento detalhado sobre o impacto do corte e a partir de que mês os programas da pasta ficarão prejudicados. O diagnóstico até agora é que as atividades podem ficar comprometidas por falta de recursos já a partir de maio caso nada seja feito.

Com exceção da verba do Censo —destinada ao IBGE, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística—, o corte de pouco mais de 50% atingiu todas as unidades orçamentárias do Ministério da Economia.

A Receita Federal, por exemplo, viu os recursos diminuírem de R$ 2,1 bilhões para R$ 1 bilhão, o que afeta diretamente a capacidade do órgão de manter sistemas em funcionamento. O Fisco cuida da arrecadação federal e de uma série de fiscalizações sensíveis para o governo.

Leia maisCongresso tira 50% da verba de Guedes, e pasta vê risco de paralisação das atividades

Cidade onde irmão de Bolsonaro é chefe de gabinete do prefeito recebeu verbas do orçamento secreto

Os Bolsonaro. Filmados por Eduardo, Renato e Jair se cumprimentam na apresentação de projeto sobre ponte na região: cidade foi beneficiada com emendas Foto: Carolina Antunes / PR / 03/09/2020

O município de Miracatu (SP), localizado no Vale do Ribeira, a 137 quilômetros da capital paulista, foi beneficiado com o empenho de R$ 35 milhões em verbas da União no apagar das luzes de 2021. A cidade, de 20 mil habitantes, tem como prefeito Vinícius Brandão (PL), cujo chefe de gabinete é Renato Bolsonaro, irmão do presidente da República, Jair Bolsonaro (PL).

Um levantamento feito pelo GLOBO identificou que o montante foi empenhado (reservado para gasto) entre os dias 17 e 30 de dezembro por meio dos ministérios do Desenvolvimento Regional; Agricultura; Cidadania e Turismo. Segundo o Portal da Transparência, pelo menos R$ 10 milhões são provenientes de emendas de relator do chamado orçamento secreto — instrumento pelo qual um parlamentar destina recursos federais a uma determinada localidade sem que seu nome apareça publicamente.

Documentos a que a reportagem teve acesso mostram que o dinheiro separado no final de 2021 deverá ser gasto na compra de tratores, manutenção de estradas vicinais, melhorias na drenagem das ruas, assim como em outras obras do centro de eventos da cidade.

O GLOBO apurou que a atuação de Renato Bolsonaro foi determinante para que ao menos uma parte dos empenhos saísse. No Ministério da Cidadania, por exemplo, os recursos só foram reservados depois que o irmão do presidente tratou do assunto diretamente com o titular da pasta, ministro João Roma.

Leia maisCidade onde irmão de Bolsonaro é chefe de gabinete do prefeito recebeu verbas do orçamento secreto

Uber Eats encerra operação de delivery de restaurantes no Brasil

Uber decidiu encerrar a operação de entregas de restaurantes, o Uber Eats, no Brasil. A informação foi confirmada pela empresa, que encerrará o serviço de delivery em 7 de março.

A empresa informou que concentrará esforços nos serviço de entrega de supermercado, por meio da Cornershop, hoje disponível em mais de 100 cidades brasileiras, Uber Flash, de entregas rápidas por motoristas do aplicativo, e Uber Direct, de entrega de lojas diretamente aos clientes, no mesmo dia. “A partir de agora, a empresa vai trabalhar em duas frentes: com a Cornershop by Uber, para serviços de intermediação de entrega de compras de supermercados, atacadistas e lojas especializadas; e de entrega de pacotes pelo Uber Flash”, disse a empresa em comunicado.

A liderança do mercado de delivery de restaurantes no país é do iFood, com 70% de participação. Com a saída do Uber deste segmento, a colombiana Rappi segue como principal concorrente do iFood no Brasil.

Valor apurou que um dos motivos do encerramento do Eats é a pressão da liderança de mercado do iFood. Em setembro de 2020, o Rappi entrou com um pedido de investigação contra o iFood junto ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Em março, a Superintendência-Geral do Cade decidiu proibir o iFood de fechar novos contratos de exclusividade com restaurantes em sua plataforma, em caráter preliminar.

“A Uber segue seu compromisso com seus mais de 1 milhão de motoristas parceiros que geram renda fazendo viagens e entregas pela plataforma – o volume de viagens no Brasil já é maior do que o registrado no período anterior à pandemia. A empresa seguirá expandindo produtos para outros meios de transporte, como motos e táxis”, informou a companhia.

Fonte: Valor Econômico

Bolsonaro provoca Ivete Sangalo após coro em show da cantora no RN

Nesta quarta-feira (5), ao receber alta do hospital Vila Nova Star, em São Paulo, onde estava internado desde a madrugada de segunda-feira (3), o presidente Jair Bolsonaro (PL) criticou a cantora Ivete Sangalo e o ator Zé de Abreu.

“Estamos mexendo na Lei Rouanet. Quando entrei no governo, o limite para artistas era de R$ 10 milhões por ano. Eu passei imediatamente para R$ 1 milhão. Estou conversando com o Mario Frias agora e vamos passar, nos próximos dias, para R$ 500 mil. Queremos atender àquele artista que está começando a carreira, e não figurões ou figuronas como a querida Ivete Sangalo”, disparou o chefe do Executivo federal.

“Ela [Ivete Sangalo] está chateada, o Zé de Abreu está chateado, porque acabou aquela teta gorda deles, de pegar até R$ 10 milhões da Lei Rouanet e defender o presidente de plantão. Não quero que me defendam, quero que falem a verdade a meu respeito. Fizemos muita coisa”, declarou.

