No governo de Ivan Júnior, o Assu saiu de 4 para 18 unidades de saúde

Enquanto o atual governo do prefeito Gustavo Soares (irmão do deputado estadual do PR George Soares), que é médico, falta até dipirona nos postos de saúde da rede municipal, revelando assim o caos de um gestor que aparece de duas ou três vezes por mês no município e administra virtualmente a terra do poeta Renato Caldas – o pré-candidato a deputado estadual pelo PSD Ivan Júnior, revelou que no seu governo, o Assú passou de quatro unidades de saúde para 18 postos de atendimento, prestando um serviço de alta qualidade aos pacientes.

O ex-prefeito Ivan Júnior explicou que quando assumiu o governo, a cidade não tinha pronto socorro municipal, mas com esforço e dedicação, no final do seu mandato deixou um pronto socorro funcionando para atender a população. Ele afirmou conseguiu nesse período de oito anos, ampliar o número de unidades de saúde de quatro para dezoito, mas diz que só tem a lamentar do descaso e da negligência do atual governo como o prefeito deixa faltar até dipirona.

Na entrevista concedida ao programa Panorama do Vale, o pré-candidato Ivan Júnior também criticou o descaso do prefeito Gustavo Soares com relação a fumaça tóxica que vem do lixão e não toma nenhuma providência para conter os focos de incêndio que acabam por prejudicar a saúde da população, principalmente as crianças e os idosos, os mais afetados por serem obrigados a respirar a fumaceira de dia e de noite do lixão. Escute abaixo trecho da entrevista a Jarbas Rocha:

Delação de Palocci é homologada por desembargador do TRF-4

Relator da Operação Lava-Jato no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), o desembargador João Pedro Gebran Neto homologou nesta sexta-feira a delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci, que comandou a pasta da Fazenda no governo do ex-presidente Lula e foi chefe da Casa Civil da gestão de Dilma Rousseff.

Como O GLOBO revelou em abril, depois de tentar, sem sucesso, fechar um acordo de colaboração com a força-tarefa da Lava-Jato em Curitiba, Palocci acabou firmando um acordo pontual com a Polícia Federal, sem o envolvimento de autoridades com foro privilegiado. O acordo foi homologado dois dias após o Supremo Tribunal Federal (STF) liberar a PF para firmar delações.

Na delação, Palocci citaria episódios desabonadores envolvendo tanto Lula quanto Dilma e detalharia pagamentos de propina ao PT envolvendo empreiteiras investigadas no escândalo da Petrobras. Os termos do acordo firmado com a PF e agora homologado pela Justiça ainda estão sob sigilo. O Globo

Leia maisDelação de Palocci é homologada por desembargador do TRF-4

Defesa de Lula nega pedido de prisão domiciliar para o ex-presidente

O ex-presidente Lula participa de missa em homenagem à Marisa Letícia, no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP) - 07/04/2018

Em nota distribuída à imprensa na noite de quinta-feira 21, a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negou que vai solicitar ao Supremo Tribunal Federal (STF) que o petista passe a cumprir prisão domiciliar. Lula está preso na sede da Polícia Federal em Curitiba desde 7 de abril e terá um recurso apreciado pela Corte na terça-feira, 26.

“O ex-presidente Lula está pedindo nos recursos dirigidos aos tribunais superiores o restabelecimento de sua liberdade plena porque ele jamais praticou qualquer ato ilícito”, diz o texto assinado pelo advogado Cristiano Zanin Martins. “A defesa de Lula não apresentou ao STF ou a qualquer outro Tribunal pedido de prisão domiciliar.”

A Segunda Turma do STF vai julgar na próxima terça-feira, 26, um pedido da defesa para que Lula deixe a prisão. O caso foi incluído na pauta de julgamentos do colegiado a pedido do ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF.

Leia maisDefesa de Lula nega pedido de prisão domiciliar para o ex-presidente

Bolsonaro: candidato à Presidência do PSL teme um atentado

Desde que anunciou a candidatura à Presidência da República, o deputado Jair Bolsonaro mudou sua rotina. No Rio de Janeiro, onde mora, deixou de frequentar lugares movimentados, não vai mais à praia e evita até visitas à padaria da esquina. Se a incursão for inevitável, ele quase sempre sairá com uma de suas duas pistolas automáticas no coldre.

