Lula tem encontro com CNBB por combate às reformas de Temer

Abertura do 6º Congresso Nacional do PT (Partido dos Trabalhadores), nesta quinta-feira (1º) no Centro de Eventos Brasil 21, em Brasília (DF). Presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente Dilma Rousseff, presidente do PT, Rui Falcão

Em Brasília para o congresso nacional do PT, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu nesta quinta-feira (1º) com a cúpula da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).

Na audiência com o presidente da CNBB, dom Sérgio Rocha, e o secretário-geral da confederação, dom Leonardo Steiner, Lula discutiu a realização de atos com juristas e intelectuais contra as reformas propostas pelo governo Temer.

Presente à audiência, o ex-ministro Gilberto Carvalho conta que Lula fez um relato sobre o momento político. A intenção, segundo Carvalho, é intensificar a relação com a igreja em oposição às reformas, segundo informações da Folha de São Paulo.

TSE vai reforçar segurança no julgamento da ação que pode cassar Temer

Entre terça e quinta-feira da próxima semana, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai reforçar a segurança e limitar o acesso a algumas vias e estacionamentos públicos próximos ao prédio. Nesses dias, está programado o julgamento da ação que poderá levar à cassação do presidente Michel Temer.

O TSE fica no Setor de Administração Federal Sul, em Brasília. Três vias e dois estacionamentos vão ter restrições de acesso. Além disso, a inspeção na entrada do prédio será reforçada com equipamentos de raio X e detectores de metais, segundo informações de O Globo.

Leia mais

Ministério Público pede prisão preventiva de Garotinho após testemunha relatar ameaças

O Ministério Público do Rio de Janeiro apresentou à Justiça eleitoral novo pedido de prisão preventiva contra o ex-governador do Rio Anthony Garotinho. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ), o caso será analisado pelo juiz da 100ª Zona Eleitoral, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense.

Garotinho é réu em decorrência da Operação Chequinho, que investiga suposta fraude nas eleições municipais de Campos no ano passado com o uso de um programa assistencial, o Cheque Cidadão. Em novembro, o ex-governador chegou a ser preso preventivamente junto com vereadores do município fluminense, mas obteve um habeas corpus.

Em maio, uma testemunha-chave da operação denunciou à Polícia Federal ter sofrido ameaças. A pressão seria para não dar detalhes, em depoimento, sobre o esquema que envolveria compra de votos em troca do cadastramento no programa Cheque Cidadão, da prefeitura local. As informações são de O Globo.

Leia mais

Procuradoria cobra multa de R$ 6 milhões de Aécio e Andrea Neves

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu, na denúncia oferecida no Supremo Tribunal Federal (STF) que seja aplicada uma multa de R$ 6 milhões ao senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) e sua irmã Andréa Neves por danos morais e materiais.

Na denúncia, Aécio e Andrea são acusados de corrupção passiva. O tucano também foi denunciado por obstrução de Justiça. Na peça, Janot diz que Aécio usou o cargo de senador para solicitar “recebimento de vantagem indevida de R$ 2 milhões” e que o empresário Joesley Batista, dono da JBS, teria um “histórico de pagamento de vantagens indevidas” ao tucano.

A “vantagem indevida” teria sido paga em quatro parcelas de R$ 500 mil nos dias 05, 12 e 19 de abril e 03 de maio ao primo de Aécio, Frederico Pacheco, e ao assessor do senador Zezé Perrela (PMDB-MG) Mendherson Souza Lima. As informações são de O Estado de São Paulo.

Leia mais

PF prende engenheiro que parcelava propina

Policiais federais de Jales, no interior de São Paulo, deflagraram na manhã desta sexta-feira, 2, a Operação Liquidação e prenderam um engenheiro civil que presta serviços de fiscalização em obras para a Caixa Econômica Federal.

Antonio Eden Cabral Paro foi preso em flagrante quando havia acabado de receber R$ 5 mil, parte em dinheiro vivo e parte em cheque, relativos a uma propina que teria exigido de um empresário da construção civil. A abordagem ocorreu nas proximidades da agência da Caixa de Jales.

Paro, de 63 anos, reside no município de Votuporanga (SP). Segundo a PF, ele é credenciado pela Caixa para fiscalizar obras financiadas em vários municípios da região de São José do Rio Preto, inclusive do programa Minha Casa, Minha Vida. As informações são de O Estado de São Paulo.

Leia mais

PF prende quatro por desvios no sistema de Saúde do Maranhão

A Polícia Federal prendeu quatro investigados em flagrante na Operação Rêmora, quarta fase da Sermão dos Peixes, que investiga desvios de recursos públicos federais destinados ao sistema de saúde do Maranhão. Os federais apreenderam R$ 71 mil.

Segundo a PF, alguns presos serão custodiados ‘duas vezes’, em razão do mandado de prisão expedido e da prisão em flagrante.