Durante show realizado em Natal, Sangalo incentivou um coro com dizeres contra o presidente da República. Criticada em diversas ocasiões por não se posicionar politicamente, a cantora aparece dançando durante os gritos de “Ei, Bolsonaro, vai tomar no cu”. Em determinado momento, ela incentiva os fãs a gritarem mais alto com provocações como “não ouvi” e “está baixinho”.

O secretário especial de Cultura, Mario Frias, tomou as dores do mandatário e usou as redes sociais para atacar Ivete Sangalo. Frias afirmou que a cantora se silenciou a respeito dos casos de corrupção em gestões petistas e hoje “se presta ao ridículo papel de ser animadora de militante esquerdista”.

Fonte: Metrópoles

No Nordeste, Bolsonaro já garantiu palanques em sete de nove estados

Precisando minimizar resistências no Nordeste, Jair Bolsonaro já conseguiu garantir pelo menos sete palanques nos nove estados da região.

Até o momento, o presidente da República contará com candidaturas bolsonaristas no Maranhão, Ceará, Pernambuco, Bahia, Paraíba, Piauí e Sergipe. No Maranhão, Bolsonaro subirá no palanque do senador Roberto Rocha (PSDB); em Pernambuco, ele vai apoiar a deputada estadual Clarissa Tércio (PSC) e na Bahia, o ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos), dará suporte ao presidente da República.

Já no Ceará, Bolsonaro ficará no palanque do deputado federal Capitão Wagner (Pros). Wagner, inclusive, é tido como favorito na disputa contra o grupo de Ciro Gomes. Na Paraíba, o presidente terá o apoio do radialista Nilvan Ferreira (PTB) ou do policial militar Cabo Gilberto (PL) e em Sergipe o palanque bolsonarista deverá ser encabeçado pelo deputado federal Laércio Oliveira (PP).

No Piauí de Ciro Nogueira, a tendência é que a candidata bolsonarista seja justamente a ex-mulher do ministro-chefe da Casa Civil, a deputada federal Iracema Portella (PP). Em Alagoas e Rio Grande do Norte, os candidatos bolsonaristas têm dificuldades de se viabilizar em virtude dos altos índices de rejeição do presidente da República nesses dois estados.

Com informações, O Antagonista

 

Jean Paul se reúne com Walter e Garibaldi em prévia de chapa para 2022

O Senador Jean recebeu para um almoço em sua casa a senadora Simone Tebet, pré-candidata à presidência da República, o deputado Walter Alves, presidente do MDB-RN, e o ex-ministro Garibaldi Alves.

Tebet está em Natal de passagem com o marido e foi convidada por Jean para um almoço na residência do senador. Walter e Garibaldi Alves também estiveram no encontro. Os três políticos do RN publicaram a mesma foto nas redes sociais.

O ex-senador Garibaldi e Walter Alves compartilharam a mesma publicação. “Registro de um encontro agradável, nesta tarde, com a senadora @simonetebet, do MDB, acompanhada de seu esposo, deputado estadual @dep.eduardorochams, também do MDB no Mato Grosso do Sul, na residência do senador @senadorjean, que nos convidou para um almoço.”, escreveram.

“Hoje tive o prazer de receber em um almoço a minha querida colega de Senado, @simonetebet, que está de passagem pelo Rio Grande do Norte com seu marido. Compareceram também o presidente estadual do MDB, deputado federal @walteralvesrn, e o ex-senador @garibaldifilho_.”, publicou Jean.

Fonte: Portal Grande Ponto

DENÚNCIA: Prefeitura do Assú serve larvas de mosca na comida da UPA

As denúncias que chegam ao Blog do VT vão agitar o estado do RN, pois a Prefeitura do Assú está servindo comida na UPA com larvas de moscas dentro, que refletem a negligência da Prefeitura sob o comando do prefeito Gustavo Soares e da vice Fabielle Bezerra, que só sabem tomar de conta das redes sociais, porque da Prefeitura mesmo eles não cuidam, sequer fazem inspeção na comida que é terceirizada.

É obrigação da Prefeitura e da Secretaria de Saúde realizar as inspeções e fazer o que for necessário para que a comida seja saudável e com qualidade, para que ninguém venha a contrair doenças e principalmente, porque essas larvas são potenciais vetores na transmissão e propagação de doenças.

A falta de respeito da Prefeitura do Assú agora atinge o ápice da irresponsabilidade, e os órgãos que fiscalizam devem já está tomando as providências, pois ninguém quer se alimentar dessa comida, com medo de contrair sérias doenças.

Segundo informações que ainda chegam, as denúncias já foram feitas e agora a população quer saber quais medidas serão tomadas, já que de desculpas e mentiras o povo tá cheio.

Ezequiel alerta sobre celeridade em obra de açude em Ipanguaçu

Com a possibilidade do rompimento da barrragem, um grupo está se mobilizando para cobrar uma solução

As chuvas que têm caído no Rio Grande do Norte nestes primeiros dias de 2022 começam a causar preocupação entre os moradores de Ipanguaçu, região do Vale do Açu. Segundo relatos, a parede do Açude Pataxó corre risco de romper a qualquer momento, o que causaria a inundação de boa parte da cidade.

Diante disso, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), espera celeridade do Governo do Estado na busca por uma solução para o problema, assim como que sejam adotadas medidas como forma de prevenir uma tragédia que acabe colocando a vida de potiguares em risco. O deputado faz um apelo a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) para discutir a situação.

“É urgente a necessidade de adoção de iniciativas para que algo pior não aconteça. Esta barragem é de grande importância para a região e a precariedade do local já estava sendo apontada há algum tempo pelos seus representantes. Agora é trabalhar para evitar qualquer problema”, alertou Ezequiel Ferreira.

Com a possibilidade do rompimento da barrragem, um grupo de populares está se mobilizando para cobrar do Governo do RN a reforma do Açude Pataxó. Já existe um projeto de recuperação na Semarh, que estaria se arrastando há mais de dois anos.