Em suas andanças pelo país, é protegido por um esquema de segurança. Recentemente, contratou um capitão reformado das Forças Especiais do Exército, especialista em proteção de autoridades, que o acompanha por todos os lugares, inclusive no Congresso. Trata-se de precaução e medo. Líder nas pesquisas eleitorais, Bolsonaro teme ser alvo de um atentado durante a campanha.

O deputado recebeu apenas ameaças virtuais, mas consultou a Polícia Federal sobre a possibilidade de ter a proteção de agentes — coisa que só poderá ocorrer quando Bolsonaro virar candidato oficial do PSL, o que deve se dar no fim de julho. Por ora, ele vai continuar contando apenas com seus guarda-costas, o apoio das polícias dos estados que visita e sua arma pessoal. VEJA

Maioria entre indecisos, mulheres de menor renda podem definir eleição presidencial

Eleitora votando em São Paulo

A menos de quatro meses da disputa presidencial, um terço do eleitorado brasileiro não tem candidato. A atual rejeição aos nomes que tentam consolidar sua candidatura, porém, não é uniforme: a indefinição do voto feminino hoje é muito superior a do masculino, indicando que a escolha delas terá um peso importante para definir o quadro eleitoral daqui para frente.

As mulheres representam 52% do eleitorado brasileiro, segundo dados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). E a incerteza delas se intensifica ainda mais com a saída do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) da disputa, cenário hoje mais provável devido à sua condenação em segunda instância por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Segundo a última pesquisa do Instituto Datafolha, se a eleição presidencial tivesse ocorrido no início de junho com outro petista na disputa (Fernando Haddad ou Jaques Wagner), 41% das eleitoras brasileiras não teriam escolhido qualquer candidato. Essa é a soma das que responderam que não sabiam ainda em quem votar ou que votariam em branco ou nulo. Já no caso dos homens, esse percentual cai para 25%.

Quatro anos atrás, em junho de 2014, quando Dilma Rousseff (PT) concorria à reeleição contra Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB), a indefinição entre os homens era parecida (24%), mas entre as mulheres menor do que agora (34%). Mariana Schreiber – BBC

Leia maisMaioria entre indecisos, mulheres de menor renda podem definir eleição presidencial

Entenda a decisão do TST sobre os prazos da reforma trabalhista

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) se posicionou sobre um dos pontos mais polêmicos da reforma trabalhista: a aplicação das novas regras a processos ajuizados antes de 11 de novembro do ano passado, quando a legislação entrou em vigor. Foi decidido que as mudanças trazidas pela lei em relação ao procedimento das ações judiciais só valem para os casos que chegaram à Justiça depois da vigência da reforma.

Mas o que isso significa exatamente?

A decisão do TST se refere principalmente às questões processuais, ou seja, como os processos são feitos. Há aspectos como os honorários dos advogados — a nova lei prevê que os honorários da parte vencedora sejam pagos pela parte perdedora. A instrução normativa não obriga juízes e desembargadores em instâncias inferiores a decidirem conforme o entendimento do TST. O documento apenas indica como o Tribunal vai se portar em relação aos processos que estão na Corte. O Globo

Leia maisEntenda a decisão do TST sobre os prazos da reforma trabalhista

Comissão da Câmara aprova bloqueio de ofertas de telemarketing pelo consumidor

O consumidor poderá manifestar a vontade de não receber ligações telefônicas ou mensagens de texto com ofertas de produtos e serviços. Proposta neste sentido foi aprovada pela Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados.

De acordo com o texto, as operadoras de serviços de telemarketing ficam obrigadas a oferecer um canal direto e facilitado, por meio telefônico ou eletrônico, para que o consumidor possa incluir ou retirar seu contato da lista de interessados em produtos e serviços de determinada empresa. Nesse caso, um novo contato só será permitido mediante vontade expressa do consumidor.