Um dos alvos capturados é funcionário do Instituto de Desenvolvimento e Apoio à Cidadania – IDAC, organização social sem fins lucrativos, que geria os recursos públicos da Saúde do Maranhão. Ele foi preso com R$ 71 mil na sede do IDAC.

A PF cumpre na Rêmora 19 mandados judiciais, expedidos pela 1.ª Vara Criminal Federal de São Luís, sendo: 4 mandados de prisão preventiva, 1 de prisão temporária e 9 de busca e apreensão. Foi determinado o bloqueio judicial e sequestro de bens num total que supera a cifra de R$ 12 milhões.

Leia mais

Diplomatas e servidores do Itamaraty divulgam carta contra repressão às manifestações

manifestacao_24_de_maio_esplanada_jornalistas_livres_3.jpg

Uma carta pública divulgada por 93 diplomatas e 25 oficiais e assistentes do Itamaraty repudia o uso da força na repressão de manifestação e demonstra preocupação com o “acirramento da crise social, política e institucional que assola o Brasil”.

O documento, intitulado “Diplomacia e Democracia”,  não teve a participação da cúpula do Ministério das Relações Exteriores e foi escrito por servidores que trabalham em diferentes locais do mundo.
A carta também pede diálogo para a “retomada de um novo ciclo de desenvolvimento, legitimado pelo voto popular” e afirmam que conquistas importantes para a sociedade e a relevância internacional do país “estão ameaçados”. Outras entidades de servidores públicos, como a Associação dos Funcionários do BNDES, se solidarizaram com os funcionários do Itamaraty.
De acordo com a BBC Brasil, o manifesto foi motivado por nota oficial divulgada pelo MRE em resposta a órgãos internacionais, como a ONU e a Organização dos Estados Americanos (OEA) que criticaram a violência contra manifestantes no país.

Leia mais

Apesar do discurso, PT não acredita na realização de eleições diretas

Apesar do discurso em defesa de eleições diretas, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e dirigentes petistas consideram improvável que o Congresso aprove uma proposta de emenda constitucional autorizando sua realização. Outro empecilho, segundo integrantes do PT, é o curto espaço de tempo disponível até as eleições de 2018. Mesmo assim, o partido continuará defendendo essa saída para o país, como forma de mobilizar sua militância e de se manter próximo dos movimentos sociais.

— Queremos é aglutinar forças para 2018 — afirmou um integrante da Executiva Nacional do PT, segundo informações de O Globo.

Em seu discurso na abertura do 6º Congresso do partido, na noite desta quinta-feira, Lula descartou a participação do PT em eventual eleição indireta, mas mirou nas eleições de 2018:

— Dois mil e dezoito está longe para quem não tem esperança. Para nós está logo aí e já começou — disse o ex-presidente.

Leia mais

Janot apresenta denúncia contra Aécio por corrupção e obstrução à Justiça

A Procuradoria-Geral da República apresentou nesta sexta-feira denúncia contra o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG). O senador foi denunciado pelos crimes de corrupção passiva e obstrução à justiça. Já sua irmã Andrea Neves, o primo Frederico Medeiros e Mendherson Souza Lima, assessor do senador Zezé Perrela, foram denunciados por corrupção passiva, segundo O Globo.

No parecer, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pede que seja aberto um outro inquérito contra Aécio para investigar crime de lavagem de dinheiro.

O dono da JBS Joesley Batista entregou à Procuradoria-Geral da República (PGR) uma gravação em que Aécio pede R$ 2 milhões ao empresário, sob a justificativa de que precisava da quantia para pagar despesas com sua defesa na Lava-Jato. O primo do senador foi filmado recebendo o dinheiro.

PF achou R$ 20 mil em dinheiro vivo na casa de ex-assessor de Temer

Rocha Loures carrega mala com R$ 500 mil em dinheiro.
Buscas e apreensões, no âmbito da Operação Patmos, em endereços ligados ao ex-assessor de Michel Temer e ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), em Brasília, encontraram R$ 20 mil em dinheiro vivo, na casa dele em Brasília. Os valores não foram confiscados por serem inferiores ao autorizado para apreensão.

Loures é investigado por supostamente agir em nome de Temer e na condição de ‘homem de confiança’ do presidente e interceder junto à diretoria do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) – órgão antitruste do governo federal – em benefício da JBS.

Delatores da JBS dizem que foi prometida uma ‘aposentadoria’ de R$ 500 mil semanas durante vinte anos a Loures e ao presidente Temer. As informações são de O Estado de São Paulo.