A barragem pública do Pataxó tem capacidade para 15 milhões de metros cúbicos de água e foi construída pelo DNOCS em 1953. O projeto de recuperação da barragem foi elaborado em 2014.

Isenção do IPI para carros é mantida para taxistas e pessoas com deficiência

Conheça novas regras que ampliam isenção de IPI para compra de carros por  PCD em 2021 - PontoPoder - Diário do Nordeste

Foi sancionada com um veto a lei que prorroga até 2026 a isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para taxistas e pessoas com deficiência (PCDs) na compra de carros novos.  A isenção, que existe desde 1995, acabaria em 31 de dezembro.

A Lei 14.287/21 também aumenta o teto no preço do veículo para que a isenção do IPI seja válida. Antes de R$ 140 mil, o limite agora é de R$ 200 mil e também vale na compra de veículos novos por cooperativas de taxistas.

A norma é fruto do  PL 5149/20, da senadora Mara Gabrilli (PSDB-S) e relatado pelo senador Romário (PL-RJ). Modificado na Câmara, o texto foi aprovado em dezembro pelo Senado e enviado à sanção.

Veto
O relator na Câmara, deputado Tiago Dimas (Solidariedade-TO), apresentou parecer que incluía os acessórios entre os itens que poderiam ter isenção de IPI na compra de veículos por pessoas com deficiência. “Os acessórios são indispensáveis para a política de locomoção”, explicou. Mas o presidente Jair Bolsonaro vetou o artigo que estendia a isenção do IPI para acessórios que não fossem de fábrica, desde que fossem adaptáveis aos PCDs.

Leia maisIsenção do IPI para carros é mantida para taxistas e pessoas com deficiência

Bolsonaristas cobram STF sobre ataques ao presidente após internação

Bolsonaro é internado com obstrução intestinal, sem previsão de alta;  Planalto diz que ele passa bem | Política | G1

Bolsonaristas usaram as redes sociais para cobrar apuração pelo STF de supostos ataques e ameaças contra Bolsonaro após internação para tratar de obstrução intestinal.

Marco Feliciano (PL-SP) e Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) cobraram ação do STF. Ao Painel Feliciano citou como ameaça um post em que o ator Zé de Abreu diz desejar que Bolsonaro exploda.

“Alguma investigação, diligência ou atitude parecida será tomada com os donos das contas das mídias sociais que ameaçam e desrespeitam o presidente?”, questionou Feliciano no Twitter.

Ao compartilhar a postagem do ator, o filho 02 de Bolsonaro marcou a página do STF na plataforma. Outro que comentou os ataques foi o ex-secretário de Comunicação da Presidência Fabio Wajngarten. Ele afirmou que “qualquer incentivo/ameaça à vida” do presidente “deveria ser considerada promoção da instabilidade institucional e da ordem democrática”.

Os bolsonaristas classificaram nas redes como “ódio do bem” postagens como a do ator e de outras páginas em que pessoas desejam a morte do presidente ou questionam a internação após passar mal durante as férias em Santa Catarina.

“Esse ódio do bem está dando muita raiva. Polarizar sobre política é uma coisa. Desejar a morte é outra completamente diferente”, disse Carla Zambelli (PSL-SP) ao comentar postagem de Carlos Bolsonaro.

Folha Uol

Henrique se pronuncia sobre rompimento anunciado por Garibaldi

O ex-deputado federal Henrique Eduardo Alves acaba de se pronunciar sobre o rompimento anunciado pelo primo Garibaldi Filho na manhã desta segunda-feira (03).

Eis a nota. Na íntegra:

Diz o ditado popular; “quando um não quer, dois não brigam”.

Por isso não esperem de mim uma resposta sequer agressiva em relação ao primo, amigo, companheiro de MDB de 51 anos.

Só gratidão e respeito a Garibaldi. Sabemos o que vivemos juntos!

Surpreso, sim.

Até porque nos falamos no meu aniversário em dezembro, Natal e Ano Novo quando nos desejamos fraternalmente boas festas e felicidades.

A vida e suas circunstâncias…

Realizei a vida política, partidária e pública na escola de meu pai.

Até no se levantar, no resistir às injustiças e vencê-las.

Assim, a bandeira verde, da esperança, sempre a tremular nas minhas mãos sob o julgamento do povo do Rio Grande do Norte, que me deu 11 mandatos de deputado federal.

Hoje não é diferente.

O carinho , o abraço e emoção no reencontro são alegrias que me fortalecem e estimulam na luta que sempre continua.

Sem ódio e sem medo. Como Aluízio, meu pai, nos ensinou desde 1970.

Em tempo, a única campanha que não pude ajudar a Garibaldi foi a última de 2018, quando ainda sofria absurdas limitações de brutal injustiça. O RN também sabe disso.

Fonte: Blog do Heitor Gregório

 

Rio Grande do Norte investiga mais três amostras suspeitas da variante ômicron

Variante ômicron — Foto: Getty Images/Via BBC

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) investiga mais três amostras suspeitas de serem da variante ômicron da Covid no Rio Grande do Norte. Nesta segunda-feira (3), a pasta confirmou os dois primeiros casos da variante no estado.

De acordo com a subcoordenadora de vigilância epidemiológica do RN, Diana Rego, os dois casos positivos são de homens residentes de Natal e que vieram do exterior. Os dois foram infectados em dezembro, estavam vacinados,” e tiveram sintomas leves.

“São dois pacientes residentes do município, mas que viajaram para fora e estavam sendo monitorados pelo município e estado. São dois homens que estão bem. Já passaram pelo tempo da doença. Estavam com a vacina, tomaram em outro país. E isso é importante de dizer, porque eles desenvolveram uma forma leve”, explicou Diana Rego em entrevista ao RN 2, da Inter TV Cabugi.

“Temos mais três amostras de familiares, de possível contato, que estão em investigação”, reforçou.

A subcoordenadora explicou que ainda se pode afirmar que há transmissão comunitária da variante ômicron no RN, mas que isso é “possível”, devido a alta transmissibilidade apontada nos estudos.

“É possível. A gente não tem a confirmação. Como a gente tem trabalhado com uma variante de maior transmissibilidade, há essa possibilidade, mas não podemos afirmar isso, porque alguns casos ainda não foram fechados”, explicou.

Leia maisRio Grande do Norte investiga mais três amostras suspeitas da variante ômicron

Garibaldi admite apoio a Fátima, disputa pela Câmara e confirma rompimento com Henrique

O ex-senador Garibaldi Alves Filho (MDB) saiu do silêncio. Uma das maiores lideranças políticas da história do Rio Grande do Norte, o emedebista confirmou ao Blog do BG que pode ser candidato a deputado federal em 2022 e que a aliança do seu partido com o PT da governadora Fátima Bezerra está bem encaminhada.

Mas, a grande novidade mesmo dita por Garibaldi é que ele e o primo, o ex-deputado Henrique Alves (MDB), estão realmente rompidos. “Tenho motivos muito fortes para não ter mais relação política com Henrique, a campanha de 2018 foi decisiva para isso, inclusive ele pedindo voto contra Walter no pleito em prol de Benes Leocádio. Infelizmente não queria acreditar, mas o próprio Henrique confirmou publicamente”, afirmou.

“A nossa relação no partido também não é, e nem será fácil, mas o Presidente e a direção do MDB no RN é de Walter Alves, e quem vai conduzir isso é ele”, completou.

Fonte: Portal Grande Ponto

Barragem Armando Ribeiro Gonçalves terminou 2021 com 45% da capacidade total

A Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório de água do Rio Grande do Norte, fechou o ano de 2021 com 45% de sua capacidade.

A barragem comporta 2.373.066.510 m³ de água e estava com 1.073.050.284 m³ na medição feita em 31 de dezembro.

De acordo com o Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn), que monitora 47 reservatórios do estado, as recentes chuvas trouxeram aporte hídrico para poucos mananciais potiguares.

Segundo maior manancial do RN, a barragem Santa Cruz do Apodi acumula 211.608.710,00 m³, percentualmente, 35,29% da sua capacidade total, que é de 599.712.000 m³.

G1

Veja Vídeo: Suposto caso de compra de votos em Tibau do Sul, Tribunal decide intimar testemunha no caso

A acusação de esquema de compra de votos em Tibau do Sul segue em investigação pela Justiça Eleitoral. No dia 15 de dezembro, o Tribunal Regional Eleitoral determinou, por maioria de votos, que o processo retorne à Zona Eleitoral de Goianinha para que seja colhido o testemunho de pessoa que teria sido beneficiada com dinheiro em troca de seu voto.

VÍDEO

A ação foi instruída com um vídeo foi filmado no dia da eleição de 2020 em carro estacionado em frente ao maior colégio eleitoral no distrito de Pipa. Foi identificada no vídeo, além da testemunha, uma familiar do atual prefeito – que aparece entregando dinheiro.

Caso a denúncia seja procedente, deverá ocorrer novas eleições em Tibau do Sul.

Com informações do Justiça Potiguar

Fátima Bezerra admite aliança com adversário que enfrentou nas eleições de 2018

A governadora Fátima Bezerra (PT) admitiu a possibilidade de uma aliança com o seu principal adversário nas eleições de 2018, quando conquistou o mandato para governar o Rio Grande do Norte. A petista confirmou que há a possibilidade de união com o ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves, a quem enfrentou na eleição passada, vencendo-o no segundo turno do pleito.

“Então, assim como o presidente Lula, tem havido conversas, sim, com o MDB. Mas essas conversas não são somente com o MDB, com o PDT, mas com outros partidos também. E as decisões, volto a dizer, serão tomadas nesse contexto”, afirmou Fátima Bezerra em entrevista à Tribuna do Norte.

Ela confirma a possibilidade de uma composição com o ex-prefeito Carlos Eduardo — que já se apresentou com pré-candidado ao governo, mas recentemente admitiu a possibilidade de concorrer ao Senado. “Se o PDT sinalizar que quer integrar a nossa aliança, sim, estamos abertos a conversar. Lembro aqui que o PDT faz parte do campo democrático-popular e como o presidente Lula tem dito é preciso não perder de vista a necessidade de uma frente mais ampla”, destacou.

Fonte: Portal Grande Ponto

Prefeito Álvaro Dias veta parcialmente aumento de salário dos professores de Natal

Prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB), em entrevista à 98 FM - Foto: Milka Moura / 98 FM

O prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB), vetou parcialmente o projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal que autorizou reajuste de 12,84% no salário dos professores da capital potiguar a partir de 2022. A medida do Poder Executivo foi publicada no Diário Oficial do Município.

A prefeitura havia mandado proposta de aumento salarial de 6,42%, porém uma emenda assinada por seis vereadores e aprovada pelos demais mudou o reajuste para 12,84% – com o acréscimo de mais 6,42% de forma gradual a partir do próximo mês de junho.

No mesmo dia da aprovação do projeto de lei, na última quarta-feira (29), os professores suspenderam a greve iniciada em 10 de dezembro, também por força de uma decisão judicial que determinou o retorno dos profissionais ao trabalho sob pena de aplicação de multa de R$ 20 mil por dia.

Na justificativa para o veto, o prefeito alegou que o artigo acrescentado pelos parlamentares “acaba por adentrar indevidamente nas competências exclusivas do Chefe do Poder Executivo Municipal” e viola o princípio da separação de poderes.

O prefeito ainda alegou que a medida provocaria aumento de despesa sem que haja estimativa de gastos e a indicação da fonte de custeio.

Dessa forma, o prefeito sancionou a lei, porém, apenas com o reajuste de 6,42% retroagindo os efeitos a janeiro de 2021. O aumento também é concedido aos profissionais aposentados.

Após aprovação, o veto deverá ser analisado pelos parlamentares municipais na retomada dos trabalhos legislativos em 2022.

Fonte: g1

“Bolsonaro está bem”, garante Queiroga após internação do presidente

Presidente Jair Bolsonaro e o Ministro Marcelo Queiroga durante evento de Assinatura do contrato de transferência de tecnologia da AstraZeneca para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em Brasília.

Após a internação do presidente Jair Bolsonaro (PL), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, garantiu que o chefe do Palácio do Planalto está bem. Na madrugada desta segunda-feira (3/1), Bolsonaro deu entrada em um hospital particular da cidade de São Paulo. Ele está com obstrução intestinal.

“O presidente Bolsonaro está bem. Por conta do atentado de 2018 ele ainda sofre consequências”, destacou Queiroga antes de viagem à Bahia.

O boletim médico divulgado no início da manhã informa que o quadro é estável, mas sem previsão de alta. “O presidente está bem e forte para liderar o país”, frisou Queiroga.

Entenda o caso

O mal que acomete o presidente ocorre quando a passagem das fezes pelo intestino está total ou parcialmente bloqueada. A obstrução impede a passagem dos alimentos digeridos pelo intestino.

O presidente interrompeu suas férias no litoral catarinense e deu entrada no Hospital Vila Nova Star, na zona sul de São Paulo, na madrugada desta segunda.

Em nota, a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República (Secom) informou que ele passa bem e será submetido a exames.

Com informações do Metrópoles

“Chapa” Fátima governadora e Walter Alves vice tem encontro público em São Paulo do Potengi

A governadora Fátima Bezerra (PT), o ex-senador Garibaldi Filho e o deputado federal Walter Alves, ambos do MDB-RN, participaram, na noite desta terça-feira (28), do lançamento do livro “Monsenhor Expedito Sobral de Medeiros: um arauto da dignidade humana no sertão potiguar”, escrito pelo arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha. O evento foi realizado na praça na igreja de São Paulo Apóstolo, em São Paulo do Potengi.

Este foi o primeiro encontro público dos três desde a reunião com o ex-presidente Lula da Silva, durante sua passagem pelo RN este ano. Naquele encontro, Lula e Fátima formalizaram o convite para o MDB-RN compor a futura chapa da governadora na disputa pela reeleição. Desde então, o nome do deputado Walter Alves tem surgido como forte opção para ocupar a vaga de vice-governador caso a aliança se concretize.

Nos discursos, Fátima fez questão de enaltecer a presença de Garibaldi no evento. Sobre o homenageado, disse que o legado de Monsenhor Expedito jamais deve ser esquecido pelo povo potiguar.

Ao discursar, o ex-senador Garibaldi se emocionou e lembrou de como o trabalho de Monsenhor Expedito foi decisivo para viabilizar uma das obras hídricas mais importantes no Rio Grande do Norte: as adutoras. “Monsenhor Expedito sempre se preocupava com o povo mais sofrido. Em uma das reuniões com autoridades para falar sobre o problema de desabastecimento de água, ele fez questão de pedir à organização que não servisse água aos convidados, para que todos sentissem na pele o que o sertanejo sentia em casa”, lembrou Garibaldi.

Já o deputado Walter Alves aproveitou o momento para prestar contas das ações de seu mandato em benefício de São Paulo do Potengi. “É uma alegria estar em São Paulo do Potengi neste momento do lançamento de um livro tão significativo que conta a história de Monsenhor Expedito. E é satisfatório poder olhar nos olhos das pessoas e contar que o nosso mandato já destinou R$ 1,7 milhão para obras neste município”, disse Walter.

O lançamento do livro contou com a presença do prefeito Pacelli Souto; deputado estadual Tomba Farias, prefeito de Lagoa Nova, Luciano Santos; prefeita de Lagoa de Velhos, Sonyara Ribeiro; vereadores de São Paulo do Potengi; ex-prefeitos da região e membros da Arquidiocese de Natal.

Fonte: Portal Grande Ponto

STF julga em fevereiro exigência de negociação para demissão em massa

Ministros do STF evitam polarizar com Bolsonaro e optam por silêncio sobre  ameaças de impeachment - Jornal O Globo

O plenário do Supremo Tribunal Federal deve julgar em 3 de fevereiro a exigência de negociação coletiva com sindicatos para que seja feita a demissão em massa de trabalhadores.

O caso começou a ser julgado em maio deste ano, mas foi interrompido por um pedido de vista (mais tempo para analisar o caso) do ministro Dias Toffoli. O placar está em 3 votos a 2 contra a exigência.

O Supremo julga um recurso da Embraer e de sindicatos em relação à decisão do Tribunal Superior do Trabalho (TST) sobre a demissão de mais de 4 mil trabalhadores em 2009. A decisão a ser tomada pela Corte terá repercussão geral, ou seja, deverá ser seguida por outros tribunais do país.

No voto, o relator do recurso, o então ministro Marco Aurélio Mello, defendeu que não há necessidade da negociação. Como ele já votou, André Mendonça, que sucedeu Marco Aurélio, não deve votar nesse caso.

O relator foi acompanhado por Nunes Marques e Alexandre de Moraes. Os ministros Edson Fachin e Luís Roberto Barroso divergiram.

O Antagonista

Lira e deputados baianos defendem fundo emergencial para catástrofes

Arthur Lira pode se beneficiar das mudanças da Lei de Improbidade - Jornal  O Globo

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), defendeu a criação de um fundo emergencial para garantir recursos para os estados e municípios conseguirem reconstruir estruturas danificadas em desastres naturais, como as chuvas que atingem as regiões Nordeste, Norte e Sudeste. Lira se reuniu na manhã desta terça-feira (28) com 19 deputados baianos.

“Muitas coisas podem ser evitadas se tivermos um programa permanente de reconstrução e de prevenção. Para isso, essa medida legislativa deve ser estudada”, disse Lira. Ele reforçou que as ações imediatas são de responsabilidade dos executivos federal, estadual e municipais e devem focar salvar vidas, acomodar, alimentar e tratar os afetados. Lira elogiou a mobilização conjunta de União, estados e municípios para atender a população.

Somente na Bahia, o número de pessoas afetadas pelas chuvas se aproxima de 500 mil, em especial moradores do sudoeste, sul e extremo sul do estado. Na segunda-feira (27), a Bahia contabilizava mais de 31.405 desabrigados e 31.391 desalojados, de acordo com dados enviados pelas prefeituras e divulgados pela Superintendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec). O total de municípios afetados chega a 116, sendo que 100 deles já decretaram situação de emergência. Pelo menos 20 pessoas morreram.

Leia maisLira e deputados baianos defendem fundo emergencial para catástrofes

Após rompimento, prefeito de Mossoró “toma” carro institucional usado pelo vice

O prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra (Solidariedade), “tomou” o veículo utilizado pelo vice-prefeito Fernandinho, uma S D branca, Chevrolet. Eles estão rompidos politicamente. O fato foi confirmado pelo vice.

Segundo informações do Blog na Boca da Noite, de Mossoró, Allyson já havia proibido o motorista de viajar com Fernandinho e mais recentemente estava negando ordens de gasolina para abastecer o veículo. Ontem (28), pediu o carro.

Embora tenha direito a dois veículos institucionais, só um estava à disposição do vice-prefeito. Mesmo assim, Allyson “tomou”.

Fernandinho das Padarias confirmou o fato ao blog. O vice-prefeito disse que “estava tranquilo e que iria aguardar os desdobramentos futuros”. A justificativa dada a ele para o recolhimento do veículo seria a de que o contrato havia expirado. O blog apurou que o contrato de locação com a empresa só vence em fevereiro.

A primeira ação de Allyson contra Fernandinho foi exonerar todos os servidores ocupantes de cargos comissionados indicados pelo vice-prefeito, inclusive todos os que estavam lotados na vice-prefeitura.

Fonte: Portal Grande Ponto

Petrobras anuncia venda de ativo no RN por 750 mil dólares

Petrobras anuncia venda de ativo no RN por 750 mil dólares - Blog do BG

A Petrobras, em continuidade aos comunicados divulgados em 09 de julho de 2021 e 09 de agosto de 2021, informa que assinou nesta segunda-feira (27/12) com a empresa Aguila Energia e Participações Ltda (Aguila) contrato para a cessão, em conjunto com a Sonangol Hidrocarbonetos Brasil Ltda (Sonangol), da totalidade da participação de ambas as empresas no bloco exploratório terrestre POT-T-794, pertencente à concessão BT-POT-55A, localizada na Bacia Potiguar, no estado do Rio Grande do Norte.

O valor da venda é de US$ 750 mil, sendo (a) US$ 150 mil pagos nesta data e; (b) US$ 600 mil a serem pagos no fechamento da transação. Os valores não consideram os ajustes devidos até o fechamento da transação, que está sujeito ao cumprimento de certas condições precedentes, tais como a aprovação pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A presente divulgação está de acordo com as normas internas da Petrobras e com as disposições do procedimento especial de cessão de direitos de exploração, desenvolvimento e produção de petróleo, gás natural e outros hidrocarbonetos fluidos, previsto no Decreto 9.355/2018.

Essa operação está alinhada à estratégia de gestão de portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando à maximização de valor e maior retorno à sociedade.

A Petrobras segue concentrando cada vez mais os seus recursos em ativos de águas profundas e ultra-profundas, onde tem demonstrado grande diferencial competitivo ao longo dos anos, produzindo óleo de melhor qualidade e com menores emissões de gases de efeito estufa.

PSDB de luto pela morte da vice-prefeita de Coronel Ezequiel, Irma Dias

Faleceu na manhã desta terça-feira (28), a vice-prefeita de Coronel Ezequiel, Irma Dias (PSDB), na região do Trairi. Estava acometida de uma pancreatite aguda. Faleceu aos 40 anos. Professora de Ensino Fundamental, é filha do ex-prefeito Antônio Faustino, que administrou Coronel Ezequiel por três vezes. Externo nosso profundo sentimento de pesar aos amigos, familiares e correligionários.

Em março de 2020, Irma Dias assinou a ficha do PSDB para concorrer à reeleição, na chapa do prefeito Cláudio Marques, o Boba do MDB. Nas urnas tiveram 59,45% dos votos. Professora de ensino fundamental, Irma via na política a possibilidade de ajudar os mais vulneráveis. Recentemente, estava mais engajada no movimento do PSDB Mulher, onde participou do último encontro que valorizou a gestão feminina.

Irma estava no terceiro mandato de vice-prefeita em Coronel Ezequiel. Deixa o filho Bernardo, para quem volto minhas orações para que Deus saiba preencher a lacuna da saudade ao longo da caminhada da vida.