A proposta estabelece ainda que, em qualquer contato telefônico, deverá será informada uma tecla para interromper a chamada e automaticamente remover o consumidor do cadastro de telemarketing da empresa por quatro meses. O Globo

Leia maisComissão da Câmara aprova bloqueio de ofertas de telemarketing pelo consumidor

Com gols nos acréscimos, Brasil bate Costa Rica por 2 a 0

https://f.i.uol.com.br/fotografia/2018/06/22/15296746585b2cfba225894_1529674658_3x2_th.jpg

Com gols nos acréscimos, o Brasil superou o nervosismo em campo e bateu a Costa Rica por 2 a 0. Os gols de Coutinho e Neymar saíram aos 46 e 52 minutos do segundo tempo. Com o resultado, o time de Tite assumiu a liderança do Grupo E, com quatro pontos. O próximo jogo será contra a Sérvia, na quarta-feira (27).

Pelo mesmo grupo, às 15h, Sérvia e Suíça se enfrentam na arena de Kaliningrado. A vitória dos sérvios dá a eles o passaporte para as oitavas de final.

Já pelo Grupo D, às 12h, Nigéria e Islândia jogam em Volgogrado. O jogo tem ares dramáticos porque interessa diretamente à Argentina, que perdeu para a Croácia por 3 a 0 e não depende mais dela para avançar às oitavas de final da competição.

Por aqui, uma novidade. O leitor da Folha pode acompanhar as estatísticas de todos os jogos da Copa por meio de gráficos, com dados sobre troca de passes, posição em campo e mapas de calor da posse de bola. Folha de são Paulo

Polícias Civil e Militar prende 9 pessoas em Nova Cruz

Policiais Civis da 6ª Delegacia Regional de Polícia e policiais militares do 8° Batalhão de Polícia Militar realizaram na manhã de hoje (21), na cidade de Nova Cruz, uma operação denominada Griffo’s II (guardiões II). A operação teve o intuito de desarticular organizações criminosas que atuam na cidade, responsáveis por crimes de homicídio e tráfico de drogas que vem ocorrendo no município. A operação contou com a participação de aproximadamente 100 policiais, dentre civis e militares.

Na ação, os policiais deram cumprimento a 6 mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão, resultando na prisão de 9 pessoas até o momento e na apreensão de 4 armas de fogo, sendo um revólver calibre 38 e 3 espingardas caseiras calibre 12, quinze munições intactas de calibre 38 e oito munições intactas de calibre 12. Também foram apreendidos, aproximadamente, 900 reais em dinheiro fracionado, provavelmente oriundo do tráfico de drogas e um Rádio Comunicador – HT, na frequência da polícia.

As pessoas detidas foram conduzidas até a 6° DRP de Nova Cruz, onde foi dado cumprimento aos mandados de prisão, como também foram confeccionados os autos de prisão dos indivíduos presos em flagrante.

Leia maisPolícias Civil e Militar prende 9 pessoas em Nova Cruz

Sindicatos e federação começam a atender a orientações do MPF sobre trabalho rural

Objetivo é evitar fraudes que vinham ocorrendo a partir da emissão de certificados irregulares, utilizados para obtenção de benefícios previdenciários

Um total de 14 sindicatos de trabalhadores rurais da região do Seridó e a Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do RN (Fetarn) já se comprometeram a acatar a recomendação do Ministério Público Federal (MPF) a respeito do maior rigor na emissão de certidões. Alguns desses documentos são utilizados para a solicitação de benefícios específicos do INSS, voltados exclusivamente para agricultores e pescadores, e denúncias de fraudes vinham chegando ao conhecimento do MPF.

A lista dos sindicatos que já se comprometeram inclui os de São Vicente, Ipueira, Parelhas, Caicó, São Fernando, Jucurutu, Acari, Ouro Branco, Jardim de Piranhas, Equador, Currais Novos, Jardim do Seridó, Santana do Seridó e São João do Sabugi. Além desses, também já se manifestou favoravelmente a Associação dos Pescadores de Equador.