De olho em 2018, Alckmin pede fim de rebelião do PSDB-SP contra Temer

SAO PAULO, SP 26.05.2017, BRASIL, O Governador do Estado de Sao Paulo Geraldo Alckmin, participou da Assinatura do Dejem Ambiental Início de Operacao das Placas Fotovoltaicas do Parque Villa Lobos. Foto: Alexandre Carvalho/ A2 img ***DIREITOS RESERVADOS. NÃO PUBLICAR SEM AUTORIZAÇÃO DO DETENTOR DOS DIREITOS AUTORAIS E DE IMAGEM***

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), que pediu apoio a Michel Temer (PMDB)

Por Igor Gielow – Folha de são Paulo

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pediu o fim da rebelião da seção paulista do PSDB contra o governo de Michel Temer (PMDB). O tucano quer o partido unido na defesa do presidente, que enfrenta grave crise política decorrente da delação da JBS no âmbito da Operação Lava Jato.

Em jantar realizado com seis dos principais prefeitos tucanos do interior, na noite de quinta (1) no Palácio dos Bandeirantes, Alckmin pediu que eles usassem sua influência para esvaziar o encontro marcado para a próxima segunda (5), no qual o Diretório Estadual do partido pretendia anunciar o rompimento com Temer. O presidente deverá encontrar o governador neste fim de semana.

Estiveram no encontro os prefeitos de Santos, São Bernardo do Campo, São José dos Campos, Ribeirão Preto, Jundiaí e Piracicaba, além do presidente da Assembleia Legislativa, Cauê Macris, e do secretário de Governo, Samuel Moreira. O sétimo convidado, Paulo Serra (Santo André), estava viajando.

Leia mais

PF deflagra Rêmora contra desvios na Saúde do Maranhão

A Polícia Federal desencadeou na tarde desta sexta-feira, 2, a Operação Rêmora, quarta fase da Sermão aos Peixes, que investiga desvios de recursos públicos federais destinados ao sistema de saúde do Maranhão. As verbas eram administradas pelo Instituto de Desenvolvimento e Apoio à Cidadania – IDAC, organização social sem fins lucrativos.

A ação conjunta contou com a participação do Ministério Público Federal, do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) e da Receita.

Em nota, a PF informou que estão sendo cumpridos 19 mandados judiciais, expedidos pela 1.ª Vara Criminal Federal de São Luís, sendo: 4 mandados de prisão preventiva, 1 de prisão temporária e 9 de busca e apreensão. Foi determinado o bloqueio judicial e sequestro de bens num total que supera a cifra de R$ 12 milhões. As informações são de O Estado de São Paulo.

Leia mais

Rafael Motta é nomeado primeiro secretário da Juventude da Câmara dos Deputados

 

O deputado Rafael Motta (PSB) foi nomeado esta semana pela Mesa Diretora da Câmara dos Deputado como secretário da Juventude da Casa. O parlamentar é o primeiro deputado a ser designado para o cargo, que é responsável pelas políticas públicas implementadas pela Casa em benefício da juventude brasileira.

A Secretária da Juventude da Câmara dos Deputados foi criada em dezembro de 2016, com o objetivo de valorizar a juventude do Brasil.

Lula diz que não apoia eleição indireta nem se Jobim for candidato

6.º Congresso Nacional do PT

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta sexta-feira, 2, que nem mesmo se o ex-ministro da Defesa Nelson Jobim (PMDB) for candidato em uma eleição indireta ao Palácio do Planalto apoiará o nome dele. Em reunião com 28 delegações estrangeiras que participam do 6.º Congresso Nacional do PT como observadores, Lula afirmou que o partido está em campanha por eleições diretas para substituir o presidente Michel Temer. A portas fechadas, repetiu que não respaldará um processo no qual votem apenas deputados e senadores.

“Estão falando aí que, se o Jobim participar, eu não poderia ser contra, mas sou contra eleger qualquer candidato em eleição indireta, até mesmo ele”, disse Lula. “Prefiro perder dez eleições diretas a ganhar uma indireta.”

Nos últimos dias, porém, o ex-presidente pediu a um interlocutor que sondasse Jobim – ministro em seu governo e também no de Dilma Rousseff -, com o objetivo de verificar se ele tinha interesse em se candidatar em eventual Colégio Eleitoral, caso Temer seja deposto. O Estado apurou que Lula recebeu resposta negativa.

Leia mais

ANS determina suspensão da venda de 38 planos de saúde

Médicos

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) determinou a suspensão da venda de 38 planos de saúde de 14 operadoras, em função de reclamações relativas à cobertura assistencial, como negativas e demora no atendimento, recebidas no primeiro trimestre de 2017.

Em nota, a agência informa que a medida entra em vigor no dia 9 de junho e faz parte do monitoramento periódico feito pelo Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, da ANS.

A lista com os planos que terão a venda suspensa está disponível no site da ANS. A decisão atinge mais 739 mil consumidores que, segundo a agência, “estão sendo protegidos”.

Leia mais

%d blogueiros gostam disto: