Tasso Jereissati deve assumir a presidência do PSDB no lugar de Aécio

Jereissati

O senador tucano Tasso Jereissati (CE) vai assumir a presidência nacional do PSDB no lugar de Aécio Neves (MG), segundo a colunista do Estado de São Paulo, Andreza Matais. O mineiro relutou em deixar o comando da legenda, mas foi voto vencido pela maioria dos tucanos. Chegou-se a cogitar a indicação de Carlos Sampaio (SP).

A Juventude do PSDB divulgou comunicado oficial pedindo o afastamento de Aécio Neves da direção da legenda. “Nesse momento, é preciso reforçar o nosso compromisso do nosso partido em defender de forma intransigente a nossa democracia. Para tal, entendermos ser urgente e necessário que o partido possa ser conduzido por alguém que compartilhe dos mesmos valores que justificaram a fundação da nossa sigla”, diz a nota do grupo, segundo a Agência Estado.

A  situação de Aécio se agravou após o empresário Joesly Batista, dono da JBS, entregar à Procuradoria Geral da República (PGR) uma gravação na qual Aécio pede R$ 2 milhõesao empresário, sob a justificativa de que precisava da quantia para pagar despesas com sua defesa na Operação Lava Jato. A Polícia Federal teria filmado um primo de Aécio pegando esse dinheiro.

Deixe um comentário