A Fetarn expediu, em maio, um manual detalhando boas práticas a serem adotadas pelas entidades filiadas, em conformidade com a recomendação do MPF. As orientações incluem a capacitação de dirigentes e funcionários dos sindicatos responsáveis por emitir os documentos, bem como a atualização do cadastro de associados e o fortalecimento das ações de esclarecimento dos trabalhadores.

Reunião – No último dia 5, a procuradora da República Maria Clara Lucena se reuniu com representantes da Fetarn e dos sindicatos rurais de Caicó, Acari e Cruzeta para tratar de detalhes sobre as medidas recomendadas. Os sindicalistas afirmaram haver total interesse das entidades em regularizar a emissão desses documentos, mas também lembraram que há divergências do INSS e da Justiça quanto aos parâmetros utilizados para classificar um trabalhador como agricultor ou pescador.

Leia maisSindicatos e federação começam a atender a orientações do MPF sobre trabalho rural

Encontro com Marina frustra integrantes do Agora!

Dida Sampaio/Estadão

O jantar promovido na quarta-feira, 20, pelo apresentador Luciano Huck com a presença da ex-ministra Marina Silva (Rede) e integrantes do movimento Agora! frustrou as expectativas dos ativistas presentes. Segundo relatos de participantes, a ideia era tentar romper o isolamento político da pré-candidata, que até agora não se aproximou de nenhuma legenda para as eleições 2018.

Defendida por setores da Rede, uma eventual aliança com o PPS, que poderia indicar o presidente da legenda, Roberto Freire, como vice na chapa, foi abordada no encontro, mas Marina teria demonstrado pouca disposição para o diálogo.

No domingo, o senador Randolfe Rodrigues (AP) afirmou ao Estado que a Rede estaria buscando Freire para ser vice na chapa de Marina. O presidente do PPS, contudo, nega que tenha sido procurado e continua defendendo que o seu partido mantenha o compromisso de apoio ao tucano Geraldo Alckmin.

No jantar, Marina elogiou Freire, lembrou que eles estiveram juntos na disputa presidencial de 2014 (o PPS apoiou a candidatura de Eduardo Campos/Marina, do PSB) e que isso tornaria uma aliança entre as siglas algo “natural”. Marina não deu, porém, nenhum indicativo de que iria procurá-lo, ou de que se esforçaria para costurar um acordo.

Gilberto Amendola, Marianna Holanda e Pedro Venceslau, O Estado de S.Paulo

Leia maisEncontro com Marina frustra integrantes do Agora!

Investigação avança, e Dersa ‘vira a Petrobras’ da Lava Jato em SP

Nos últimos quatro anos, a Operação Lava Jato investigou suspeitas de crimes em diversos órgãos da administração pública, mas foi na relação criminosa entre empreiteiras e dirigentes da Petrobras que tudo começou – e onde, também, se alcançaram os resultados mais significativos, em termos de retorno de valores da corrupção e réus condenados.

Após pouco mais de um ano de trabalho, a força-tarefa da operação em São Paulo parece ter finalmente encontrado aquele que será o foco das suas investigações no estado: a Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A), estatal de engenharia do governo de São Paulo, comandado nas últimas duas décadas pelos tucanos José SerraAlberto Goldman e Geraldo Alckmin.

Conhecida por suas grandes obras de infraestrutura, a Dersa voltou ao noticiário policial nesta quinta-feira, 21, com a notícia da prisão de Laurence Casagrande Lourenço, executivo que a dirigiu de 2011 até abril deste ano. De acordo com a representação apresentada pela Polícia Federal à Justiça, ele é suspeito de ter, como presidente da estatal, assinado aditivos aos contratos de construção do trecho norte do Rodoanel que aumentaram os custos da obra sem qualquer necessidade, beneficiando as empresas responsáveis.  Guilherme Venaglia – VEJA

Leia maisInvestigação avança, e Dersa ‘vira a Petrobras’ da Lava Jato em SP

Em Mossoró, governador firma termo para regularizar imóveis nas cidades e no campo

O governador Robinson Faria assinou nesta quinta-feira, 21, em Mossoró, termo de cooperação técnica entre o Governo do RN, prefeitura de Mossoró e a Universidade Federal do Semi-Árido (Ufersa) para construção de moradias, entrega de cartões reforma para famílias de baixa renda e títulos de terra. A cooperação entre o Governo do Estado, a prefeitura municipal e a Universidade permite a regularização fundiária de imóveis urbanos e rurais em 38 municípios, inclusive beneficiando residências construídas pela extinta Cohab.