Ezequiel Ferreira
Presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte
Presidente do PSDB/RN

Mossoró perde quase 5 mil doses de vacina por fim do prazo de validade

4.782 doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19 foram perdidas em Mossoró, a informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde de Mossoró nesta terça-feira (28). Os imunizantes passaram do prazo de validade após o descongelamento e não podem mais ser utilizadas.

O coordenador do programa municipal de imunização, Etevaldo de Lima, explicou que há público, mas que faltou interesse da população na procura da vacina. O coordenador lembrou ainda que após o descongelamento as vacinas devem ser aplicadas em até 31 dias.

“Público nós temos. O que está faltando é parte desse público buscar a vacinação contra a covid. Nós usamos de todas as estratégias, pontos extras de vacinação, vacinamos de domingo a domingo, porém a população não quer”, disse Etevaldo.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró – a segunda maior cidade do Rio Grande do Norte – o número de pessoas com a D3 em atraso é de 8.127. Em relação a D2 o número é ainda maior, são 11.280 pessoas que ainda não procuraram os pontos de vacinação para dar continuidade ao esquema.

Etevaldo de Lima faz um alerta ao dizer que outros imunizantes correm o mesmo risco de serem descartados por terem excedido os prazos de conservação estipulados na bula. Segundo a secretaria, o próximo lote da Pfizer com cerca de 7 mil doses, se vence no dia 15 de janeiro.

No caso da vacina Coronavac, após aberto o frasco, as doses devem ser aplicadas em até 8 horas. E para Astrzeneca, o prazo de aplicação após aberto o frasco é de 48 horas.

Leia maisMossoró perde quase 5 mil doses de vacina por fim do prazo de validade

Centrão teme custo eleitoral da postura antivacina de Bolsonaro em 2022

Jair Bolsonaro abraça o presidente do PL, o ex-deputado Valdemar Costa Neto Foto: Reprodução/ Youtube

O discurso antivacina de Jair Bolsonaro tem causado incômodo em caciques do Centrão, especialmente no PL, partido ao qual o presidente se filiou. A avaliação de alguns líderes é que as falas de tom negacionista do presidente têm afetado a sua popularidade e podem respingar em outros candidatos da sigla ou quem se disponha a enfrentar a disputa eleitoral do ano que vem a seu lado. Mesmo ontem, quando o Ministério da Saúde publicou uma nota que indicava a “recomendação” para a imunização contra a Covid-19 de crianças, Bolsonaro fez questão de afirmar que não vacinará sua filha Laura, de 11 anos. O presidente segue afirmando que ele próprio ainda não se vacinou.

No início de dezembro, o manda-chuva do PL, Valdemar Costa Neto, disse a um líder do PP que precisava “conversar com calma” com Bolsonaro, porque ele “precisa tomar vacina” contra a Covid-19. Apesar desse desconforto da cúpula da base aliada do governo, pessoas próximas do presidente reconhecem que ele provavelmente manterá o tom negacionista que agrada à parte mais radical do seu eleitorado.

Assim, nos últimos dias, Bolsonaro elevou os decibéis das críticas à vacinação contra a Covid-19 de crianças de 5 a 11 anos de idade. Segundo o presidente, “não está havendo morte de crianças que justifique algo emergencial”. Conforme O GLOBO mostrou, 301 crianças desta faixa etária para a vacinação morreram de Covid-19desde a chegada do coronavírus ao país, ou uma a cada dois dias.

Aliados do presidente são céticos sobre as chances de mudar a postura de um político que costuma ignorar conselhos de moderação. Por isso, pessoas próximas a Bolsonaro apostam numa estratégia para minimizar os danos causados pelo discurso antivacina.

— A gente precisa vacinar o povo. Mesmo com toda essa situação pessoal do presidente, o Brasil é o país que mais vacinou no mundo. as famílias têm a tradição de vacinação — minimiza o senador Wellington Fagundes (PL-MT).

Leia maisCentrão teme custo eleitoral da postura antivacina de Bolsonaro em 2022

Ausência de Dilma ‘problema’ em jantar de Lula gera polêmica

Os golpes começam assim', ataca Dilma sobre grampos, na posse de Lula -  Jornal O Globo

A ausência de Dilma Rousseff no jantar do grupo Prerrogativas que homenageou Lula –e que teve Geraldo Alckmin como convidado especial— segue rendendo polêmica.

PROBLEMA

Ela afirma que não foi convidada para o evento —e seus interlocutores circularam a versão de que Dilma acredita ter virado um problema político para Lula.

NA ESPERA

Já o organizador do jantar, o advogado Marco Aurélio de Carvalho, diz ter certeza absoluta de que seu convite chegou à ex-presidente. Ele afirma que ela era aguardada por todos. “Temos muito carinho e respeito pela Dilma. Sua presença seria uma alegria para todos nós. Lamento pelo ruído de comunicação”, afirma.

SUPERFICIAL

ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo confirma que conversou com Dilma sobre o jantar, “por telefone”. Mas “muito superficialmente”, segundo escreveu em um grupo de WhatsApp.

EM VÃO

Cobrado por Marco Aurélio se ela iria ao evento, Cardozo diz que voltou a procurá-la —mas não conseguiu novo contato. E assumiu a responsabilidade pelo desencontro.

MINHA CULPA

“Pessoal, tem tido alguma especulação sobre a não ida da Dilma no jantar. Gostaria de esclarecer que, de fato, o Marco me pediu que falasse com ela na época, logo que o jantar foi marcado. Eu por telefone falei com ela na época, mas muito superficialmente, ficando de falar com ela mais tarde. Posteriormente, na semana do jantar, o Marco me cobrou se ela iria, eu tentei falar com ela, inclusive porque era aniversário dela, e não consegui falar. Imaginando que alguma outra pessoa tivesse falado com ela eu acabei não fazendo mais nada. Portanto, se houve alguma culpa nesse episódio, ela é desse humilde subscritor que assume a responsabilidade e se penitencia”, escreveu o ex-ministro da Justiça no grupo de advogados.

Folha Uol

O novo dilema de Jair Bolsonaro

Bolsonaro reconhece que proposta do voto impresso pode ser derrotada na  Câmara - Jornal O Globo

Aliados têm aconselhado Jair Bolsonaro (foto) a evitar declarações contra a vacinação contra a Covid em crianças e adolescentes. Para o entorno do presidente, a cruzada bolsonarista contra a imunização infantil pode ter sérios efeitos colaterais em 2022.

Ontem, como mostramos, Bolsonaro disse que sua filha de 11 anos, Laura, não será imunizada.

“Espero que não haja interferência do Judiciário, porque minha filha não vai se vacinar”, disse.

Na visão da chamada ala política do Palácio do Planalto, esse tipo de manifestação não tem ajudado a inflar a base ideológica do presidente nas redes sociais e poderá minar, ainda mais, a popularidade de Bolsonaro junto às mulheres, por exemplo.

“É o tipo de luta perdida”, admitiu um importante aliado a O Antagonista.

Além disso, correligionários do PP, do atual ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, temem que o discurso antivacina seja usado por adversários na campanha do ano que vem, comprometendo a formação da bancada federal do partido.

O antagonista

Rogério Marinho fará retrospectiva das ações de seu Ministério nesta quarta no programa A Voz do Brasil

O ministro do Desenvolvimento Regional, o potiguar Rogério Marinho, será destaque nesta quarta (29) no programa “A Voz do Brasil”, veiculado diariamente nas rádios brasileiras.

No programa, o ministro vai falar sobre as ações do Ministério, um dos principais da gestão do presidente Jair Bolsonaro, que tem trabalhos desenvolvidos em todos os estados brasileiros.

O ministro deverá destacar as atividades no Rio Grande do Norte, no qual o Ministério do Desenvolvimento Regional tem sido um dos principais na destinação de recursos para ações de infraestrutura, especialmente na área hídrica.

“A Voz do Brasil” tem início às 19h em todas as rádios brasileiras.

Fonte: Portal Grande Ponto

Turista é preso após atropelar e matar idoso ao sair de festa em São Miguel do Gostoso

Turista é preso após atropelar e matar idoso ao sair de festa em São Miguel do Gostoso — Foto: Reprodução

Um turista foi preso em flagrante na manhã desta segunda-feira (27), após atropelar e matar um idoso na RN-023 durante a madrugada.

De acordo com a Polícia Militar, o motorista tinha acabado de sair de uma festa em São Miguel do Gostoso. Ele dirigia um carro alugado da marca Jeep. Após o atropelamento, o turista fugiu do local sem prestar socorro.

Após denúncia de testemunhas, o turista foi encontrado e preso em uma pousada em São Miguel do Gostoso, por volta das 11h30 desta segunda (27).

Ele apresentou à PM documentos do Rio de Janeiro, mas informou que mora na Europa.

O idoso era morador de São Miguel do Gostoso. A identidade dele não foi divulgada.

O turista foi levado para a delegacia do município de Touros, onde deve realizar um teste de alcoolemia.

Fim de ano em Gostoso

São Miguel do Gostoso fica no litoral norte do RN, a 100 quilômetros da capital potiguar. A cidade recebe uma grande festa no final do ano que atrai turistas de vários estados do país.

São oito dias de festa, de 26 de dezembro a 2 de janeiro, com atrações nacionais como Wesley Safadão, Matheus e Kauan, Xand e outros.

G1RN

Defesa gasta verba da Covid para comprar filé mignon e picanha, diz TCU

Ministério da Defesa justifica gastos com alimentação e diz que tropa tem  370 mil militares - Jornal O Globo

O Ministério da Defesa gastou recursos destinados ao enfrentamento da Covid-19 para a compra de filé mignon e picanha. A constatação é de uma auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União).

Segundo informações do levantamento sigiloso feito pela Selog (Secretaria de Controle Externo de Aquisições Logísticas) obtido pela Folha, foram usados R$ 535 mil em itens considerados de luxo.

A auditoria foi aberta para investigar supostas irregularidades na aquisição de gêneros alimentícios desde 2017. Chamaram a atenção dos técnicos os gastos das Forças Armadas durante a pandemia em 2020.

A análise foi autorizada pelo ministro Walton Alencar Rodrigues, relator do caso na corte. Os auditores esperavam que, como consequência do regime telepresencial de trabalho, houvesse redução de gastos com alimentação.

Não foi o que ocorreu com o Ministério da Defesa, que, ao contrário dos Ministérios da Educação e da Saúde, aumentou essas despesas.

A assessoria de imprensa da Defesa afirmou, em nota, que as atividades do Exército, da Marinha e da Aeronáutica foram mantidas na pandemia. Isso inclui, disse o órgão, a alimentação fornecida às tropas.

A auditoria constatou que, dentre os órgãos superiores dos três Poderes, a Defesa foi o que mais gastou recursos para compra de itens considerados não essenciais. Destacam-se bacalhau, salmão, camarão e bebidas alcoólicas.

[…] Não parece razoável alocar os escassos recursos públicos na compra de itens não essenciais, especialmente durante a crise sanitária, econômica e social pela qual o país está passando, decorrente da pandemia

Auditoria do TCU

Relatório de gastos

Parte do dinheiro usado para a compra dos itens não essenciais, como filé mignon e picanha, foi obtida da ação orçamentária “21C0 – Enfrentamento da Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional decorrente do Coronavírus”.

Leia maisDefesa gasta verba da Covid para comprar filé mignon e picanha, diz TCU