“A regularização fundiária garante a propriedade efetiva do imóvel. Com o título, o proprietário pode, inclusive, ter crédito junto ao sistema financeiro dando o imóvel como garantia. Outra vantagem é que assegura o direito de herança, o imóvel passa a ser patrimônio da família. Isso dá segurança e valoriza as pessoas”, afirmou o governador Robinson Faria.

Os municípios beneficiados em todo o RN são: Água Nova , Alexandria , Almino Afonso, Antônio Martins, Areia Branca, Baraúna, Coronel João Pessoa, Doutor Severiano, Encanto, Francisco Dantas, Frutuoso Gomes, Grossos, Itaú, João Dias, José da Penha, Luís Gomes, Major Sales, Marcelino Vieira, Mossoró, Paraná, Patu, Pau dos Ferros, Pilões, Portalegre, Rafael Fernandes, Rafael Godeiro, Riacho de Santana , São Francisco do Oeste , São Miguel, Serra do Mel, Serrinha dos Pintos, Severiano Melo, Taboleiro Grande, Tenente Ananias, Tibau, Umarizal, Venha-Ver, Viçosa.

Leia maisEm Mossoró, governador firma termo para regularizar imóveis nas cidades e no campo

Governo antecipa entrega da reforma do teatro Lauro Monte Filho

Boa notícia para o setor cultural de Mossoró: a reforma do Teatro Lauro Monte Filho, um dos principais equipamentos públicos da cidade, será entregue pelo Governo do Estado antes do prazo, em outubro deste ano.

Localizado na Praça Vigário Antônio Joaquim, no Centro de Mossoró, o prédio está recebendo um investimento de R$ 5 milhões que vai recuperar a sua estrutura física e equipamentos como iluminação, cenários, cadeiras, camarotes e sistema de refrigeração.

O cronograma das obras previa a conclusão para abril de 2019. Mas o governador Robinson Faria solicitou agilidade às obras e a construtora responsável se comprometeu a adiantar os serviços e entregar o serviço no próximo mês de outubro.

Projeto de como ficará o Teatro Lauro Monte Filho_

O Teatro estava fechado há 8 anos, em avançado processo de deterioração servindo de abrigo para pombos, ratos e morcegos. “Agora nossa administração está recuperando o prédio e reequipando esta casa de cultura que é de grande importância para Mossoró e para o Rio Grande do Norte na valorização da nossa identidade cultural”, afirmou o governador Robinson Faria em visita às obras nesta sexta-feira, 21.

Robinson Faria acrescentou que a reforma “é uma reivindicação não só da classe artística de Mossoró, mas de toda a população que passará a ter um teatro moderno, bem equipado e com conforto para a apresentação de espetáculos e para atividades culturais e de lazer”.

Termina Encontros Regionais 2018 do Ministério Público em Martins

Terminou nessa quinta-feira (21), em Martins, mais uma edição dos Encontros Regionais do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN). As reuniões, que aconteceram também em Natal, Mossoró e Caicó, serviram para aproximar os integrantes do MPRN à Administração Superior.

A equipe da Procuradoria-Geral de Justiça utilizou esse espaço para apresentar projetos, estimular o debate e levar a instituição a avançar em defesa da sociedade potiguar, como destacou o Gerente de Gestão Estratégica, Wilton Alves Pequeno.

“Os encontros trouxeram a possibilidade de criar um instrumento de aproximação da Administração Superior com membros e servidores, a partir do qual eles puderam tirar dúvidas presencialmente, aprimorando, com isso, o diálogo institucional”, afirmou Wilton Pequeno.

Leia maisTermina Encontros Regionais 2018 do Ministério Público em Martins

%d blogueiros gostam disto: